redes sociais

Como construir uma audiência nas redes sociais?

Quando colocamos para funcionar uma estratégia de marketing digital, sempre levamos em consideração que, entre os possíveis canais para divulgação de conteúdo e interação com o público-alvo, estão as redes sociais.

Afinal de contas, esses são espaços em que as pessoas estão mais dispostas a travar contatos e dividir conhecimentos a partir dos seus contatos e gostos.

Fora isso, as redes sociais são mais navegáveis nos dispositivos móveis, formato cada vez mais eleito pelas pessoas para se conectar à internet.

E é exatamente por isso que cada vez mais empresas criam perfis e páginas nas mais diferentes redes.

Só que para fazer com que seu conteúdo seja visto, curtido, comentado e compartilhado, é preciso construir uma audiência para cada um desses perfis.

À primeira vista pode parecer que o crescimento de sua base de seguidores e fãs é algo orgânico, porém a realidade é um pouco diferente.

É preciso estabelecer linhas de ação que garantam, não apenas que o seu público saiba da existência da sua presença nas mídias sociais, mas que eles também passem a fazer parte da sua legião de visitantes.

Por isso vamos falar hoje sobre os aspectos que envolvem a construção de audiência, entre estratégias, métodos, dicas e ferramentas.

Assim você garante mais cliques para o seu conteúdo, maiores possibilidades de gerar leads e, com isso, aumentar as oportunidades de venda para o seu negócio.

Então, vamos à luta e rumo ao sucesso!

Por que construir uma audiência para redes sociais é importante?

As redes sociais são sociais. E nós sabemos que esse pode parecer o ápice da redundância, mas é importante que esse conceito seja muito bem entendido.

Elas são comunidades virtuais que têm como objetivo primordial estabelecer e manter o relacionamento entre os seus usuários para poder funcionar.

E quando pensamos, então, no marketing de conteúdo, percebemos o quão interessantes podem ser esses universos virtuais.

A questão é que muito se fala sobre a necessidade de se produzir e postar muito conteúdo de qualidade, relevante para o seu público-alvo.

Só que a preocupação é tanta com a criação desse material que acabam se esquecendo de que, por mais que o material produzido seja ótimo, é preciso que ele encontre o seu caminho até o consumidor.

A partir do momento em que uma empresa percebe uma rede social como um canal oportuno para divulgar o seu material, passamos a entender como é importante se construir uma audiência para a sua marca dentro de cada comunidade.

É lá que o seu conteúdo (nos mais variados formatos), terá maiores chances de ser percebido e acessado. E, melhor ainda, ele poderá ser multiplicado. A partir de um ou dois cliques, um usuário pode fazer com que o seu conteúdo consiga atingir centenas (ou mesmo milhares) de outros interessados.

Fora isso, uma rede social pode ser interessante para  trabalhar na captação e fidelização de clientes usando seus perfis como um canal de atendimento ao consumidor.

Aproveitando toda a estrutura que esses sites oferecem, é possível treinar uma equipe de atendimento para receber e interagir com clientes e prospects a partir dos comentários em postagens ou através da troca de mensagens ou janelas de chat.

É um universo bem interessante.

Os principais canais para construir uma audiência

Só que é preciso saber eleger qual o conjunto de canais que poderá funcionar com maior eficácia. Não adianta criar perfis em todas as redes e não ter condição de monitorar essas páginas de forma satisfatória.

É preciso pensar de forma estratégica até mesmo no momento de saber qual o conjunto de canais que pode funcionar melhor para a sua marca. Porque, dependendo do público-alvo, você irá trabalhar com um conjunto diferente.

Uma dica muito preciosa é: se não sabe por onde começar, para evitar dar o primeiro passo errado, faça uma pesquisa junto à sua clientela para saber diretamente dela quais os principais canais que ela utiliza.

