homem aprendendo como criar um blog

Como criar um blog: tudo que você sempre procurou em um único lugar!

“Você precisa fazer um blog!”

Vai me dizer que nunca ouviu alguém dizendo isso?

Apesar disso, você não tem ideia de como criar o seu o próprio blog, certo?

Te prometo que, ao final da sua leitura, você saberá como criar o seu.

Nos últimos anos blogs tem se mostrado uma das ferramentas mais valiosas dentro da estratégia de marketing digital de empresas que desejam crescer e aumentar suas vendas de forma produtiva e lucrativa.

Segundo a Technorati, uma empresa de análise e monitoramento de blogs, mais de 175.000 blogs surgem diariamente e 1.6 milhões de postagens são realizadas.

Incrível, não é?

Se você não sabe como criar um blog e ainda não tem o seu, isso pode ser um problema!

Não se assuste com os números, os blogs corporativos são valiosos para empresas construírem um relacionamento duradouro e de confiança com consumidores e potenciais clientes, além de ser uma forma excelente de gerar leads e  oportunidades para o seu time de vendas.

Mas para gerarmos leads e vender mais é importante ter um bom blog, organizado, bonito e atualizado constantemente.

Por isso, criamos um conteúdo extenso (sim, esse post também será longo), completo e detalhado, fornecendo todo o conhecimento que você precisa para criar um blog de sucesso e potencializar sua estratégia de conteúdo e de marketing digital.

Afinal, porque blogs são tão importantes?

homem apontando para a palavra blogs

As formas de comunicação mudaram ao longo dos anos.

O tempo em que as marcas só falavam e os consumidores só escutavam é passado.

Hoje, o processo de comunicação e marketing é uma via de duas mãos: consumidores também falam e marcas também escutam.

Portanto, é importante para qualquer empresa criar um canal que também gere relacionamento, atraindo visitas e educando esses visitantes através de conteúdo relevante. Mas, primeiro, vamos por partes.

Eles geram autoridade e educação

Compartilhar conteúdo relevante através de blogs é uma estratégia que grandes empresas adotam para criar autoridade e relevância na sua área de atuação.

Mais que isso, é uma oportunidade de educar o seu cliente para que, ao longo da sua estratégia, ele se torne uma lead qualificada e seja uma venda fácil para o seu time de vendas.

Criar conteúdo relevante também é uma maneira de ajudar na tomada de decisão da lead – também conhecido com ZMOT (Zero Moment of Truth) – ou seja, o momento fatídico que a decisão de compra é tomada.

Acredite, educar seu cliente e criar autoridade para sua marca também ajuda nas vendas.

Te auxiliam a ser encontrado

O Google, a maior ferramenta de busca da web, ranqueia sites que possuem conteúdo relevante, relacionado a palavra-chave buscada pelo visitante.

Criar um blog e atualizá-lo constantemente com material interessante para o público que você procura atingir é a melhor forma de ser achado pelo buscador e encontrado por visitantes que podem se tornar leads e, futuramente, uma boa venda.

Crie relacionamentos

O consumidor dos seus produtos deixou de ser “mais um cliente”, consumidores devem ser os melhores amigos da sua empresa e criar canais onde eles possam manter contato e ouvir (ou ler) o que a sua empresa tem a falar.

Conteúdo de qualidade abre o caminho para discussões frutíferas com seus visitantes, além de gerar engajamento e visibilidade.

Uma marca amiga é sempre lembrada.


New Call-to-action


Qual a prova que blogs podem me ajudar?

O número de empresas que investem em marketing digital e inbound marketing cresceu consideravelmente ao longo dos anos.

Estamos falando de negócios diversos, pequenas empresas, PME’s e grandes empresas, todas elas perceberam a importância de projetar suas marcas online e viram em blogs ferramentas valiosas e poderosas.

Mas como?

Ranqueamento e reconhecimento

Direto e simples.

Fazer um blog e atualizá-lo com conteúdo relevante ajuda o seu negócio a ser achado nas pesquisas dos buscadores.

