facebook

Facebook: tudo sobre a rede social mais usada do mundo!

Sendo a principal escolha de muitos usuários de Redes Sociais, o Facebook é, atualmente, o site mais acessado do mundo.

Por causa do seu sucesso e grande adesão, pode-se considerar que influencia diretamente na política, cultura e opinião pública dos usuários.

Mas como esse fenômeno começou? Qual foi a trajetória dos fundadores até os dias atuais? Quais são os principais recursos deste website?

Neste post vamos contar para você tudo sobre a rede social mais usada do mundo! Vamos nessa?

Nesse artigo você verá:

 

O Facebook

O Facebook é a maior rede social de todo o mundo, contando com 2 bilhões de usuários ativos em todo mundo.

Nele, é possível criar um perfil pessoal ou uma Fan Page, e interagir com outras pessoas conectadas ao site, através de trocas de mensagens instantâneas, compartilhamentos de conteúdos e as famosas “curtidas” nas postagens dos usuários.

Além de executar estas funções, também é possível participar de grupos, de acordo com seus interesses e necessidades, dentro da rede social.

Atualmente, é uma das formas mais utilizadas entre aqueles que acessam a internet, para se conectar com outras pessoas e também para realizar buscas rápidas de informações, além de funcionar como espécie de centralizador de contatos.

História

A história da rede social mais acessada do mundo, começou em 2003, dentro de um quarto, na Universidade de Harvard, com o nome de Facemash.

Facemash

O site foi criado pelos estudantes Mark Zuckerberg, Chris Hughes, Dustin Moskovitz e o brasileiro Eduardo Saverin, que estavam no segundo ano de faculdade.

facebook: Mark Zuckerberg, Eduardo Saverin, Dustin Moskovitz e Chris Hughes

Mark Zuckerberg, Eduardo Saverin, Dustin Moskovitz e Chris Hughes
fonte: http://bit.ly/2aNMFEQ

Através dele possível escolher quais eram as meninas mais atraentes do campus, através de comparações de fotos que foram coletadas a partir do sistema de segurança da Universidade.

É claro que esse tipo de website logo despertou a fúria das estudantes, e os executivos de Harvard o fecharam rapidamente.

imagem do facemash, rede social que originou o facebook. tela com os dizeres "quem é mais atraente" em inglês

Na época, Mark sofreu uma série de acusações, como violação de privacidade e de segurança, enfrentando sérios problemas em sua faculdade.

thefacebook

Pouco tempo depois, o estudante já começava a programar o código de uma rede virtual que, mais tarde, iria se expandir para o uso de estudantes de outras universidades das redondezas, com o nome de ‘’thefacebook’’.

Neste site, era possível criar laços de amizade virtuais entre os universitários.

thefacebook

E enfim, o Facebook

A expansão continuou, e no verão de 2005, o Facebook, foi oficialmente inaugurado com seu nome original, logo depois que o conselheiro de Mark Zuckerberg, Sean Parker, co-fundador do Nepster, sugerir a mudança sutil do nome.

facebook: Mark Zuckerberg, Snoop Dogg e Sean Parker

Mark Zuckerberg, Snoop Dogg e Sean Parker (o cara que sugeriu tirar o “the” de Facebook)

A partir de 2006, o acesso passou a ser liberado para alunos do ensino secundário e também trabalhadores de empresas em geral e  não eram mais apenas os estudantes universitários que podiam usufruir do uso da rede.

Logo depois, qualquer pessoa com idade acima de 13 anos podia se conectar ao Facebook, fornecendo informações simples como nome e sobrenome, e-mail, data de nascimento e gênero.

Em 2011, o site se tornou o maior servidor de fotos do mundo. Já no final do mesmo ano, o número de usuários que acessavam o Facebook pelo celular, já ultrapassava a marca dos 350 milhões.

Hoje esse número mais que dobrou, assim como seu indiscutível sucesso e os usuários cadastrados na rede chegaram à marca de 2 bilhões.

Muitas pessoas deixaram de utilizar o Facebook apenas como uma maneira de se conectar aos amigos e passaram a vê-lo como uma ferramenta de trabalho, além de um meio de divulgação de empresas e marcas.

A Rede Social – O Filme

O filme que conta a história por trás do Facebook foi aclamado pela crítica como o melhor de 2010, recebendo vários prêmios, além de Oscar como Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Edição e Melhor Trilha Sonora.

