5 métricas que você deve checar semanalmente

5 métricas que você deve checar semanalmente

Todo profissional de marketing sabe que coletar e analisar dados é uma parte importante do trabalho. Porém, existem muitas métricas que você pode rastrear para reunir todos esses dados. Por onde começar? Quais métricas checar? O que elas querem dizer? E, finalmente, com que frequência você precisa checá-las?

Cada métrica terá um objetivo diferente e por isso a importância de checá-las mensalmente, semanalmente ou diariamente variará. Entender isso será importante para ajustar e adaptar suas campanhas de marketing mais rapidamente, potencialmente levando a resultados melhores.

Nesse texto falaremos de 5 métricas que você deve checar semanalmente. Ou seja, você deve criar o hábito de acompanhar esses dados consistentemente ao longo do mês. Também daremos algumas dicas de como melhorá-los assim como se preparar para a semana seguinte. Vamos lá:

1 – Páginas visualizadas no blog

Uma forma bem simples de conseguir um feedback rápido dos seus artigos no blog é rastreando o número de vezes que eles foram visualizados. Você provavelmente terá mais visualizações em temas que sua audiência gostar e tiver vontade de compartilhar.

Você pode usar o Google Analytics para fazer esse rastreamento. Também existem ferramentas pagas que contam com essa funcionalidade, como o HubSpot. Você conseguirá coletar dados para comparar quais artigos foram mais visualizados, quanto tempo as pessoas estão gastando em cada página e sua taxa de rejeição.

Dica para melhorar

Mensurar as visualizações de seus blog posts é definir quais conteúdos estão performando melhor. Sabendo quais artigos tiveram mais acessos ajudará a decidir que tópicos e os formatos que deverão ser usados nas próximas publicações.

Use essas informações para planejar as próximas semanas de seu calendário editorial. Responda perguntas como:

  • Que tipo de blog post você deveria escrever?
  • O que sua audiência gosta de ler?
  • Quais temas fazem mais sucesso?

Ao acompanhar esses dados ao longo das semanas, você poderá fazer ajustes à programação do seu conteúdo para melhorar seus resultados.

2 – Conversão dos Call-to-Actions (ou CTAs)

Após alguém ler seu conteúdo, você quer que essa pessoa dê o próximo passo e clique no CTAs que você espalhou em seu blog (se quer saber como transformar seu blog em uma máquina de gerar leads, leia esse artigo), preferencialmente levando-o para uma landing page. Uma métrica que você definitivamente precisa de acompanhar é a taxa de conversão destes CTAs. Basicamente, você precisa saber quantas pessoas clicaram nesse CTA e viram sua landing page.

Dicas para melhorar

Primeiro, dê uma olhada em quais CTAs tiveram uma performance melhor hoje. Analise quais as diferenças deles para os outros que você usou. O que pode estar influenciando? Será o design do CTA? Ou o conteúdo para o qual ele convida é mais intrigante do que os outros?

Por exemplo, se você tem um CTA que leva para um template e está convertendo muito bem e um que leva para um blog post, que está com uma performance ruim, isso mostra que sua audiência prefere algo mais prático que os ajudará diretamente, como um template ou modelo. Não tenha medo de experimentar e procurar as melhores soluções.

3 – Alcance de suas mídias sociais

Acompanhar a performance de suas mídias sociais é muito importante para entender e calcular o seu ROI. E já dissemos milhares de vezes que saber qual o retorno que você está tendo com seus esforços de marketing é vital para seu sucesso.

Um objetivo comum de diversas companhias é o aumento da sua rede de contatos ou o número de fãs e seguidores. Mas por que esse grande alcance social é tão valioso? Simples: ao publicar um blog post ou divulgar um material rico, você alcançará mais pessoas, que poderão ler, gostar, curtir e compartilhar.

Dicas para melhorar

Se você vir uma diferença no seu progresso em uma semana particular, olhe o que você fez de diferente para atrair mais seguidores ou fãs naquele tempo. Tinha alguma campanha de marketing rolando? Alguma hashtag que você criou foi para o Trending Topics? Que tipo de conteúdo você publicou nesses canais?