Conteúdo de qualidade atrai a atenção do Google e a dos visitantes que procuram por informação.

Um estudo da Hubspot sobre a Reckon, um software de administração e finanças, mostra como eles aumentaram o tráfego orgânico do seu blog em 590% com estratégias de conteúdo e inbound marketing.

O aumento no tráfego e o uso correto de ferramentas de automação de marketing e conversão foi essencial para que a marca recém-lançada criasse reconhecimento de marca e gerasse mais leads qualificadas para o time de vendas.

Outra empresa, a Global Web Index, triplicou o número de leads geradas e aumentou o tráfego orgânico em 300% com uma boa estratégia de inbound e conteúdo. Wow!

Leads qualificadas

Mais oportunidades de venda são importantes para o seu time de vendas e você pode criá-las através de um bom blog.

Outro estudo da Hubspot, dessa vez com Verifirst, um serviço de verificações de segurança para empresas, mostra que com a criação de conteúdo evergreen, uma boa estratégia de SEO e landing pages para os visitantes, o número de leads cresceu 360x em 6 meses.

São 360 vezes mais oportunidades de negócio para o seu time de vendas e esse não é um número sem expressão, não mesmo.

A Rock Content também é prova

Lançamos nosso blog no final de 2013.

Nos primeiros 6 meses tínhamos cerca de 5 mil visitantes por mês e gerávamos  2k leads por mês. Hoje, com cerca de 500 artigos publicados e 2 anos de blog geramos mais de 10 mil leads por mês.

Todas as dicas e técnicas que vamos dar nesse post já foram testadas e aprimoradas no nosso blog, e hoje colhemos os frutos de um trabalho constante.

Para não me deixar mentir, vou colocar para vocês um print do nosso Analytics desde a criação do blog até o mês de Junho de 2015.

print screen do blog da rock content

 

Então, vamos dar uma olhada em como criar um blog de sucesso?

Plataformas e hospedagem

engenheiros

Para facilitar o processo de criação e manutenção, existem diversas plataformas para blog com funcionalidades super práticas.

Utilizando essas plataformas fica muito mais fácil editar funções, customizar layouts e otimizar a produção e publicação de conteúdo.

Separamos as principais plataformas que vão te ajudar a criar o seu blog. Confira:

Como criar um blog no WordPress

O WordPress é a principal plataforma no mercado, com mais de 60 milhões de blogs publicados com uma comunidade de mais de 409 milhões de pessoas.

Criar um novo blog no WP é realmente muito simples!

homepage wordpress

O primeiro passo é acessar: www.wordpress.com, e clicar em criar site.

O processo de criação é muito simples: você escolhe o nome para o seu blog (o nosso por exemplo é Marketing de Conteúdo), faz seu cadastro com nome, senha, e-mail e escolhe o seu template preferido.

O processo é simples e vários templates legais estão disponíveis.

homepage brawny

Como criar um Blogger (ou Blogspot)

O Blogger, também conhecido como blogspot, é uma plataforma gratuita de publicação do Google que funciona em integração com a sua conta do Gmail.

Apesar de também ser muito conhecido é menos usado por blogs corporativos, mas ainda assim vale uma olhada.

Para criar um blog é realmente muito fácil. O primeiro passo é ter uma conta do Gmail e aí entrar em www.blogger.com. Com o login feito, clique em novo blog.

como criar um blog

E escolha o título, endereço (marketingdeconteudo.blogspot.com por exemplo) e o tema – ou modelo – do blog. Super simples!

como criar um blog

Dica extra: qual domínio usar para o blog?

Um das maiores dúvidas é sobre qual domínio deve ser usado para o blog.

Existem algumas opções (nem todas elas são as mais recomendadas) mas uma coisa é via de regra: um bom blog, sério, que passa confiança e gera leads não deve ser meublog.wordpress.com e nem meublog.blogspot.com.

O primeiro passo é usar seu próprio domínio, e aqui vão algumas opções:

Criar uma sessão dentro do site da empresa

Essa é a opção mais usada atualmente. Criar uma sessão dentro do site e direcionar o acesso através do www.meudominio.com.br/blog.

