backlinks

Backlinks: por que você não sai do lugar sem eles?

“Link” representa uma das palavras mais utilizadas por quem vive mergulhado no mundo do SEO (Search Engine Optimization).

E não é à toa, pois a linkagem interna e externa das páginas do blog é uma estratégia importante para melhorar o rankeamento nos sites de busca e, consequentemente, trazer maior fluxo de visitas com a sua natural encontrabilidade na web.

Mas você sabe o que significa o termo “backlinks”? Cada vez mais profissionais enxergam as vantagens do marketing digital e ingressam nesse meio.

O problema é que alguns termos podem confundir a cabeça, principalmente dos iniciantes.

Mas não se preocupe. Nesse post, explicaremos tudo para você.

Ficou curioso? Confira agora o que são os backlinks e por que são tão importantes para a sua estratégia de SEO!

1. O que são backlinks

Backlinks são links posicionados estrategicamente em um texto para guiar o leitor até a sua página do blog ou site que tenha um conteúdo relevante ao que está lendo.

O intuito é expandir o conhecimento do leitor e, ao mesmo tempo, gerar tráfego de qualidade para o blog.

Os backlinks podem ser internos, ligando suas próprias páginas com conteúdos relevantes para aumentar o tempo de permanência do usuário no blog, ou externa, trazendo o leitor de uma página de outro site ou blog.

Isso acontece quando ainda não há um conteúdo relevante para linkar no próprio blog e também para melhorar o rankeamento das páginas indicando sites de autoridade no assunto.

Por exemplo, todo link adicionado em outro site ou blog que direciona o usuário para os seus conteúdos, produtos e serviços são chamados de backlinks e, a quantidade de backlinks direcionados para o seu blog, serve como termômetro para indicar o nível de popularidade ou importância do site.

No passado, os backlinks foram a principal métrica para o rankeamento de uma página na web.

Uma página com um monte de backlinks espalhados pela web tinha a classificação mais elevada em todos os principais motores de busca, incluindo o Google, mas hoje as coisas são um pouco diferentes.

2. Quais são os tipos existentes de backlinks

Existem diversos tipos de backlinks existentes e você deve conhecer bem para que serve cada um deles antes de iniciar uma estratégia. Veja abaixo os principais:

2.1. Link Juice

São links que trazem o leitor de uma página da Web para algum de seus artigos ou página inicial do site ou blog, contribuindo assim para o ranking da página nos sites de busca.

O link juice é mais utilizado para melhorar a autoridade de domínio.

2.2. Nofollow Links

Quando um site linka para outro, mas o link tem uma tag “nofollow” a ligação com ele não acontece totalmente.

Em geral, a tag “nofollow” é usada para impedir que links adicionados nos comentários dos posts, por exemplo, sirvam de backlinks para outros sites, uma vez que tenham sua confiabilidade questionável.

2.3. Dofollow Links

Ao contrário dos nofollow links, os dofollow permitem que todos os links adicionados em seu blog funcionem como backlinks válidos.

2.4. Root Domains Links

Refere-se ao número de backlinks que chegam ao seu site a partir de um domínio único. Sendo assim, mesmo se o site tiver uma dezena de links apontando para o seu blog, será considerado apenas um.

2.5. Low Quality Links

Representam links de baixa qualidade para o seu blog. Geralmente, são originados em diretórios de sites, sites de spam, sites pornográficos e quando se compra backlinks.

Devido à baixa relevância dos links, eles podem prejudicar o seu esforço de melhorar o rankeamento do blog.

2.6. Internal Links

São links que vão de uma página para outra dentro do mesmo domínio. Os links internos permitem ligar suas próprias páginas com assuntos relevantes mantendo o leitor no blog por mais tempo.

2.7. Anchor Text

A parte do texto que é usado para fazer um hiperlink é chamado de texto âncora. Esse tipo de backlink funciona bem quando você está tentando ganhar autoridade em determinadas palavras-chave.

3. Por que os backlinks são tão importantes para uma estratégia de SEO

Os Backlinks são importantes para SEO porque alguns motores de busca, especialmente o Google, darão mais crédito a sites que têm um bom número de backlinks de qualidade (com alto grau de relevância), considerando o seu blog mais importante do que outros nas páginas de resultados.

4. Como ficam os backlinks depois da última atualização do Penguin

Muita coisa mudou em matéria de backlinks nos últimos anos. Houve um tempo em que até mesmo os links de baixa qualidade (Low Quality Links) ajudavam a melhorar o rankeamento de um site.

