escritor vs pesquisador

Você precisa de um bom escritor ou um bom pesquisador?

Montar uma estratégia de marketing de conteúdo dá trabalho, mas o retorno sobre investimento certamente faz o esforço compensar. Para isso, é preciso tomar uma série de medidas.

Desde a formação da persona, pesquisa de palavras-chave e escolha de pautas até os profissionais que farão parte da equipe, é fundamental que tudo esteja no lugar certo para que os resultados apareçam.

Uma das dúvidas nesse respeito é se faz mais sentido contar com um bom escritor ou um pesquisador capacitado para produzir o conteúdo necessário.

Veja o que fazem esses profissionais e quando é melhor contar com cada um deles na sua equipe.

Qual o papel do escritor e do pesquisador?

A primeira coisa que nós precisamos entender diz respeito ao papel que cada um desses profissionais desempenha, para que possamos nos aprofundar um pouco mais em qual deles escolher.

Sendo assim, veja uma definição básica do que queremos dizer quando falamos em escritor e pesquisador:

Escritor

Quando você lê escritor, pense em alguém que produz conteúdo de forma profissional, como um jornalista ou redator freelancer.

Apesar de não conhecer tão bem o nicho específico da sua empresa atua, está preparado para escrever bem sobre ele.

Pesquisador

O pesquisador é um especialista em marketing de conteúdo.

Ele sabe tudo que é preciso para fazer uma estratégia dar certo, desde a criação de personas até a nutrição de leads.

Agora que já sabemos qual a diferença básica entre um escritor e um pesquisador, vamos à fundo para compreender exatamente o que destaca cada um deles.

As principais qualidades de um bom escritor

Muito além do que escrever textos prontos para publicar, seguindo todas as regras de gramática e estrutura — elementos óbvios para uma estratégia de marketing de conteúdo — , algumas qualidades são mais evidentes em um jornalista.

Destacamos 3 destas características, que sem dúvida podem contribuir bastante para o sucesso da sua equipe:

Maior produção em menos tempo de trabalho

Escrever muitas matérias, de variados tamanhos, lidando com prazos apertados e mantendo um alto padrão de qualidade é parte da rotina diária de um jornalista.

Por isso, se tem uma coisa que deve nos chamar a atenção logo de cara nesse profissional é a sua capacidade de manter um alto nível de produção.

O melhor é que por ser treinado e acostumado a fazer isso, o jornalista ou redator consegue manter esse ritmo de forma constante, sem oscilar ou depender apenas da já conhecida “inspiração” para fazer um bom trabalho.

Conteúdo completo e fácil de entender

Outro ponto positivo de um jornalista é que, por natureza, ele é treinado e acostumado a escrever para grandes audiências, normalmente compostas por pessoas de diferentes formações e níveis de escolaridade.

O que isso quer dizer, na prática? Que parte do trabalho envolve produzir um conteúdo que seja fácil de entender, sem perder a profundidade ou a relevância.

Dentro do contexto de escrita para a web, em que as pessoas desejam consumir material cada vez mais simples e prático, isso faz toda a diferença.

Quanto mais próximo do leitor o conteúdo for, mais chances de sucesso ele terá.

Variedade de assuntos e tarefas

É verdade que o escritor nem sempre vai ser um especialista no nicho para o qual está escrevendo, mas isso não é necessariamente algo ruim.

Com as referências certas, ele pode escrever sobre praticamente qualquer tema que lhe for proposto, mantendo a credibilidade e educando o leitor da maneira correta.

Além disso, um jornalista pode ser de grande ajuda por escrever press releases e outros tipos de material que são relevantes para o dia a dia da empresa, e não apenas posts para blog.

Com tudo isso, você tem à disposição um profissional versátil, capaz de falar sobre vários assuntos e escrever diferentes tipos de material.

Como ele se encaixa na sua estratégia de conteúdo

Diante de tudo isso, não resta dúvida de que um bom escritor tem espaço de sobra dentro de uma estratégia de conteúdo, não é mesmo?