Assim é possível acompanhar o caminho do visitante pelo blog e também pelo site, caso ele decida saber mais sobre o que a sua empresa faz.

Criando uma sessão com o mesmo domínio é possível se aproveitar da autoridade do domínio principal e backlinks do blog também ajudam no ranqueamento do site principal.

Usar um subdomínio

Um subdomínio é uma ramificação do seu domínio principal, não tem custo extra para serem criados e dão uma estética legal para o blog.

Um exemplo de subdomínio é: blog.meudominio.com.br. Podem ser usados, direcionados e administrados separadamente do principal (o que facilita muitas configurações) e têm os mesmos beneficios de uma nova sessão.

Usar um domínio diferente

Esse é o caso da Rock Content! Nosso site principal, www.rockcontent.com, não é relacionado ao blog, www.marketingdeconteudo.com, através do domínio.

Aqui é possível controlar melhor os backlinks gerados pelos blog posts e também criar uma identidade de marca diferente entre os sites.

Nesse caso, o site da Rock Content é o site corporativo e o Marketing de Conteúdo é blog completo e cheio de conteúdo relevante para os visitantes.

Isso torna o blog uma referência na veiculação e propagação de conteúdo e a empresa uma referência em produção de conteúdo.

Outra vantagem é para empresas que desejam lançar diferentes blogs em diferentes países – o Google, por exemplo, tem um blog americano/internacional e um blog brasileiro.

O GoDaddy é um host de domínios bem legal e confiável e lembre-se de conferir se o domínio que você deseja para o seu blog está disponível pelo RegistroBR.

Escolhendo a melhor hospedagem

A hospedagem do seu blog pode não parecer tão importante para ter bons resultados com a sua estratégia de conteúdo, mas acredite: ela pode fazer toda a diferença.

Bons serviços de hospedagem são armas valiosas para ranquear bem o seu site e garantir que seus visitantes tenham estabilidade e qualidade ao acessar o seu blog.

Tudo bem, é importante, mas qual a diferença na prática?

Para começo de conversa o Google considera dezenas de aspectos diferentes para organizar a indexação nas buscas e uma delas é a qualidade de navegação.

Quando um site não tem uma hospedagem de qualidade, ou seja, é instável, tem quedas constantes, demora para carregar a página (por causa da qualidade da conexão), esse site aparece em posições mais baixas na pesquisa, e isso nunca é bom – principalmente para sua estratégia de SEO.

O primeiro passo é escolher a hospedagem certa para as suas necessidades e para a sua plataforma de blog.

No caso do WordPress, por exemplo – plataforma que sempre indicamos para blogs – existem serviços de hospedagem especializados.

Serviços otimizados para plataformas específicas têm melhor integração com o formato e conteúdo, o que gera uma hospedagem melhor, sem dúvidas.

Alguns sites de hospedagem especialistas em WordPress são: Blue Host, Site Ground e Hostgator.

Existem outras opções que também são de qualidade, como o serviço de host da Amazon.

Lembre-se sempre de escolher um plano que seja condizente com as suas necessidades de tráfego e armazenamento e evite dores de cabeça. Preze também por suporte técnico de qualidade.

Passo a passo rápido para contratar um serviço de hospedagem

Como a gente gosta de explicar tudo direitinho, vamos ver um passo a passo rápido para você contratar um serviço de hospedagem excelente para o seu blog.

Existem diversos serviços de hospedagem disponíveis, mas separamos os melhores do mercado para você conhecer.

É importante ter o seu blog hospedado em um servidor estável e confiável, isso garante o bom funcionamento dele e a estabilidade para quem acessa.

Vamos dar uma olhada em como hospedar seu blog em 4 serviços diferentes, acompanhe!