Mas, desde que o Google lançou o seu novo algoritmo Penguin, toda a configuração de linkagens se alterou. Entenda como ficou:

4.1. O que é Penguin

O “Penguin” é, na verdade, uma série de atualizações no algoritmo de buscas do Google, que penalizam táticas de linkagens externas spammers (spams), ou seja, links conseguidos de forma não natural, através de compra e em páginas que não possuem conteúdos relevantes, por exemplo.

Agora, só é válido ter backlinks de sites que abordam temas relevantes e tenham certa autoridade no assunto. Ainda assim, os backlinks devem ser contextuais.

Se você tem um site ou blog sobre ferramentas de automação de marketing, por exemplo, e faz linkagens com sites de segmentos diferentes (totalmente fora do assunto), os backlinks não serão mais considerados.

O objetivo agora deve ser em receber ligações de sites e blogs que possuam relevância e autoridade nos assuntos abordados.

4.2. O número de backlinks ainda conta

O número de links (principalmente externos) que estiverem apontando para as suas páginas ou conteúdos continuarão valendo para medir o grau de autoridade deles pelo Google.

Só que, nesse novo formato, somente os links de sites que abordam os mesmos temas que os seus serão considerados válidos para o rankeamento.

Então, não é só a quantidade de links que é considerada, mas de quais sites são originados.

Se o seu conteúdo é indicado por outro site com maior autoridade no assunto, o algoritmo entende que esse é um link de qualidade e você ganha maior relevância.

Mas, se você recebe links de baixa qualidade, ou seja, de sites que não tenham nada a ver com o seu nicho, poderá prejudicar o blog, colocando todo o seu esforço em risco.

4.3. Penalizações

O Penguin tem como objetivo penalizar todos os sites e blogs que exercem influência negativa com relação à tentativa de indexação de páginas de forma não natural ou forçada.

Desde que foi implantado, o Penguin vem penalizando severamente os sites que usam táticas de blackhat, ou seja, formas de driblar o algoritmo de buscas e conseguir melhores posições nas páginas de resultados sem aplicar as boas práticas ou qualquer outro esforço para adquiri-los naturalmente.

A função do Penguin, em parceria com o Panda (outra atualização importante do algoritmo), é fazer com que, cada vez mais, os resultados de pesquisas sejam satisfatórias para o usuário.

5. Como conseguir backlinks

Agora que você já sabe o que os backlinks significam e que é a qualidade que conta e não a quantidade somente, chegou o momento de aprender como conseguir alguns para o seu site ou blog.

Confira algumas dicas!

5.1. Pare de comprar backlinks imediatamente

O primeiro passo é deixar de usar serviços que obtenham links para o seu site ou blog.

Com essa prática, suas páginas ficam sujeitas a penalidades do Google Penguim no futuro.

Pare agora mesmo e comece a trabalhar duro para consegui-los de forma natural.

5.2. Escreva artigos impressionantes

Esta é a melhor e mais simples maneira de obter backlinks para o seu blog.

Tutoriais, dicas e cursos são bons exemplos de conteúdos que aumentam o potencial do blog em obter backlinks de outros sites como referência.

Mas lembre-se, os conteúdos dever ser realmente úteis, agregando valor para o usuário através de exemplos práticos.

Faça uma linkagem interna para melhorar o tráfego e link externamente outros sites de autoridade no assunto para obter reconhecimento e uma provável linkagem de volta.

5.3. Comece a comentar em outros sites

Comentários são maneiras excelentes, fáceis e gratuitas de se obter backlinks.

Comece comentando em fóruns e blogs.

Mesmo que eles sejam nofollow, você ficará mais em evidência podendo conseguir um backlink de volta pela relevância e a forma como aborda determinados assuntos.

5.4. Faça parceria de conteúdos

Ofereça posts relevantes para outros sites e blogs que tenham autoridade no assunto abordado por você. Mesmo que seja um concorrente, você pode ganhar a atenção deles e ter bons links de volta.

O contrário também é válido. Ofereça espaço para que outros sites e blogs escrevam para você linkando de volta o site deles.

A união faz a força e boas parcerias podem ser obtidas para conseguir backlinks de qualidade.

Conseguir backlinks, principalmente de qualidade, não é uma tarefa fácil. A estratégia exige muita dedicação e paciência. No entanto, com essas e outras táticas eficientes para conseguir bons backlinks, você evoluirá rapidamente.

Esperamos que esse post esclareça todas as suas dúvidas sobre backlinks. E mais, queremos ver você colocando essas dicas em prática para alavancar os resultados do seu site ou blog em um breve período de tempo.

Aproveite a oportunidade para conhecer os 200 principais fatores de rankeamento do Google e alcance o topo!

 
Autor(a)

Escrito por: Redator Rock Content Este artigo foi produzido por um dos mais de 5000 redatores da base da Rock Content. Quer conteúdo legal assim no seu blog? Fale com um consultor!



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!