como conseguir emprego em marketing digital

O que é necessário para conseguir um emprego em marketing digital?

Advogados, médicos, engenheiros… Essas profissões já existem há séculos e já estão mais que consolidadas no mercado e nas universidades.

Porém, quando falamos em marketing digital, estamos diante de uma área muito recente, que ainda está engatinhando nas faculdades, em cursos específicos e no mercado de trabalho.

As empresas ainda estão descobrindo quem é o profissional de marketing digital, o que ele faz, qual sua formação, quais habilidades deve ter etc.

Mas, cada vez mais, a demanda por essa especialização está crescendo, assim como a concorrência entre os candidatos.

Talvez por isso você tenha chegado a esse post: muitas pessoas estão querendo saber como conseguir um emprego em marketing digital e ser bem sucedido nessa área.

Por isso, reunimos neste post as 12 características que consideramos essenciais ao profissional de marketing digital.

Qual o perfil? As habilidades? Os comportamentos?

Vamos contar tudo que você precisa saber para buscar qualificação e aumentar as chances de ser contratado.

Veja as nossas dicas:

1. Aprender sempre

A todo o momento, surgem novidades e mudanças no marketing digital.

O Google atualiza seus critérios de ranqueamento e mudam as perspectivas do SEO.

O Facebook atualiza seu algoritmo e a estratégia de redes sociais tem que ser repensada.

Surge uma nova plataforma de email marketing, e a empresa deve avaliar sua aquisição.

Por isso, o profissional de marketing digital precisa estar sempre aprendendo sobre novas ferramentas, plataformas, tendências e estratégias.

Então, fique sempre de olho nos principais blogs da área, leia livros de autores reconhecidos, interaja com outros profissionais do mercado, participe de cursos e palestras.

O que não falta atualmente é conteúdo para estudar e se informar.

2. Ter uma mente analítica

Se você pensou que no marketing nunca mais veria números e operações matemáticas, terá uma surpresa.

Atualmente, com a força do marketing digital, analisar dados e avaliar estatísticas são tarefas comuns.

A mensuração dos resultados de uma estratégia é essencial para provar o retorno do investimento em cada ação. Porém, apenas a tecnologia, com ferramentas de análise de dados e geração de relatórios, não é suficiente.

É preciso um profissional com perfil analítico para interpretar esses dados e gerar insights para o negócio.

E não é só o especialista em performance que deve ter essa mentalidade. Todo profissional de marketing digital pode ficar de olho no Google Analytics, realizar testes A/B, avaliar o desempenho de um post etc. – tudo em busca da eficiência máxima.

3. Ser criativo

Não é porque falamos que o profissional deve ter um perfil analítico que os criativos estão descartados.

Muito pelo contrário – o ideal é conciliar esses dois atributos, porque marketing também exige inspiração para propor novas ideias, novas soluções, novos caminhos.

Como já sugerimos, você deve se manter atualizado e sempre aprendendo. Então, use esta atitude também para conhecer outras áreas, saber o que está acontecendo no mundo da arquitetura, da moda, do turismo, por exemplo. Saia um pouco do que você já está habituado.

Isso ajudará a ter uma mente inovadora, pois a criatividade nada mais é do que a conexão entre ideias que estavam adormecidas e que, juntas, tornam-se um grande insight.

E quanto mais referências diferentes você tiver, mais chances tem de ser criativo.

4. Focar em resultados

A web trouxe uma grande transformação para o cenário do marketing: hoje as plataformas oferecem todos os dados necessários para uma empresa avaliar o desempenho de uma campanha.

Toda ação é mensurada e avaliada para saber se foi eficiente ou não.

Mas o mercado ainda está amadurecendo sobre isso. Ainda é muito fácil se perder em ações ineficientes, como a criação de um post no Facebook que nada tem a ver com a marca, mas que parecia divertido para aquele momento.

O diferencial está no profissional que questiona: qual o resultado dessa ação para o negócio?

Quantos leads, vendas, oportunidades foram gerados? Por isso, foco em resultados é uma característica valiosa para conseguir um emprego em marketing digital.

5. Ser curioso

A curiosidade é uma característica que ajuda tanto o perfil analítico quanto o criativo.

Você precisa ser curioso para conseguir descobrir por que uma campanha não está dando certo. “Será que o anúncio está mal redigido? Será que precisamos investir mais?”.

E geralmente as respostas não são óbvias – é preciso ir atrás, entender, avaliar.

Mas curiosidade também serve para aprender, para saber mais sobre um assunto, para se aprofundar ainda mais em algo que você já conhece.

Nunca pense que você já sabe tudo sobre marketing digital, porque esse mercado está sempre surpreendendo.

Sabe aquela fase das crianças quando elas não param de perguntar o porquê das coisas? Incorpore esse comportamento.

Pergunte-se sempre por que aconteceu isso, por que aconteceu aquilo. E vá atrás das respostas.

6. Resolver problemas

No marketing digital, é comum uma campanha ter desempenho abaixo do esperado, ou um anúncio ser bloqueado pelo Facebook, ou receber críticas públicas de clientes.