Hostgator

1º Entre em www.hostgator.com.br e selecione “Hospedagem”

hospedagem da hostgator

2º Escolha o plano que mais combina com o que você precisa

hospedagem da hostgator

Aproveite para escolher também o ciclo do pagamento. Quanto maior o ciclo, menor o valor por mês.

hospedagem da hostgator

So você estiver em dúvida entre planos diferentes, use a ferramenta de comparar planos para ver um comparativo sobre cada uma das características de cada plano.

hospedagem da hostgator

hospedagem da hostgator

3º Insira o seu domínio

Se você já tem um domínio é só inseri-lo para definir como o que será utilizado no seu blog.

hospedagem da

Se ainda não tem, pode cadastrar um novo pelo próprio Hostgator, ele já verifica a disponibilidade do domínio logo que você sugere um.

É possível variar o final também, entre .com, .com.br e vários outros. As duas últimas letras indicam a origem do domínio, caso sua empresa seja internacional ou você não queria definir uma origem, escolha .com ou outra variação como: .org., .digital e vários outros.

hospedagem da hostgator

4º Atualize suas informações de pagamento

O passo final é inserir os seus dados pessoais ou da sua empresa e selecionar a opção de pagamento. É possível pagar através de boleto bancário, PayPal ou cartão de crédito.

hospedagem da hostgator

Alguns serviços de hospedagem possuem protocolos de segurança já incluídos no preço do serviço, no caso do Hostgator é preciso um serviço adicional. Esse protocolo checa o seu site constantemente para prevenir ameaças.

hospedagem da hostgator

Se você tem um cupom de desconto essa é a hora de usá-lo!

hospedagem da hostagor

5º Confira se as informações estão corretas e finalize a sua compra!

hospedagem do hostgator

GoDaddy

1º Entre em www.godaddy.com.br e selecione “Hospedagem”

hospedagem da go daddy

O GoDaddy tem um serviço de hospedagem específico para WordPress! Sempre indicamos que o seu blog rode na plataforma do WP, então vamos selecionar essa opção.

2º Selecione o plano que você deseja. Os 4 disponíveis são: basic, deluxe, ultimate e developer. Cada um deles tem características diferentes.

O Deluxe possui um assistente integrado de SEO, o Ultimate tem mais espaço de armazenamento e mais protocolos de segurança e o Developer armazena até 5 sites e recursos avançados.

hospedagem da go daddy

hospedagem da go daddy

3º Selecione o período que deseja contratar o serviço. Ele pode ser mensal, anual, bianual ou trianual, também é possível contratar o serviço de e-mail e protocolos de segurança avançados.

hospedagem da go daddy como criar um blog (20) como criar um blog (21)

4º Confirme a compra! O GoDaddy também oferece serviços extras que ajudam a melhorar o ranqueamento nos buscadores.

Nós nunca testamos esse serviço, mas pode ser uma opção interessante. Se você chegar a testar, conte para a gente nos comentários! Se você ainda não tem um domínio, pode incluir um na compra nesse momento.

hospedagem da go daddy

5º Agora é só fazer o seu cadastro, inserir as informações de pagamento e confirmar tudo!

hospedagem da go daddy

WPEngine

O WP Engine é exclusivo para WordPress, toda a sua plataforma foi otimizada para ela e ele é o serviço que utilizamos para o nosso blog e para os blogs que criamos para nossos clientes.

1º Vá em www.wpengine.com e clique em Plans

hospedagem do wordpress

2º Escolha o seu plano! É possível inserir informações de navegação e armazenamento para que eles sugiram o plano que mais se adequa à sua necessidade.

hospedagem do wordpress

Os três planos de entrada pode ser contratados diretamente do site, mas a cobrança é feita em dólares americanos, por isso lembre-se que ainda há o IOF sobre o valor! Para planos Premium ou Enterprise é preciso entrar em contato com eles.

hospedagem do wordpress hospedagem do wordpress hospedagem do wordpress hospedagem do wordpress

3º Agora é só completar!

O processo é relativamente simples e rápido.

Agora você cria sua conta, insere as informações de cobrança e pronto! A passagem de dados e arquivos é feita pela equipe de suporte da WPEngine, bem rápido e prático.

hospedagem do wordpress hospedagem do wordpress hospedagem do wordpress

Bom, agora é hora de conteúdo

homem com uma luneta

Agora vamos ao que interessa!