Basta ler algumas das características que fazem parte do seu trabalho diário para ver que ele tem o que é preciso para produzir conteúdo interessante e relevante para o público, justamente o que torna o marketing de conteúdo tão eficiente.

Naturalmente, há pontos em que um escritor generalista, principalmente com formação jornalística, precisa levar em conta, afinal jornalismo e marketing de conteúdo são assuntos diferentes.

Mas, por estar atento à estrutura dessa forma de marketing, não há barreiras que o impeçam de ter um desempenho invejável.

As principais qualidades de um bom pesquisador

Agora vamos falar um pouco mais sobre o que diferencia um especialista em marketing de conteúdo, alguém que conhece todos os caminhos para fazer com que o material atinja o público certo na hora certa.

Também separamos 3 qualidades que se destacam nesse profissional. Veja:

Diferentes formatos de conteúdo

A primeira diferença de um especialista em marketing de conteúdo para um escritor profissional é simples, mas muito importante: ele não é bom apenas com a escrita, mas com diversos formatos de conteúdo.

Qual o efeito prático disso? No marketing de conteúdo, o material escrito está longe de ser o único que o público consome. Há também diferentes tipos de vídeos, como webinars, bem como peças gráficas — como infográficos.

O pesquisador, além de conhecer todas essas formas de conteúdo, sabe exatamente quando usar cada uma para conseguir os melhores resultados.

Conteúdo que prepara para a venda

Outra vantagem que o pesquisador leva é que, por ser um especialista na área de marketing de conteúdo, consegue produzir um material que seja mais direcionado para a venda, mas sem “pesar demais a mão”.

Por vezes, o jornalista pode se refrear de criar um material que seja focado em vender — afinal, no jornalismo a ideia é ser imparcial e apenas apresentar os fatos.

Já o pesquisador tem a noção exata de como dosar a propaganda na medida certa, sem deixar de continuar relevante para a sua audiência.

Conhecimento profundo de todo o processo de marketing

O conhecimento do pesquisador começa bem antes do primeiro texto ser publicado, e termina bem depois disso. Como assim?

Mais do que saber o que faz um texto bem-sucedido, ele entende como planejar e executar uma estratégia de marketing de conteúdo do início ao fim, desde a criação da persona até a análise de métricas.

Com isso, você tem um profissional que entende muito mais do processo como um todo, e não apenas de partes específicas dele, como a produção de conteúdo.

Como ele se encaixa na sua estratégia de conteúdo

A participação ativa do especialista em marketing de conteúdo é fundamental em cada uma das etapas do processo que a empresa deseja adotar. Sem alguém com essa qualificação, será difícil conseguir resultados expressivos.

Seja por contratar um gerente de conteúdo para sua equipe interna ou terceirizar o serviço, não dá para negar o papel vital que ele tem no sucesso da sua estratégia.

Seguir em frente sem esse profissional seria como dar um tiro no escuro, e não faz sentido para um investimento tão seguro e rentável como esse.

Será que você precisa escolher entre um e outro?

Depois de ver em detalhes como cada um desses profissionais trabalha e entender de forma específica o que envolve as funções deles, talvez você esteja em dúvida: qual deles deve escolher para fazer parte da sua equipe?

A resposta definitiva é: os dois! O objetivo desse artigo não é mostrar por que um ou outro é melhor, e sim como ambos podem trabalhar juntos para tornar o seu planejamento ainda mais forte e preciso.

Quer ver a prova disso? A sua estratégia de marketing de conteúdo precisa dos seguintes elementos, que podem ser supridos com estes dois profissionais:

Visão de longo prazo

Ao montar um planejamento de conteúdo para a sua empresa, não basta pensar apenas no presente, só nos resultados que você vai conseguir daqui a alguns meses.

Se fizer isso, tomará decisões que no futuro se provarão insustentáveis, e o retorno sobre o investimento pode começar a cair aos poucos, obrigando a empresa a fazer mudanças radicais.