Nele, é mostrada a trajetória de Mark Zuckerberg, e também as complicações e desdobramentos que ocorreram desde a criação do Facemash. Naquela época, não se tinha ideia da proporção que o site iria tomar.

facebook: pôster do filme "a rede social"

“Você não consegue 500 milhões de amigos sem fazer alguns inimigos”

Zuckerberg aparece no filme como uma espécie de anti-herói, insensível e calculista, que parece não se importar muito com as pessoas ao seu redor, desde que elas não estivessem interferindo diretamente em seus projetos.

Ninguém da equipe do Facebook participou do filme, assim como seu atual CEO, que chamou o roteiro de mera ficção.

Curiosidades

Com mais de dez anos de história, é claro que já é possível reunir uma série de fatos curiosas e curiosos sobre a rede social de um dos mais famosos CEOs do mundo.

Conheça alguns dos mais interessantes:

1. É possível cadastrar um usuário herdeiro em sua conta

Com a opção de cadastro do usuário herdeiro, é possível escolher uma pessoa que irá administrar sua conta, caso algo ocorra com você.

O acesso que esta pessoa terá ao seu perfil é limitado à administração de alguns conteúdos, sem que ele possa visualizar informações e dados privados, como conversas no chat, por exemplo.

2. Al Pacino dando as boas-vindas

Quando o site ainda possuía o nome de “thefacebook”, ao acessar a página inicial de login, era possível visualizar, no canto superior esquerdo da tela, o rosto do ator Al Pacino!

Olha:

facebook

facebook

Não há, até hoje, uma justificativa de por que o rosto do intérprete de Michael Corleone aparecia no site, mas sabe-se que a imagem foi desenvolvida por um colega de classe de Zuckerberg.

3. A cor azul e sua relação com Mark Zuckerberg

Mark já afirmou que é daltônico e para ele, a cor mais rica é o azul. Motivo pelo qual o CEO resolveu introduzir a cor em todo o site.

4. As linguagens presentes

O Facebook, conta atualmente com 70 opções de línguas diferentes para serem utilizadas.

O mais legal, é que, além de uma grande variedade de línguas de todo o mundo, ainda há as opções:

“English Upside Down”, onde tudo que está escrito, fica de cabeça para baixo:

english upside down no facebook

E o “English (Pirate)’’, uma versão em inglês com linguajar pirata, que substitui o “nome de usuário” por “pirate name” (nome pirata) , Nome” é substituído por “Cap’n Name” (nome do capitão), “E-mail” é substituído por “E-bottle” (algo como “e-garrafa”, devido as histórias contadas sobre mensagens enviadas em garrafas).

facebook

5. Hackers

No ano de 2014, o número de tentativas de invasão a contas cadastradas era de 600 mil por dia. Os hackers tentam acessar informações importantes como mensagens privadas, fotos e outras informações dos usuários.

Por esse motivo, é preciso se atentar à escolha da senha e também acionar as opções de segurança do Facebook, como fornecer um código de acesso ao acessar sua conta de outro dispositivo que não seja o seu.

Recursos

Atualmente, o Facebook apresenta uma série de recursos que deixam a experiência do usuário mais completa e também mais divertida.

Além disso, as atualizações no site são constantes, e volta e meia, novos recursos são adicionados.

Separamos os principais:

                    1. Personalização

Quando se cria uma página pessoal no Facebook, é possível personalizá-la de acordo com suas preferências, adicionando uma foto de perfil, que permite que os outros te identifiquem melhor, e uma foto de capa.

Caso você possua uma Fan Page, é possível utilizar estes recursos de acordo com sua estratégia de marketing e com a identidade visual de sua marca.

Você possui dificuldades para iniciar uma estratégia de marketing para sua empresa, no Facebook? Saiba mais neste kit gratuito que preparamos especialmente para você!

                    1. Adicionar amigos

A possibilidade de adicionar e se conectar a seus amigos e conhecidos, não só de sua cidade, mas de todo o mundo, é a grande chave das redes sociais, já que todas elas giram ao redor do relacionamento entre pessoas.

Mas lembre-se que apenas as páginas pessoais possuem este recurso! Nas Fan Pages, ao invés de amigos, você terá fãs que irão curtir sua página e interagir com suas postagens.

Nunca crie uma conta pessoal para divulgar sua marca ou empresa! Além do fato de que a página pessoal possui um número limitado de amigos que podem ser adicionados, esta ação viola as diretrizes do Facebook.

                    1. Chat

O chat é a maneira mais prática e rápida de se comunicar, não apenas com seus amigos, mas com outras pessoas que estão cadastradas na rede.

Nele, é possível enviar mensagens em tempo real, além de compartilhar imagens, vídeos, links, áudios, arquivos e enviar gifs, figurinhas e a localização atual do usuário.