Criar um blog não se resume a colocar um site no ar com uma hospedagem legal e um tema bonito.

Na verdade, eles são uma ferramenta muito valiosa para a sua estratégia de marketing digital e precisam trazer resultados. Esses resultados variam de negócio para negócio.

Um e-commerce não tem os mesmos objetivos de um blog sobre moda, por exemplo. Cada um almeja um tipo de resultado diferente e precisamos deixar claro o que significa resultado.

Defina um objetivo claro

O primeiro passo é definir qual é o objetivo principal do seu blog. Ter um objetivo claro é a única forma de definir o que sucesso significa para a sua estratégia de conteúdo e quais serão os próximos passos.

Alguns objetivos que vemos diariamente na Rock são: gerar leads, atrair tráfego, se tornar referência, educar os clientes e aumentar o reconhecimento de marca.

Defina sua persona

Todo negócio tem um cliente ideal e todo blog tem um visitante ideal.

Criar personas – também conhecidas com perfis semificcionais de pessoas que compram seu produto – é a melhor forma de acertar a linguagem dos seus textos e criar um conteúdo mais efetivo, que realmente terá valor para os visitantes do seu blog.

Para criar buyer personas não podemos usar palpites ou suposições.

É preciso realizar pesquisas, entrevistas e coletar dados sistematicamente com clientes e prospects para conhecer em detalhe quais são as características do seu visitante ideal.

Muitas perguntas podem ser feitas, mas é sempre importante lembrar que elas variam de acordo com o negócio. Porém, existe uma delas que não pode faltar no seu questionário: como o seu serviço ajuda a melhorar a vida do seu cliente ideal?

Download: Que tal baixar agora o ebook gratuito: Marketing Digital – O Guia completo da Rock Content!

Planeje o seu conteúdo

Já definimos dois passos importantes e agora precisamos colocar em prática a produção de conteúdo.

É importante lembrar que o planejamento e estratégia da produção de conteúdo são altamente ligados à sua persona e ao funil de vendas.

O primeiro passo para começar a produção de qualquer tipo de conteúdo é saber bem em qual etapa do funil sua persona está e qual conteúdo é interessante para ela nesse estágio.

Por exemplo: se o seu visitante ideal está no topo do funil de vendas, ele ainda não tem clareza sobre qual é o problema dele, portanto não sabe como resolver efetivamente esse problema.

Vamos supor que você trabalha diariamente, 8 horas por dia, mas está se sentindo estressado e cansado constantemente e não sabe o porque.

Portanto se uma empresa de viagens tem um blog e posta conteúdo voltado para quem trabalha diariamente, 8 horas por dia e 5 dias por semana, é preciso ajudar essa persona a perceber o seu problema.

Pode parecer óbvio mas você precisa de férias, simples assim.

E o seu blog pode fornecer a informação perfeita para ajudar nessa percepção.

Veja bem, criar conteúdo não tem só a finalidade de ajudar na percepção do problema, pode também ajudar a encontrar soluções (como dar opções interessantes para uma viagem de férias, por exemplo) e também mostrar a sua empresa como a alternativa mais interessante para resolver esse problema.

Lembre sempre de atualizar sua estratégia de conteúdo de acordo com a sua persona e o estágio dela no funil de vendas, assim seu blog continua relevante para os diferentes visitantes que chegam a ele diariamente.

A melhor forma de colocar em prática um planejamento efetivo para o seu blog é programar quando e quais publicações serão postadas, assim é possível organizar o conteúdo e alinhar possíveis publicações com acontecimentos sazonais ou planejados, com o lançamento de um produto ou serviço novo no mercado.

SEO, otimizando o conteúdo

O SEO – o famoso search engine optimization – tem um objetivo muito simples: otimizar o seu conteúdo para melhorar sua colocação nas buscas orgânicas em buscadores como o Google.

Quando aplicadas, as técnicas de otimização do conteúdo para os buscadores traz bons resultados, mas lembre-se que elas são uma parte do todo. Vamos ver um pouco mais sobre o que compõe o SEO.