Só que, como sempre estamos aqui para ajudar, separamos uma lista com as mais populares do ano de 2015, para que você possa avaliar:

  • Twitter – o passarinho azul andu meio esquecido, mas voltou com força total. Mensagens com até 140 caracteres que podem ser curtidas, compartilhadas e comentadas. Simples e eficaz principalmente para os usuários de smartphones, que precisam causar o maior impacto com o mínimo de palavras
  • Facebook – uma das preferidas e mais populares, principalmente no Brasil. As redes podem ser construídas a partir de contatos (amigos, colegas, familiares), da participação em grupos e do suporte a organizações ao se tornar um seguidor ou fã.
  • LinkedIn – feita principalmente para contatos profissionais, entrevistas e estabelecimento de negócios, como encontrar parceiros e clientes.
  • Google+ – entre sucessos e fracassos, a gigante Google finalmente está conseguindo emplacar a sua rede social para seus usuários – e olha que não são poucos. Agora é aguardar para saber se ela vai conseguir se tornar tão popular quando o serviço de email ou o portal de busca.
  • Instagram – os amantes da fotografia rapidamente declararam o seu amor através de inúmeras hashtags e filtros. E com a possibilidade de dividir seus cliques em outras redes sociais, essa rede conquistou ainda mais admiradores.
  • Youtube – e se temos uma rede social para fotos, por que não ter uma feita para publicar e compartilhar vídeos? Irmã mais velha do Instagram, é hoje parte da gigante Google e conquistou status de gigante do mundo audiovisual.

Vale lembrar que existem diversas outras opções disponíveis no mercado (no nosso panorama do Marketing de Conteúdo estão várias outras).

Inclusive, existem ferramentas interessantes que ajudam a administrar vários perfis diferentes sem a necessidade de abrir diversas abas na janela do seu navegador. Uma verdadeira mão na roda.

Ah, e se mesmo depois da pesquisa você ainda estiver na dúvida sobre as redes eleitas, vale lembrar que a maioria delas também já percebeu o seu interesse sobre elas.

E já tem preparado, nos seus sites oficiais, materiais bem interessantes, com o perfil de seus usuários, outras empresas que também fazem negócio por lá e até serviços especiais (venda dentro da sua página, postagens pagas e afins), algo que faz com que sua decisão seja muito mais fácil e acertada.

Os melhores métodos e dicas para construir sua audiência

Bom, no momento em que você e sua equipe baterem o martelo sobre as melhores redes sociais para dividir o conteúdo da sua marca e para se comunicar com os seu público, é preciso planejar a sua estratégia.

Porque construir uma audiência significa criar conjunto de ações específicas para fazer com que ela seja vista dentro dessas comunidades.

Antes de mais nada, invista um tempinho para ler os termos de uso e políticas de cada site.  Assim você já evita, de cara, fazer alguma coisa que não seja permitida e começar com uma dor de cabeça, ao invés de uma campanha brilhante.

Estratégias simples (mas super eficazes!)

  • Crie e/ou participe de grupos – com milhões de usuários vagando pelos perfis de seus contatos, às vezes fica difícil reconhecer quem tem ideias e gostos afins para traçar novos contatos. É por isso que os grupos são recortes interessantes para participar. Aliás, o propósito será exatamente esse – oferecer o seu conhecimento na troca de mensagens, não postar propagandas ou criar tópicos.
  • Promova sessões de perguntas e respostas – uma conversa bem franca e direta, respondendo as principais dúvidas de seguidores e futuros seguidores. Dependendo do assunto e da sua marca, vale lançar uma hashtag para reconhecer os participantes. O legal é fazer dele uma ação bem delineada, com início, meio e fim, para que assim as pessoas foquem sua atenção na sua marca. Ah, e muitas empresas abrem o canal para receber questões com antecedência. Assim podem se preparar sem susto.
  • Crie premiações – quem não gosta de receber um mimo? Portanto, aproveite aqueles brindes que você já faz para a clientela – ou crie algo exclusivo – e faça ações bem rápidas e práticas, nos moldes: curta e compartilhe essa mensagem (de forma aberta) para poder concorrer. O legal é fazer com que seguidores e interessados se sintam tentados a participar e em alguns cliques já passem o seu perfil adiante.
  • Crie pesquisas – não precisa ser algo com 35 perguntas. Na verdade, pode ser algo até bem banal, ligado ao universo da sua marca. Por exemplo, se você vende iogurtes, pode perguntar o sabor favorito. Essa estratégia para construir uma audiência é interessante porque mostra que sua empresa está ali para ouvir o seu público e não apenas postar publicidade. E vai que de uma dessas pesquisas vocês acabam tendo a ideia para lançar um novo produto, baseado na opinião popular?
  • Crie CTAs voltados às suas redes sociais – faça também o conteúdo do seu site trabalhar para você. Aproveite os calls to action que você já provavelmente faz ao final de um material e faça o convite para que ele seja parte das suas redes.
  • Use o calendário a seu favor – não deixe de mostrar que sua empresa é composta por pessoas e que ela se importa. Crie mensagens ou fotos de perfil com mensagens especiais sobre causas em e que ela se identifica e defende. Pode ser o aniversário do Cristo Redentor, natal, o outubro rosa e afins.

