Criar site de vendas gratuito

Conheça 5 formas de criar um site de vendas gratuito

Criar um site de vendas gratuito parece ser uma tarefa difícil, não é mesmo? O que você pode não saber, porém, é que existem diversas plataformas para auxiliá-lo.

Com poucos passos e minutos, a sua loja virtual estará montada e pronta para ser divulgada. Assim, os primeiros passos de uma empresa que deseja vender os seus produtos na internet não necessitam de grandes investimentos.

Listamos 5 opções para o seu negócio. E vale a pena alertar que cada uma delas pode servir para um determinado tipo de negócio. Por isso, ao final das apresentações, fizemos um comparativo em que você pode decidir facilmente sobre qual é a melhor escolha. Confira:

1. Wix

Wix é um sucesso, pois diversos sites institucionais e de vendas têm sido realizados com ele.

Pontos positivos

Como vantagem, o sistema é fácil de ser utilizado e possui documentação suficiente para que empresários sem entendimento de design nem de programação possam fazer a sua 1ª loja online.

O processo de criação é rápido e possui total integração com o Facebook. Assim, caso você faça o login pela rede social, não será necessário informar nenhum outro dado pessoal.

Além disso, após esse 1º passo, já possível escolher o template desejado. Basta eleger na seção categorias o item “loja virtual”.

Todo o processo é simples, e profissionais sem grande conhecimento em informática podem manusear o sistema.

Pontos negativos

Porém, há limitações de personalização. Os temas não são tão variados. Assim, as suas páginas podem não ser muito diferentes das de outras empresas.

Outro ponto negativo é a dificuldade de rastreamento pelo Google. Embora a própria empresa tenha reconhecido o problema, afirmou que ele já teria sido resolvido.

Porém, usuários ainda se demonstraram insatisfeitos com esse detalhe. Até mesmo uma página especializada em Wix diz que a plataforma não é muito otimizada para SEO.

Além disso, caso você precise de alguma função adicional, dificilmente conseguirá. Sendo assim, a plataforma é ideal para pequenas lojas que estão dando os seus primeiros passos em vendas pela internet.

Condições

A plataforma é gratuita. Porém, para utilizar algumas funções — como domínio próprio — é necessário adquirir aos planos premium da empresa, cujo valor começa com R$ 9,90 por mês.

2. WordPress

WordPress é um dos sistemas gerenciáveis mais conhecidos e utilizados no mundo. Além de ser uma plataforma de código-livre disponível livre e gratuitamente na internet, possui um sistema de criação de blogs e de sites para aqueles que não possuem muito conhecimento ou não querem ter custos com hospedagem.

Pontos positivos

A principal vantagem é ter à disposição milhares de plugins que podem ser úteis para personalização e criação de novas funcionalidades do sistema.

Dessa maneira, é possível garantir um sistema seguro e que pode atender à maioria das demandas das empresas ou dos vendedores.

A tela inicial possui mais informações do que deveria. Assim, em um 1º acesso, pode-se ter alguma dificuldade que rapidamente será derrubada.

Pontos negativos

Os pontos negativos ficam pela publicidade exibida pelo wordpress.com e pela não possibilidade de utilizar o domínio próprio.

Condições

Caso você queira utilizar alguma das funções acima, basta pagar uma taxa de 2,90 dólares mensais.

3. Loja 2

plataforma permite que em apenas alguns minutos você já esteja apto para vender produtos. Como acontece normalmente com as ferramentas gratuitas, não é necessário contratar hospedagem. Basta escolher o layout desejado, cadastrar os produtos e selecionar as formas de pagamento.

Pontos positivos

Você não precisa se preocupar com a quantidade de transações efetuadas nem com o número de usuários que entram em seu site. São ilimitados!

Existe a possibilidade de integração com o Google Analytics e com os Correios. Assim, você pode entender melhor o público da loja e enviar o seu produto facilmente. Caso queira, você também consegue emitir cupons de desconto.

Pontos negativos

Como acontece com a maioria das plataformas, não é possível utilizar domínio próprio. Outro problema é não inserir mais de uma foto por produto.

Por fim, blocos de publicidade podem aparecer nas suas páginas.

Condições

Para retirar as limitações, é necessário um pagamento mensal de R$ 19,90.

4. BPG

Essa ferramenta é simples, e assim você pode criar o seu site rapidamente. Para fazer a inscrição, basta utilizar a conta do Facebook ou do Google. Caso queira, é possível fazer uma conta totalmente nova.

Após esse passo, basta interligá-lo ao PagSeguro, cadastrar os produtos e começar a vender.

Pontos positivos

Você pode cadastrar quantos produtos quiser e não há limites de acessos. Outros pontos positivos são a integração com os Correios e com o Facebook.

Diferentemente da maioria, você pode utilizar o seu domínio próprio.

Pontos negativos

Infelizmente, a única opção para pagamento é o PagSeguro. Assim, você terá que receber dessa ferramenta, mesmo que encontre outras com mais vantagens.

Outro problema é a falta de suporte da empresa. Não é possível encontrar um canal de comunicação direta, o que pode fazer com que eventuais problemas não tenham a devida correção.

Condições

Nenhuma limitação. Totalmente gratuito.

5. Loja Integrada

Você pode criar facilmente a sua loja gratuita nessa plataforma. Após se cadastrar, basta configurar quais serão os meios de pagamento aceitos, domínio, personalizar o design da forma preferida e cadastrar os produtos.

Pontos positivos

Os principais pontos positivos são:

  • integração com os correios, filtrando as regiões de entrega;
  • diversas possibilidades de pagamento (estão disponíveis intermediadores como MercadoPago, PagSeguro e PayPal);
  • integração com o Facebook;
  • utilização de domínio próprio;
  • possibilidade de utilização de aplicativos gratuitos e pagos para auxiliar no envio de e-mails, chat e logística;

Pontos negativos

Após tantos pontos positivos, temos que encontrar alguma limitação, não é mesmo? No plano gratuito, você pode ter no máximo 50 minutos, um usuário e apenas 5 mil visitas mensais.

Comparação

Preparamos um comparativo para ajudá-lo a fazer a melhor escolha. Veja os diferenciais de cada empresa:

  • conexão com domínio próprio: BPG e Loja Integrada;
  • customização total da loja e planejamento de novas funções: WordPress;
  • diversidade de bandeiras no pagamento: WordPress, Loja 2 e Loja Integrada;
  • ferramenta sem limitações: BPG;
  • integração com os correios: Loja 2, BPG e Loja Integrada;
  • ligação com aplicativos: Loja Integrada;
  • otimização com SEO: WordPress (com plugin) e Loja Integrada.

Você entendeu como a sua loja pode ser criada rapidamente, sem burocracia ou grandes conhecimentos em informática?

Criar um site de vendas gratuito é apenas o 1º passo para que sua estratégia digital seja bem-sucedida. Você sabe quais métricas a sua empresa deve acompanhar? Leia este post e retire as suas dúvidas.