Head vs long tail

A base da otimização do conteúdo é dada por uma palavra-chave. Ou seja, uma palavra que define o tema do seu blog post. E ela pode ser dividida em dois grupos: longas e curtas, e elas são diretamente relacionadas.

Palavras-chave head-tail – também conhecidas como cauda curta – são as palavras base para as publicações. Elas resumem o tema geral do blog post e ajudam o visitante a decidir se aquela postagem é (ou não) interessante para o que ele busca.

As palavras-chave long-tail são mais específicas, eles são uma variação mais longa das head e refinam a busca sobre o tema. Por exemplo, nesse post falamos sobre como criar um blog, podemos definir mais ainda falando sobre: como criar um blog em wordpress ou como criar um blog em blogger.

São versões mais específicas da mesma palavra-chave.

Como o Google funciona

No início do uso do SEO como ferramenta de blogs e sites, era muito comum saturar os textos com palavras-chave repetidas incansavelmente e frases sem sentido que não agregavam nada ao conteúdo.

Hoje, o algoritmo do Google é muito inteligente.

De verdade, você não conseguir enganá-lo. Agora, o algoritmo de pesquisa não só procura por palavras-chave em textos, mas ele analisa o contexto e a relevância daquele tema para a procura do usuário.

Portanto, não basta encher o seu texto de conteúdo repetido, você precisa construir o contexto e a relevância para o leitor, pois esse é o fator crucial para aparecer bem nos resultados.

Hoje o que o Google busca para indexar e ranquear os sites é qualidade.

Utilizando técnicas de SEO é possível definir bem os temas e saber qual a base do conteúdo a ser desenvolvido, mas lembre sempre que esse conteúdo deve ser relevante para a sua persona.

Qual deve ser o tamanho do meu conteúdo?

Essa pergunta não tem uma pergunta concreta. Sim, é verdade, não podemos afirmar para você se o ideal é ter um texto de 500 ou 3000 mil palavras.

Existem textos curtos como os do  Typepad que performam muito bem, mas também existem textos como o sobre Marketing Digital aqui no blog que mostraram um crescimento considerável após adicionarmos algumas (4000 palavras) ao texto original.

Para se informar mais sobre qual é o tamanho ideal para o seu blog post, dê uma olhada nesse artigo aqui do blog escrito pelo Renato Mesquita, onde ele fala sobre qual é o tamanho ideal de uma postagem e mostra vários números e gráficos legais sobre cada tipo de texto. Confira!

Para saber mais sobre como trabalhar o SEO do seu blog dê uma olhada nessas 5 dicas básicas de SEO para melhorar o rankeamento das suas páginas.

Blog pronto. E agora?

homem correndo

Ter um blog bom e atualizado é um trabalho constante. É preciso revisitar as publicações antigas sempre que algum material novo relacionado for publicado, criar CTA’s e links para materiais ricos publicados posteriormente (como e-books e whitepapers).

Algumas práticas podem ser aplicadas regularmente para garantir que seus textos sejam bem rankeados e estejam atualizados.

Reotimize os conteúdos

Todo dia novas ideias surgem sobre os mais diversos temas.

Se você tem um blog e quer ser bem rankeado e fornecer informação relevante para o seu leitor (nunca é demais lembrar que marketing de conteúdo traz resultados de médio a longo prazo), você precisa garantir que o seu conteúdo está de acordo com as últimas novidades do mercado e dos principais conceitos da área.

Por isso, sempre que necessário adicione conteúdo novo aos seus posts, faça o link para postagens relevantes (uma ótima oportunidade de criar backlinks para artigos interessantes) e coloque botões de chamada para materiais ricos relacionados ao tema.

Trabalhe os títulos e a descrição

Uma das formas dos buscadores lerem e rankearem o seu conteúdo é através dos títulos.

Crie os títulos das publicações de acordo com a palavra-chave escolhida e garanta que ela esteja presente na primeira headline do seu texto. Para trabalhar ainda melhor as técnicas de SEO, use as variações da palavra-chave nas outras headlines (intertítulos) e ao longo do texto.

