Aprenda a se dar bem na Era de Ultron do Marketing Digital 1

Aprenda a se dar bem na Era de Ultron do Marketing Digital

Ele foi criado para salvar o mundo, as pessoas deveriam olhar para ele e ter esperança. Esperança de encontrar aquilo que precisávamos e não conhecíamos. Ele é poderoso, muitos tentaram se dar bem contra ele, criaram táticas para burlá-lo, mas ele sempre se atualiza e a cada derrota volta mais forte e adaptado aos seus adversários. Parece até que estamos falando do vilão do novo filme dos Vingadores. Mas não.

Estamos falando do Google. E ele nos surpreende a cada dia, seja com uma nova atualização, produto ou da maneira como ele tem conquistado o mundo, afinal, só nos lembramos da existência de outros buscadores assistindo ao esquecível Espetacular Homem Aranha, onde o “gênio” Peter Parker utiliza o Bing.

A Evolução de Ultron

Assim como o vilão Ultron, o Google sempre recebe aprimoramentos e atualizações que o deixam cada vez melhor, mais rápido e mais “inteligente”. Muitos já tentaram e até conseguiram se dar bem contra o Google utilizando práticas ilícitas para se beneficiar às custas do buscador. Mas ele foi aprimorado e se adaptou para acabar com a festa dos adversários. Se não foi fácil derrotar o Ultron na primeira vez, a cada retorno, parecia ainda mais impossível.

Já que a criação de Tony Stark recebe três grandes atualizações no filme, resolvi destacar três das principais sofridas pelo Google:

Panda: A atualização ocorreu em fevereiro de 2011, e afetou em 12% os resultados do buscador. O Panda foi uma atualização no algorítimo que passou a detectar sites com conteúdo fraco e superficial e passou a posicionar melhor os que possuíam conteúdo relevante.

Penguin: Essa atualização foi uma das mais fortes para derrotar os adversários do Google. A otimização no algorítimo era voltada para diminuir o rankeamento de sites que desrespeitavam as regras do Google, e que com práticas ilícitas (chamadas de black hat) manipulavam o buscador. O Penguin acabou principalmente com a troca de links artificiais para melhorar o rankeamento de sites no buscador. Uma atualização para derrubar o webspam.

Antes era mais fácil alcançar resultados utilizando de táticas como abusar das palavras-chave, fazendo esquemas de links, copiando conteúdo, usando páginas para manipular os buscadores (cloaking), entre outras técnicas. O Google Penguin veio para dificultar, e muito, a vida dos webspammers.

Hummingbird: O Hummingbird é sem dúvidas um dos grandes marcos para a história do Google. Essa atualização foi uma forma de humanizar o buscador e torná-lo muito mais inteligente, preciso e rápido. Ele agora não foca mais a sua pesquisa em palavras-chave exatas, mas na intenção de quem realiza a busca. O seu conteúdo não perderá posições se a pessoa buscar notebook em vez de laptop, porque ele sabe que você tem o que o cliente está procurando.

Depois dessa atualização não importava se você buscar “líder dos Vingadores”, “chefe dos Vingadores”, “quem é o líder Vingadores” ou até “quem comanda os Vingadores”. O Google já responderá a pesquisa com Capitão América.

Em meio a tanta evolução e poder do maior buscador do mundo, você deve estar se perguntando: o que fazer então para se dar bem nessa Era de Ultron do Marketing Digital. E, ninguém melhor para nos ensinar do que os próprios Vingadores.

Capitão América: Autoridade

Era de Ultron do Marketing Digital

Tony Stark paga tudo, projeta tudo, faz com que eles fiquem muitos mais legais, mas ainda assim, ele não é o líder. Steve Rodgers não é o mais forte e nem o mais inteligente dentre os Vingadores. O que o torna, porém, o líder da equipe? A reposta é: Autoridade.