O recurso lembra o serviço de mensagens instantâneas MSN, que foi, aos poucos, sendo substituído por outros produtos, como Skype, chats de redes sociais e também o aplicativo de celulares, Whatsapp, que foi comprado pelo Facebook, no ano de 2014.

                    1. Curtir Páginas

Quando se curte uma página, é possível acompanhar as atualizações e também novidades que são postadas nela.

O interessante das páginas do Facebook, é que elas dão uma maior visibilidade para o proprietário e permitem que o público interaja diretamente através de comentários, curtidas e mensagens.

Além disso, sua conta pessoal mostra as páginas curtidas, indicando quais são suas preferências. É uma ótima maneira das outras pessoas te conhecerem melhor, não é mesmo?

Sabemos bem que as páginas não são a única opção que pode ser curtida dentro da rede social. O botão ‘’curtir’’, já virou uma marca registrada e pode ser usado como interação em publicações em geral.

Recentemente, outros botões foram incorporados a esta opção, para que o usuário possa expressar que amou determinada publicação, ou que se sentiu triste ao visualizá-la.

                    1. Compartilhar Conteúdo

A possibilidade de compartilhar conteúdos com outras pessoas conectadas à você, é provavelmente a maior das interações dentro do website.

Ao compartilhar um conteúdo, você pode dividir informações, novidades, opiniões e notícias com outros usuários.

Também é possível compartilhar fotos, pessoais ou não, diretamente pelo Facebook, ou através da integração com o Instagram, que também foi comprado por Mark em 2012.

Nos conteúdos compartilhados, ainda é possível marcar amigos, mostrar a localização atual e “adicionar uma atividade”, como algo que você está assistindo, como você está se sentindo, uma causa que você está apoiando, ou um livro que você está lendo, por exemplo.

A pouco tempo atrás, um novo recurso também foi adicionado ao selecionar a opção de atualização de status.

Nele, é possível realizar uma transmissão em vídeo ao vivo. Ou seja, é possível gravar algo que está acontecendo em tempo real, enquanto outros usuários interagem com você. Após terminar, seu vídeo permanece em sua linha do tempo.

                    1. Aplicativos

Os aplicativos do Facebook são ferramentas de interação que podem ser desde jogos, brincadeiras e testes que são integrados à sua conta, até abas que podem ajudar seu negócio, dentro de sua página.

E quando falamos de abas para Fan Pages, as opções são inúmeras. Indo desde personalização da mesma, até geração de Leads, por meio de um Like Gate, que mostra conteúdos diferentes para quem curte e para quem não curte a página.

                    1. Botão “cutucar”

A opção de “cutucar” alguém na rede social, nunca foi exatamente definida, sendo apontada pelo Facebook como uma maneira de chamar a atenção de alguém ou simplesmente dizer um “olá” de uma maneira menos formal.

O próprio website não criou uma definição específica para a função e inclusive, eles gostam de deixar a opção aberta a interpretações de cada um.

                    1. Anúncios

Através da própria rede social, é possível criar anúncios pagos para atingir públicos específicos, fazendo com que estes sejam mais interessantes para as pessoas que estão os vendo.

Também é possível montá-los de acordo com suas necessidades, além da possibilidade de impulsionar as vendas de sua empresa.

As campanhas não possuem um valor máximo e podem ser reajustadas de acordo com os resultados e demandas que vão aparecendo ao longo do tempo.

9. Criação de Eventos e Grupos

Hoje, tornou-se quase que obrigatória a criação de eventos no Facebook para anunciar e convidar quem você deseja que vá até sua festa, encontro ou reunião.

Este recurso facilita a troca de informações sobre o evento e também ajuda no controle de quem irá comparecer.

Também é possível criar grupos para as mais diversas finalidades, que vão desde reunir pessoas com o mesmo gosto musical, por exemplo, a agrupar pessoas de uma mesma sala de aula, para que possam discutir sobre as matérias e atividades passadas.

Estatísticas

As estatísticas do Facebook vem crescendo de forma estrondosa desde sua criação, e quando falamos que ele é o site mais acessado do mundo, não estamos de brincadeira!

Segundo dados atualizados deste ano, a rede social conta com 99 bilhões de usuários ativos mensais, e 89 bilhões de usuários móveis ativos mensais. Em segundo lugar, temos o Whatsapp e em terceiro, o Instagram, também do Facebook.

O Brasil é o terceiro país que mais possui usuários conectados no mundo, sendo que, a cada 10 brasileiros com acesso à internet, 8 possuem uma conta.

Esse dado nos mostra, mais uma vez, como é importante que as empresas estejam presentes nessa rede para que possam ser vistas e para que possam fazer a divulgação da própria marca.