Uma outra dica é garantir que a URL da sua publicação seja amigável.

Evite links que sejam muito extensos como: www.meublog.com/porque-voce-precisa-ler-o-meu-conteudo-ele-e-demais-muito-bom-mesmo, prefira links simples, www.meublog.com/meu-conteudo-e-demais. Simples e direto.

A descrição do seu site (ou a metadescription) é o resumo do seu blog que aparece para o Google.

Nas buscas, a descrição vem logo abaixo do título e da URL e fornece um resumo sobre o que o blog ou site fala. Garanta que a palavra-chave principal relacionada ao seu negócio esteja na descrição!

como criar um blog

Eu quero imagens!

Bons posts são sempre acompanhados de boas imagens.

Elas ajudam a impactar o leitor e passar a imagem do seu artigo com clareza e é mais rápido absorver informações através da visão. Escolha imagens bonitas que ajudem a passar a mensagem do seu artigo.

Aproveite e inclua boas legendas e também o alt text, o texto usado pelos buscadores para saber o que é a sua imagem. O texto alternativo é ideal caso sua foto não carregue corretamente.

Bancos de imagens grátis são excelentes para a sua estratégia de conteúdo, não deixe de conferir alguns dos melhores que listamos nesse post.

Analise sempre

Os visitantes que chegam ao seu site têm preferências, eles gostam mais de alguns posts ou temas e respondem à qualidade das suas páginas.

Analisando o comportamento dos leitores do seu blog você pode ter insights interessantes sobre as suas preferências, criar mais conteúdo que eles querem ler e conduzí-los pelo funil de vendas.

A ferramenta mais usada é o Google Analytics, que acompanha os acessos e como o seu público se comporta dentro do seu site, quais são as páginas mais acessadas, quanto tempo o visitante fica em cada página e a duração total da sessão, entre outros.

Acompanhar as informações de comportamento também é uma oportunidade de melhorar o seu blog, facilitar a navegação por outros posts para manter o usuário mais tempo na página, ou explicitar os botões de compartilhamento social.

Utilizar o GA pode ser uma ferramenta valiosa para o seu negócio.

Crie materiais ricos

Bons blog posts atraem visitantes que se tornam recorrentes, eles sempre procuram o seu blog por conteúdo de qualidade e com o tempo vão procurar por conteúdos mais específicos ou mais aprofundado em um determinado tema.

Temos aqui uma oportunidade dupla: gerar mais leads e produzir mais conteúdo relevante para nossas personas. Criar materiais ricos como whitepapers e – principalmente – e-books é uma oportunidade excelente de transformar seus visitantes em leads.

Através de uma landing page com um formulário adequado você coleta informações em troca de conteúdo e passa para o seu time de vendas informações relevantes sobre o prospect. Leads qualificadas = vendas melhores!

Sempre que lançar um conteúdo rico lembre-se da landing page, mas também crie CTA’s nos posts relacionados ao tema do material e crie chamadas ao longo do site para incentivar o download.

Se você investir em Adwords e Facebook Ads crie anúncios específicos para esse material e direcione esse visitante para a landing page do seu conteúdo.

Leads? Quero.

5 ferramentas para garantir o sucesso do seu blog

Sempre temos espaço para aprimorar nossos blogs, analisar melhor os resultados e facilitar o gerenciamento.

Existem alguns plugins e ferramentas indispensáveis para qualquer blog de sucesso. Eles ajudam na estratégia de conteúdo e SEO, facilitam as análises e ajudam a gerar mais leads.

Vamos falar sobre 5 ferramentas para garantir o sucesso do seu blog.

LeadIn

O LeadIn é um plugin gratuito para WordPress de CRM (Customer Relationship Management).

Ele acompanha as ações do visitante no seu site, quais páginas ele visitou, quantos e quais formulários foram preenchidos e até em quais redes sociais ele está, informações valiosas para o seu time de vendas pensar nos próximos passos para converter essa lead.

homepage leadin

OptinMonster

O OptinMonster é um criador de forms e banners customizados para transformar seus visitantes em assinantes da sua newsletter, leads e, claro, consumidores.