É essa a lição que ele nos dá, as pessoas vão acreditar no seu conteúdo e vão confiar na sua marca quando você construir a sua autoridade. No primeiro filme, durante a invasão alienígena, Capitão dá uma ordem aos policiais que o ignoram. Logo na sequência, ele dá uma surra em alguns aliens e os policias, ao o verem em ação, prontamente o obedecem. Porque eles percebem que ele sabe o que está fazendo. Assim deve ser o seu site, as pessoas devem olhar para ele e pensar “eles sabem o que estão fazendo, do que estão falando”. E claro, quanto maior a autoridade, melhor o Google posicionará o seu site.

Thor: Outreach Blogging

Era de Ultron do Marketing Digital

Até ele aparecer as histórias se passavam apenas na Terra. Quando Thor aparece, traz um elemento novo aos filmes da Marvel: o desconhecido, um novo mundo, novas possibilidades e conhecimentos que os outros personagens nem sequer imaginavam. Thor é a ponte que liga os dois mundos, o que nos ensina sobre relacionamento com outros blogs, sair do nosso mundinho.

Chamada de Outreach Blogging, essa estratégia consiste em alcançar e se relacionar com outros blogs do seu nicho e descobrir como vocês podem se ajudar. Faça como o Thor e encontre bons parceiros. Isso desperta o interesse de novos públicos, afinal, será que a bilheteria de Thor seria tão boa se ele não integrasse os Vingadores?

Dentre as práticas de Outreach estão:

  • Guest post: oferecer um post para o blog do seu parceiro
  • Sponsored posts: O parceiro faz um post patrocinado por você, falando sobre temas relacionados à sua marca ou produto.
  • Construção de relacionamento: ajudar o parceiro, compartilhar o seu conteúdo, indicá-lo
  • Co-marketing: o parceiro pode contribuir em algum conteúdo, um webinar, um post, um podcast, etc.

Iron Man: Use a tecnologia a seu favor

Era de Ultron do Marketing Digital

A lição que Tony Stark nos dá pode até parecer um pouco óbvia, mas é fundamental: use a tecnologia a seu favor. Muitos fatores técnicos fazem uma enorme diferença na hora que os robôs do Ultron, digo, Google, vão posicionar o seu site. Saber utilizar corretamente HTML (título, meta description, links, imagens), a velocidade de carregamento do site, a arquitetura, o site ser responsivo, etc. São avanços que não podem ficar de fora.

Além disso, Tony Stark está sempre atualizado. Mach 1, 2, 3… cada uma recebe um upgrade e muitas são criadas para combater inimigos específicos (vide Hulk Buster). Assim como ele, esteja sempre atualizado. No dia 21 de Abril (um dia antes da estreia do filme, coincidência?) o algorítmo do Google passou a priorizar sites Mobile Friendly (responsivos ou com versão mobile) no buscador. Você pode perder posições preciosas pelo atraso de ainda não ter um site responsivo.

Hulk: A força das palavras

Era de Ultron do Marketing Digital

A lição aprendida com o incrível Hulk não poderia ser diferente. Ele é a força, impõe respeito como nenhum outro consegue fazer. Quando falamos em Marketing Digital precisamos ter essa força, principalmente no que diz respeito às palavras. Saber escolher bem suas palavras-chave podem fazer toda a diferença para o seu sucesso. Escolha aquelas que você sabe que o seu público buscará e que ele tem maior interesse. Não use palavras-chave muito curtas como “marketing de conteúdo”, mas foque na sua oferta, seja específico, como por exemplo “o que é marketing de conteúdo” ou “como fazer marketing de conteúdo”, segmentando a busca e evitando cliques de alguém que não tem interesse no seu conteúdo.

Não apenas às palavras-chave se resume a força das palavras. Escolher um bom título, fazer uma boa meta descrição, escolher uma boa URL. Tudo isso faz uma grande diferença, pois é o primeiro contato que quem realizou a busca tem com seu texto. E esses itens precisam impor respeito, para que o público veja o seu site e pense “nós temos um Hulk”.