Mas nenhum gestor quer alguém que fique arranjando desculpas e fugindo dos problemas. O que o profissional de marketing digital precisa é encarar essas questões de frente e resolvê-las com agilidade, como veremos no próximo tópico.

Solucionar problemas, desatar nós, gerenciar crises, encarar desafios – isso é extremamente valorizado por qualquer empresa.

7. Ser ágil

O marketing digital é dinâmico. Por isso, a agilidade para fazer um planejamento, produzir conteúdos, resolver problemas e corrigir rotas é essencial.

Por exemplo, se a sua empresa recebe a reclamação de um cliente em um post nas redes sociais, a resposta deve ser dada o mais rápido possível.

Se não, a notícia se espalha rapidamente pela rede e pode estragar a reputação que você já construiu.

É claro que muitos profissionais têm um perfil perfeccionista, gostam de entregar um trabalho impecável, e não há nada de errado com isso, viu? Mas vale a pena avaliar cada situação.

No marketing digital, geralmente vale o ditado: melhor feito do que perfeito.

8. Entender inglês

Infelizmente as grandes inovações do marketing não surgem no Brasil. Foi nos Estados Unidos que o marketing surgiu e é lá que continuam a surgir as grandes mentes dessa área.

Por isso, os principais conteúdos, profissionais, livros e blogs exigem que você saiba, pelo menos, ler em inglês.

Se você acompanhar o que é produzido lá fora, já estará alguns passos à frente da maioria dos profissionais brasileiros, que se informam apenas com fontes daqui.

Não que o mercado brasileiro não produza conteúdo de qualidade. Temos grandes empresas e profissionais por aqui. Mas a vanguarda geralmente vem do exterior.

9. Ter experiência digital

Tudo bem que você esteja procurando o primeiro emprego em marketing digital. Mas isso não é desculpa para não ter experiência na área.

Sabe por quê? Porque qualquer um pode criar um blog ou uma página nas redes sociais.

Além disso, ter um diploma de graduação ou certificado de curso não é sinônimo de experiência na área. Por mais conhecimento que você tenha adquirido, a prática é que mostra sua capacidade de lidar com problemas e gerar resultados.

Então, se você ainda não tem experiência, é hora de botar a mão na massa!

Crie um projeto, comece a produzir conteúdo e publique na web.

Seu blog não precisa ser o mais bem sucedido do mundo, mas essa vivência permitirá que você sinta como as coisas funcionam e ainda servirá como um portfólio interessante.

10. Trabalhar seu marketing pessoal

Aproveite os canais da web para valorizar o que você tem de melhor.

Mantenha seus perfis ativos nas redes sociais, participe de grupos e discussões do mercado, compartilhe conteúdos profissionais, interaja com referências da área.

Tudo isso pode ser avaliado em um processo seletivo. Muitas pessoas não se dão conta disso, e os recrutadores se deparam com perfis descuidados, com erros de português, fotos constrangedoras, linguagem pejorativa.

Se isso já pega mal para qualquer emprego, imagina para uma vaga de marketing digital.

11. Amar o digital

Ter um blog não basta. Ser um heavy user de redes sociais também não basta.

Você precisa demonstrar que conhece a web, suas possibilidades, suas potencialidades. Melhor ainda é mostrar que você ama o universo digital. Nós sabemos bem como o marketing digital é apaixonante!

Um profissional apaixonado pelo que faz é mais feliz, mais engajado, mais produtivo. E o melhor é que não é só ele que ganha com isso, pois ele também é capaz de contagiar toda a equipe e contribuir com o crescimento de todos.

12. Conhecer as possibilidades

Quando falamos em um profissional de marketing digital, estamos já nos referindo a um especialista. Mas dentro dessa área existem ainda outras diversas especialidades, que exigem diferentes habilidades e conhecimentos.

SEO, UX, social media, e-mail marketing, web design, programação etc. É importante conhecer todas as carreiras para saber com qual você se identifica mais.

Talvez você prefira ser mais generalista e trabalhar como Analista de Marketing Digital. Ou talvez você se identifique com alguma área específica e queira ser Analista de SEO, por exemplo.

Isso irá influenciar no tipo de empresa contratante. É provável que um pequeno negócio procure profissionais generalistas, com competências diversas.

Já perfis mais especializados encontram oportunidades em grandes empresas ou agências, que contratam para cada área específica.

E você, acha que se encaixa nesse perfil? ´´E hora de olhar para você mesmo. Saiba reconhecer o que você tem de melhor e o que ainda precisa ser aprimorado para se destacar nesse mercado.

Agora que você já conhece as características essenciais e já sabe como conseguir um emprego em marketing digital, que tal encontrar a sua vaga dos sonhos? Boa sorte!

 
Autor(a)

Escrito por: Redator Rock Content Este artigo foi produzido por um dos mais de 5000 redatores da base da Rock Content. Quer conteúdo legal assim no seu blog? Fale com um consultor!



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!