É uma excelente ferramenta para converter visitantes que saíram do seu site sem consumir nada.

homepage optimonster

SEO Yoast

O SEO Yoast é um plugin gratuito para WordPress da Yoast usado para otimizar sua estratégia de SEO através da otimização do conteúdo escrito, com o auxílio de ferramentas de análise que vão te auxiliar no processo. Cool!

homepage yoast

Hello Bar

A Hello Bar é uma barra de ferramentas criada para passar a mensagem certa ao visitante certa.

Ela pode ser usada para conseguir mais assinantes para a sua newsletter, direcionar visitantes para uma página específica do seu site ou blog ou ainda divulgar as redes sociais da sua empresa.

homepage hellobar

Google Analytics

Já falamos anteriormente sobre o Google Analytics, a ferramenta de análise do Google, mas nunca é demais reforçar.

Acompanhando as ações e os resultados do seu blog é possível descobrir quais os principais canais de aquisição dos seus visitantes e como eles se comportam dentro do blog.

homepage google analytics

Exemplos de Blogs de sucesso

Hoje existem blogs que são referência nas suas áreas, eles criam e distribuem conteúdo gratuito e de qualidade, geram leads e mais negócio para seus criadores.

Gostamos de estar sempre atualizados e bons blogs são opções excelentes para isso. Abaixo segue 4 blogs que você deve acompanhar, se inspirar e aprender com eles para ter os melhores resultados no seu!

Viver de blog

Fundado pelo Henrique Carvalho, o Viver de Blog fornece diariamente dicas valiosas para criar um blog de sucesso e ajudar o seu negócio a vender mais.

Mais de 100 mil leitores acompanham o blog diariamente e recebem os conteúdos disponíveis gratuitamente.

viver de blog

Resultados Digitais

A RD é criadora da RD Station, software de automação de marketing, e sempre posta novidades e tendências do mercado de marketing digital e Inbound Marketing.

Diariamente eles geram diversas leads e expandem sua participação no mercado, gerando autoridade e reconhecimento através do blog e da otimização do seu site e conteúdo.

resultados digitais

Hubspot

A Hubspot é a criadora da metodologia Inbound.

Só por isso você já deveria acompanhar diariamente o blog deles. É uma fonte sem fim de conteúdo sobre marketing, marketing digital, vendas, inbound marketing, inbound sales e automação.

Você ainda pode escolher entre o blog brasileiro e o americano.

Se eu fosse você acompanharia ambos.

hubspot

Gerar resultados duradouros com o blog da sua empresa é um trabalho contínuo e planejado, mas lembre-se nos benefícios que você pode conseguir.

Nesse post esperamos ajudar no seu sucesso com as ferramentas, meios e técnicas necessários para criar um blog.

Acompanhe e analise sempre os resultados, abasteça seu blog com conteúdo relevante e coloque em prática as dicas do nosso artigo.

Esperamos que a leitura tenha sido válida (ufa, essa foi longa!). Fique a vontade para tirar dúvidas ou deixar comentários abaixo, aproveite para curtir e compartilhar nas redes sociais.

Até a próxima!

Bônus: Videos para ajudar com seu blog

Pensando em tornar este artigo ainda mais completo, separei dois vídeos produzidos pelo Vitor Peçanha sobre blogs:

Como criar rapidamente seu blog corporativo

Como usar seu blog para gerar leads – Conteúdo e Marketing

Aprenda também a fazer SEO para seu blog com nosso guia completo sobre o assunto 🙂

ebook de seo

 

 

Hubspot
Autor(a)

Escrito por: Fábio Mazzeu Viciado em música, marketing digital e cervejas artesanais.



    Deixe um comentário

    Marketing Vendas Tecnologia Na Prática
    Kit Grandes Sucessos da Rock Content
    Materiais de Marketing de Conteúdo
    Fórum do Marketing de Conteúdo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!