Ao entender esses ingredientes secretos para sua melhoria nas mídias sociais, tente replicá-los. Talvez seja somente um chute que você acertou e que aumentou seus fãs e seguidores, mas talvez tenha uma ciência por trás disso!

É importante checar esses dados semanalmente para que sua estratégia e o conteúdo que você vem divulgando nas redes sociais estejam frescos em sua memória. Assim você conseguirá decifrar o que causa essas melhorias nas mídias sociais e poderá usar isso para traçar seu próximo planejamento.

4 – Taxas de conversão de landing pages

Provavelmente essa é a métrica mais importante para os profissionais de marketing digital. Manter os olhos na conversão de leads ou na porcentagem de visitantes que deixam seus contatos ao preencher um formulário em uma landing page é parte essencial do trabalho de um destes profissionais. As taxas de conversão de suas landing pages afetarão diretamente no número de leads que você será capaz de gerar. E, como estamos cansados de saber, o número de leads tem uma relação direta com a quantidade de vendas. Basicamente, melhores landing pages, mais leads e, portanto, mais vendas e lucro!

Dicas para melhorar

A primeira dica que podemos dar é ter um design campeão na sua landing page. Isso será um dos maiores diferenciais na hora que o visitante vê-la. Então, não deixe de conferir nossos templates gratuitos (que você poderá customizar como quiser). Um texto bem escrito com alguns detalhes do material que você está convidando o visitante a baixar também é uma excelente prática.

Outro ponto que devemos frisar é: saiba quais as landing pages estão convertendo mais. Dessa forma você poderá replicar a fórmula delas em suas outras páginas. Lembre-se de sempre divulgar bastante seu material e, especialmente, em segmentos específicos para ele. Tem um material sobre cuidado de bebês? Divulgue em comunidades de mães com recém-nascidos e filhos pequenos.

5 – Fontes de tráfego

Saber de onde suas visitas estão vindo é uma necessidade, logo, checar esses dados semanalmente é um hábito que você precisa desenvolver imediatamente. Ao analisar esses tipo de dados, você conseguirá saber quais as campanhas de marketing estão apresentando os melhores resultados, quais investimentos valem mais a pena e em quais mídias você deve aumentar seus esforços.

Você precisa saber quantos visitantes vieram de:

  • Busca Orgânica: Visitas que vieram de buscas orgânicas em mecanismos como o Google e o Bing.
  • Referrals: Visitas vindas de inbound links em outros sites.
  • Social Media: Visitas que vieram de mídias sociais como Facebook, Twitter e LinkedIn.
  • Email Marketing: Visitas que vieram de emails que você enviou.
  • Paid Search: Visitas que vieram de campanhas pagas em mecanismos de busca.
  • Tráfego direto: Visitas de pessoas que digitaram o endereço de seu site diretamente no navegador.
  • Outras campanhas: Visitas de pessoas que vieram de uma URL única rastreada.
  • Fontes Offline: Leads e visitas que não tem uma fonte definida.

Dicas para melhorar

Fontes de tráfego vão se tornar o melhor relatório para conhecer os seus principais canais de marketing. Você será capaz de dizer quais campanhas estão trazendo melhores resultados e se você deveria investir mais em algum canal específico. E ao analisar esses dados você também conseguirá entender como os diferentes canais performam.

Como sempre, descubra o canal que está performando melhor e descubra quais ações foram realizadas para que isso ocorra. Você também pode fazer campanhas específicas para cada canal em semanas diferentes e ter exatamente a performance de cada um deles. Depois, compare os resultados e altere aquelas que tiveram piores resultados.

Melhorar sua estratégia de marketing não é complicado,

porém demanda muita análise, dedicação e testes. Com os dados dos relatórios em mãos, inicie uma série de pequenas mudanças em suas campanhas – como fazendo chamadas diferentes no Facebook e mudando a cor dos botões de suas landing pages – e compare os resultados. Aos poucos, você descobrirá as melhores práticas e que atraem melhor a audiência que você deseja alcançar. Assim você conseguirá atingir públicos cada vez maiores, gerar mais leads e vendas!

Se tiver algum comentário, dúvida ou feedback, só deixar abaixo!

 
Autor(a)

Escrito por: Renato Mesquita Jornalista apaixonado por Marketing de Conteúdo, futebol americano e paçoca.



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!