Como fazer um Perfil

Logo ao acessar a página de login do Facebook, já é possível visualizar os campos referentes à criação de uma nova conta:

como criar uma conta no facebook

Nele, você encontra os seguintes campos:

                    • Nome
                    • Sobrenome
                    • Número de celular ou endereço de e-mail
                    • Senha
                    • Data de aniversário
                    • Gênero

Para que se possa prosseguir para a próxima etapa, é necessário que todos os campos sejam preenchidos. Após esta ação, já é possível selecionar a opção de abrir uma conta.

Logo depois, uma nova aba irá aparecer para que você realize um processo de 3 etapas:

facebookEtapa 1:

Nesta etapa, você poderá encontrar seus amigos através dos seus respectivos endereços de e-mail.

É interessante realizar esta busca pois, a partir do momento que você adiciona os primeiros amigos, o Facebook já começa a sugerir novas amizades com pessoas que você provavelmente conheça, com base nas informações passadas.

facebook

Etapa 2:

Aqui é possível inserir as informações sobre sua escolaridade, sobre a cidade que você nasceu e também aonde você mora no momento.

Na lateral direita de cada campo, você pode configurar o tipo de opção de privacidade para cada informação, que vai desde ‘’público’’, onde qualquer pessoa do mundo pode visualizar, até ‘’somente eu’’, onde a informação fica limitada apenas para você.

A vantagem de manter estas opções como públicas, é que fica mais fácil que outras pessoas localizem você de acordo com sua instituição de ensino e a cidade que você se encontra.

facebook

Etapa 3:

Na última etapa de criação da conta, você pode adicionar uma foto de perfil. É importante selecionar uma foto nítida e que possa ajudar seus amigos a te identificarem e saberem que que é realmente você o dono da página.

Ao terminar esta etapa, você terá acesso à sua página inicial e poderá também introduzir uma foto de capa.

Este campo é livre e muitas pessoas utilizam para postar foto de algo que gostam, como um filme ou um artista, uma foto com os amigos ou família, e até mesmo a própria foto.

Após estas ações, já é possível usar a rede e acompanhar seus amigos! Lembre-se que é possível configurar a privacidade de todas as suas informações, assim como a privacidade dos conteúdos e atualizações de status que forem realizadas por você!

Como fazer uma Fan Page

Se você deseja divulgar uma marca, empresa ou causa, é necessário criar uma Fan Page, e não um perfil pessoal.

O passo-a-passo é bem simples e intuitivo, como podemos ver abaixo:

                    1. Selecionar a categoria

facebook

Nesta aba, é possível selecionar a categoria da página que será criada por você, de acordo com o segmento do seu negócio.

Cada categoria possui diferentes tipos de informações que devem ser preenchidas e é importante que se escolha a mais adequada, para que as buscas no Facebook e também no Google sejam mais eficientes.

Não se preocupe se, por algum motivo, seja necessário alterar a categoria escolhida. Ela pode ser alterada a qualquer momento, através das configurações da página.

                    1. Preencher as informações

Agora que sua categoria foi definida, é necessário preencher as informações do seu negócio.

É importante adicionar uma descrição bem detalhada sobre a área de atuação de sua empresa, assim como adicionar o endereço do seu site, que é uma informação importantíssima para que seus seguidores possam saber mais sobre você.

                    1. Personalizar

A partir desse ponto, é possível adicionar uma foto de perfil e, posteriormente, a foto de capa da sua página.

A identidade visual de sua empresa, conta muito para a construção de sua Fan Page, pois é a partir dela que as pessoas irão reconhecer sua marca. Lembre-se de sempre mantê-la no Facebook. Não só nas fotos de perfil e capa, mas também em suas publicações.

Gostaria de mais dicas de criação de Fan Page? Não sabe como administrar uma página? Então confira esse artigo que preparamos para você com tudo o que você precisa saber para criar e administrar uma fan page!

Tamanhos de Imagem

Antes de mais nada, é importante lembrar que há diferentes tipos de tamanhos de imagem quando se trata de diferentes redes sociais.

O Facebook segue um padrão de tamanho para cada tipo, não aceitando aquelas que sejam maiores do que o permitido.

Lembre-se que, no caso de anúncios, a porcentagem de texto na imagem não pode ultrapassar a margem dos 20%. Caso contrário, o anúncio não pode ser aprovado pela rede social.