Por outro lado, ter tanto um bom escritor quanto um pesquisador competente do seu lado, conseguirá elaborar um projeto sólido desde o início, e executá-lo com clareza por muito tempo.

Conteúdo perene

O conteúdo perene — também conhecido por alguns como conteúdo evergreen — é um dos elementos fundamentais quando falamos em ter uma visão de longo prazo de como a marca deseja se posicionar.

Esse tipo de conteúdo jamais deixa de ser relevante, e pode se provar uma importante fonte de leads e até de clientes mesmo muito tempo depois de ter sido escrito.

Quem é que entende bem de conteúdo perene? O pesquisador. Mas quem consegue produzir uma grande quantidade desses materiais em pouco tempo? Seu escritor.

Qualidade apurada

A qualidade é um fator que você jamais, sob hipótese alguma, pode se dar ao luxo de abrir mão. É verdade que as vezes a demanda por novas ideias e o ritmo com que o mercado evolui pressionam por uma produção mais ágil.

Mas isso não significa abrir mão do bom planejamento de pautas, pesquisas cuidadosas de referências e uma escrita que envolva o leitor.

Com a junção das competências já citadas do escritor e do pesquisador, essa mistura de rapidez e atenção a cada detalhe jamais será perdida.

Processo estruturado

Por fim, sua estratégia de marketing de conteúdo precisa seguir um processo estruturado, que leve em conta a jornada de compra do cliente e o conduza pelo funil de vendas com maestria.

Não podemos nos esquecer do porquê o marketing de conteúdo é realizado: entre outras coisas, aumentar as vendas da empresa.

Por isso, escritor ou pesquisador não poderiam trabalhar sozinhos, já que seria quase impossível manter a produção com qualidade e ainda se concentrar devidamente nos demais fatores do processo de nutrição.

Como usar cada um dentro da sua estratégia

Já que a questão é saber quando usar as habilidades de cada um, a fim de criar um conjunto harmonioso, que funcione plenamente em benefício do negócio, vamos te mostrar como usá-los dentro do seu planejamento.

Veja agora em que áreas o escritor pode ser melhor usado, e quais sãos as tarefas que faria mais sentido deixar a cargo do pesquisador:

Onde o escritor faz a diferença

O papel do escritor é claramente na produção de conteúdo e na criação de materiais ricos.

A sua capacidade de produzir peças de qualidade em pouco tempo, sobre temas variados e de forma que todos entendam facilmente é um trunfo e tanto para a equipe de marketing, e um sonho para o gerente de conteúdo.

Além disso, ele também pode desempenhar o papel de Relações Públicas — ou auxiliar quem faça isso — , dependendo das necessidades da empresa em que atua.

Seja como for, um bom escritor tem um papel operacional de grande importância dentro de uma estratégia sólida de conteúdo.

Onde o pesquisador faz a diferença

O pesquisador tem conhecimento e experiência demais em marketing para trabalhar só produzindo conteúdo. Por isso, faz mais sentido usá-lo para ajudar a montar e avaliar o andamento da estratégia.

É claro que isso também vai envolver produzir material de qualidade vez por outra, mas não se limitará a isso.

Ele deixará que os escritores da equipe fiquem com a maior parte da demanda, ao passo que não têm o mesmo conhecimento que ele para assumir tarefas estratégicas dentro do planejamento.

Sem dúvida, tanto o escritor quanto o pesquisador têm papeis cruciais dentro de uma estratégia vencedora de conteúdo. O mais importante é identificar onde cada um se encaixa melhor e pode contribuir com suas qualidades para que no fim o resultado seja positivo para a empresa.

Além do escritor e do pesquisador, sabe quem mais é fundamental para compor sua estratégia de conteúdo? Veja 7 profissionais essenciais para te ajudar nessa missão!

 
Autor(a)

Escrito por: Redator Rock Content Este artigo foi produzido por um dos mais de 5000 redatores da base da Rock Content. Quer conteúdo legal assim no seu blog? Fale com um consultor!



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!