A partir desse conjunto de ações, implementadas de forma contínua e estruturada (vale reforçar essa ideia), a sua marca vai passar a constar em cada vez mais perfis e, somado aos esforços que já são feitos na produção e divulgação de conteúdo, você tem enormes chances de conquistar mais e mais seguidores que podem se tornar novos clientes.

Ferramentas que podem te ajudar nessa tarefa

E para não deixar você no escuro para administrar tudo isso – e também para ter ótimos dados para avaliar suas ações – não poderíamos deixar de te apresentar algumas boas ferramentas para ajudar a construir e manter a sua audiência nas redes sociais.

  • Free Review Monitoring – como diz o próprio nome, é free (gratuito), mas possui planos e upgrades. Ela é bem legal para você que queria ter acesso às críticas que seus clientes fazem sobre o seu negócio. Funciona para muitos sites estrangeiros, mas também é parceiro do brasileiro Reclame Aqui.
  • Easel.ly – pode confessar que você também já bateu a cabeça na mesa quando precisou criar um belo infográfico. Essa ferramenta gratuita ajuda a criar esses materiais de forma surpreendentemente simples.
  • Bit.ly – encurtadores de URL são ótimos para quem tem caracteres contados. Essa ferramenta não apenas faz isso, mas ajuda a administrar os resultados dos cliques. Ah, ela também é gratuita!
  • Hootsuite e AgoraPulse – lembra que falamos acima que existem ferramentas bem legais para administrar as suas redes sociais? Bom, estamos te apresentando a duas delas. As duas são gratuitas e também possuem uma versão paga para empresas.

Essas são apenas algumas das principais ferramentas para redes sociais (temos uma listinha com 35 para você conhecer). O importante é saber quais delas são as melhores para você e sua equipe trabalharem de forma organizada.

Finalizando…

As redes sociais, como percebemos não apenas neste artigo, mas em tantos outros materiais que produzimos, são uma oportunidade maravilhosa de conquistar e engajar usuários da internet.

É possível, não apenas oferecer a eles seus produtos e serviços, mas (e isso é bem mais valioso!) conseguir deles informações e dados estratégicos que ajudem a sua marca a se destacar da concorrência.

Assim, você sai na frente e alavanca não apenas as suas vendas, mas também a porcentagem de clientes fiéis.

Por isso não deixe de apostar em construir uma audiência para as suas redes sociais. E mais do que isso, coloque no seu planejamento ações que façam com que essas pessoas estejam sempre atentas e interessadas no que você oferece. Diversifique as estratégias e não esqueça nunca de mensurar os resultados.

Essa é uma receita vencedora!

E para que você continue encantando seus clientes e melhorando os resultados das suas vendas, não deixe de confeir nosso “Kit de marketing para redes sociais”, 4 ebooks gratuitos sobre as maiores redes sociais da atualidade!

kit de marketing nas redes sociais

 
Autor(a)

Escrito por: Redator Rock Content Este artigo foi produzido por um dos mais de 5000 redatores da base da Rock Content. Quer conteúdo legal assim no seu blog? Fale com um consultor!



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!