Gavião Arqueiro: Acerte o público-alvo

Era de Ultron do Marketing Digital

O maior flecheiro do universo Marvel nos ensina a nunca errar o nosso público-alvo. Afinal, você pode estar fazendo todos os passos certos, criando um conteúdo forte, atraente e que gera bastante tráfego. Mas de nada adianta se você não está atingindo a sua persona. Não importa você ser atraente para o Pedro, que tem 28 anos está começando a sua empresa, se o seu serviço na verdade é focado no Marcelo, que tem 38 anos e já está consolidado no mercado com a sua empresa.

Portanto, conheça bem a sua persona e saiba exatamente o que ela procura, não esvazie sua aljava para acertar o alvo dos outros. Dessa maneira você não irá gerar apenas trafego, mas os converterá em leads e posteriormente, clientes.

Viúva Negra: Largue as práticas Black Hat

Era de Ultron do Marketing Digital

Natasha Romanoff conquistou o público e, apesar de não ter super-poderes, figura entre os principais integrantes dos Vingadores. A Viúva Negra, porém, tem uma marca negativa e que a persegue: o seu passado. Quando era uma espiã soviética Natasha utilizava de técnicas ilícitas, causava mal a quem a rodeava para conquistar os seus interesses, enfim, era uma vilã. Podemos ver, porém, que ela mudou, quer esquecer o seu passado e agora joga pelas regras, e isso a levou a integrar o grupo dos Maiores Heróis da Terra.

A relação que vemos com o Marketing Digital é que Natasha era uma praticante das já citadas técnicas de Black Hat. Apesar das grandes evoluções do Google, muitos ainda tentam utilizar dessas táticas para manipular o buscador e se dar bem. Essas táticas visam atingir um objetivo sem a autorização do órgão, desrespeitando as regras do Google. Alguns exemplos dessas práticas são:

  • Keyword Stuffing: Encher um conteúdo raso de palavras-chave para ganhar relevância
  • Cópia de conteúdo: Copiar conteúdo com direitos autorais e sem dar créditos
  • Cloaking Page: Mostra um conteúdo para as pessoas e outro para os motores de busca, enganando o buscador a posicioná-lo melhor.
  • Link Farms: Criação de vários sites com links mútuos, que servem para gerar mais visibilidade.

Muitas dessas táticas já foram combatidas pelo Google que sempre recebe upgrades e as punições por essas práticas podem ser pesadas. É bom conhecê-las para que você não as pratique sem saber que são ilegais aos olhos do Google. Se você faz isso, é bom que faça como Natasha e jogue essas práticas no mar do esquecimento. Por melhor que você seja, uma hora ou outra, o Ultron vai te pegar.

O que acharam das lições aprendidas com os Maiores Heróis da Terra? O que mais eles te ensinaram sobre Marketing Digital? Compartilhe o que para você é mais importante para se dar bem na Era de Ultron do Marketing Digital.

the-vision

Visão

Texto da Marvel exige um tópico pós-CTA.

O nome do personagem fala por si só. Para se dar bem na Era de Ultron é preciso ter visão. E foi ele quem se deu melhor contra o inimigo. Nenhum dos Vingadores teriam chegado a vitória se não tivessem Visão. Afinal é preciso visão para estar sempre atualizado, para entender as oportunidades que nos cercam, para ter coragem de inovar e dar algo novo para o seu público.

Para se dar bem nessa Era atual do Marketing Digital não adianta ter apenas o site mais legal, ou a palavra-chave repetida N vezes no seu texto. O que realmente importa é o seu conteúdo. É ele quem vai ditar o seu sucesso. Afinal, ninguém compra um perfume pelo frasco, ou um celular pelo design ou um livro pela capa. O que realmente importa é a visão que existe dentro de cada um deles.

 

 
Autor(a)

Escrito por: André Mousinho Cristão, formado em Publicidade, viciado em quase tudo de cultura Nerd e bacon. Embarcando na jornada pela exploração do Universo do Marketing Digital e em busca de se tornar um Mestre Jedi na arte da escrita.



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!