5 Dicas para tornar sua newsletter mais eficiente 1

5 Dicas para tornar sua newsletter mais eficiente

Um bom empreendedor deve saber que a retenção de clientes às vezes é mais importante do que a aquisição, pois o custo para atrair novos consumidores sempre será maior do que o custo para mantê-los. Mais do que isso, fidelizar usuários numa época onde o leque de opções é tão grande se tornou uma habilidade ímpar para qualquer empreendedor.

Uma das estratégias preferidas que gera bons resultados para reter e fidelizar clientes é o uso de newsletters. Através de um e-mail é possível envolver o consumidor com a divulgação de novos produtos, promoções, novidades e envio de conteúdo premium. Porém, para essa tática funcionar é preciso dar atenção a detalhes importantes.

Para te ajudar, apresentamos uma série de dicas para que você aproveite todo o potencial da sua newsletter.

É tudo sobre seu público e seu conteúdo

Newsletters trabalham com taxas de conversão muito baixas. Em geral, abaixo de 3%. Para piorar, ainda há o problema de que muitos clientes não gostam de receber esse tipo de e-mail e acabam marcando como lixo eletrônico.

Para evitar isso, é preciso conhecer extremamente bem seu público: suas preferências, atividades e até a forma como ele utiliza a internet. Isso é importante, basicamente, por dois motivos:

  1. Para entender como sua newsletter deve sar usada. Por exemplo, em quais períodos da semana ela será mais efetiva e em quais horários ela deve ser enviada para uma melhor conversão;
  2. Para saber quais são os tipos de conteúdo que mais interessam à sua base, logo,

Ter um conhecimento profundo sobre as preferências do seu público irá te ajudar a criar conteúdo relevante e específico para eles. Isso significa que você não saberá apenas que seus clientes gostam de rock, mas exatamente de quais bandas eles estão falando. Você também precisa saber qual a melhor linguagem para se comunicar com seus leitores. Uma linguagem mais informal, por exemplo, pode conquistar um público mais jovem. Some todas essas informações e produza um conteúdo claro, direcionado e relevante para seus leitores.

Não esqueça que o interesse do público pelo e-mail começa nas chamadas e títulos dos textos, então dedique um tempo extra para deixá-los atraentes, sempre focando no perfil dos receptores. (Para saber um pouco mais como escrever um título matador, leia nosso post sobre o assunto!)

Design também é importante!

O conteúdo é o ponto forte da newsletter, mas ter um design adequado ao seu público e à mensagem ajuda a melhorar a experiência de leitura do e-mail. Nunca deixe o email com imagens pesadas e evite um design poluído com muita informação visual. Foque no que agregará valor, e não na quantidade. A formatação do texto e das imagens também deve ser levado em consideração para melhorar a conversão da sua campanha.

Contently: uma newsletter exemplar.

Contently: uma newsletter exemplar.

Sua newsletter nos smartphones e tablets

Definir o público, o conteúdo e os títulos é muito importante. E tão importante quanto isso são as formas que você oferece do conteúdo chegar ao seu usuário. A maneira como ele irá consumir esse conteúdo pode decidir se a newsletter será um fracasso ou um sucesso de conversão.

Atualmente é possível que a maioria dos seus clientes leia e-mail através de dispositivos móveis como smartphones e tablets. Tornou-se um hábito das pessoas acessarem esses aparelhos durante todo o dia, seja antes de começar a trabalhar, no horário de almoço ou no fim do dia. Isso deverá ser levado em consideração ao escolher o design da sua newsletter. É praticamente inaceitável que se utilize uma formatação que não se adapte aos dispositivos móveis.

Serviços para gerenciar suas campanhas

Use um serviço terceirizado de email marketing para auxiliar no gerenciamento de campanhas e listas. Amazon SES, Mailchimp e Mailee são boas opções para manter seus e-mail longe das caixas de spam por um preço justo. O custo de gerenciar internamente toda a parte tecnológica para uma entrega eficiente de e-mails é mais alto do que você imagina e só vale a pena se sua empresa tiver recursos para tal.

Revise, revise, revise

Reter e fidelizar envolve ter um conteúdo focado no seu cliente, mas também é sobre entregar um material de qualidade. Tome cuidado para não disparar e-mails com erros de português, links quebrados ou imagens que não abrem. Esse tipo de problema reduz o interesse do leitor, sua credibilidade e, com o tempo, afetará toda a sua base. Portanto, antes de disparar uma newsletter, revise quantas vezes for preciso.

A newsletter pode ser uma ferramenta muito eficiente se bem utilizada. Um conteúdo qualificado, bem montado e com um layout atraente irá conquistar seus leitores e fazer com que eles sempre leiam o que você enviar, criando uma relação de confiança com sua marca e fazendo com que eles consumam sempre.

Então, alguma dúvida sobre newsletters? Deixe um comentário que te ajudaremos!

 

(Imagem em destaque por: Zffoto / Shutterstock)
 
Autor(a)

Escrito por: Redator Rock Content Este artigo foi produzido por um dos mais de 5000 redatores da base da Rock Content. Quer conteúdo legal assim no seu blog? Fale com um consultor!



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!