Os principais tamanhos de imagem são:

Imagem de perfil

                    • mínimo 180 x 180 pixels (original)
                    • 160 x 160 pixels (reduzida)
                    • 160 x 160 pixels (exibição)

Imagem de perfil em equipamentos mobile

                    • 160 x 160 pixels (desktop)
                    • 140 x 140 (Smartphone)
                    • (24px da esquerda e 196px de cima)
                    • Mobile: 50×50

Foto de Capa

                    • Perfil pessoal: 851 x 315
                    • Página: 828 x 315
                    • Formatos: JPG, PNG
                    • Upload de vídeos
                    • Recomendado: 504 x 283
                    • Mínimo: 504 x 283
                    • Miniatura grande: 319 x 176
                    • Miniatura pequena: 157 x 87
                    • Formatos: Qualquer formato

Foto na linha do tempo

                    • Recomendado: 1200 x 630
                    • Mínimo: –
                    • Exibição: 504 largura máxima
                    • Tamanho máximo: 100 KB
                    • Formatos: JPG, PNG

Link na linha do tempo

                    • Recomendado: 1200 x 630
                    • Mínimo: 600 x 315
                    • Exibição: 470 x 246/154 x 154
                    • Formatos: –

Feed de notícias

                    • Recomendado: 1200 x 630
                    • Mínimo: 600 x 315
                    • Exibição: 470 largura máxima
                    • Formatos: JPG, PNG

Link no feed de notícias

                    • Recomendado: 1200 x 630
                    • Mínimo: 600 x 315
                    • Exibição: 484 x 525/154 x 154
                    • Formatos: –

O Facebook não é a única rede social que possui estas regras. Na realidade, todas as redes sociais possuem um padrão de tamanho que deve ser seguido para o uso de imagens. E você confere o padrão de cada uma nesse artigo aqui, que é sempre atualizado pela nossa equipe.

Como aplicar o Marketing Digital no Facebook?

Sabemos que o marketing da sua empresa deve ir onde seu público está. E acredite, boa parte dele pode estar nas redes sociais. Apenas a simples presença de sua empresa já fará com que você seja visto por várias pessoas.

O Marketing Digital vem crescendo cada vez mais, e ele nada mais é do que a divulgação e promoção de produtos ou marcas através de mídias eletrônicas.

E quer mídia melhor para este tipo de divulgação, do que o Facebook?

O Facebook possibilita, além de um grande alcance, uma grande interação com o público, já que as pessoas podem comentar, curtir e compartilhar suas atualizações na página. Tornando a experiência dos usuários mais descontraída e possibilitando a aproximação entre público e marca.

Também é possível fazer a divulgação de sua empresa e de seus produtos, possibilitando o impulsionamento de suas vendas.

Mas, como exatamente podemos aplicar o Marketing Digital no Facebook? Confira as principais dicas:

1.Planeje

Antes de iniciar uma campanha ou uma ação de Marketing, tenha um planejamento. O que você deseja alcançar com seus anúncios? Qual será o tipo de interação que você terá com seu público? Tenha estas questões em mente para estar preparado quando começar a postar conteúdos em sua página.

Inicialmente, foque em aumentar o número de fãs. Mais pessoas em sua página, significa mais audiência! E queremos ter um grande alcance de público, certo?

2. Tenha uma equipe

Profissionais que possuem conhecimentos sobre redes sociais e sobre estratégias de marketing podem ser essenciais para ajudar na hora de trazer resultados melhores para sua empresa através do Facebook.

Ainda por cima, o próprio Facebook possui uma função onde é possível adicionar mais pessoas à conta de sua Fan Page, para que elas possam acessá-la e fazer parte de sua equipe.

3. Defina o tom

O tom de voz deve ser definido logo no início e também deve ser mantido. Dessa maneira, seu público irá absorver ainda mais a identidade de sua empresa. Além disso, o tom de voz será a expressão de sua marca e do que ela quer passar.

4. Tenha em mente seu público

Ao criar sua página, já é possível adicionar alguns dados sobre quem você deseja atingir. Estes dados podem  vir da sua persona.

A definição de sua persona fará com que seus anúncios e promoções fiquem ainda mais direcionados para quem você deseja que acesse sua página.

5. Defina o seu plano e separe uma verba

Com um curto orçamento, já é possível realizar uma campanha com bons anúncios, através do próprio Facebook. Defina um plano que adapte-se melhor às suas necessidades e também defina a frequência com que seus anúncios aparecerão para seu público.

É possível alterar suas campanhas a qualquer momento, de acordo com as demandas que forem surgindo ao longo do tempo.

Lembre-se de separar uma verba especialmente para este fim. Os anúncios no Facebook são importantes, e caso você deixe de pagar algum deles, a campanha é imediatamente interrompida, e isso pode comprometer sua estratégia!

6. Invista em conteúdo de qualidade

Não fale apenas sobre seu produto ou sua marca. Aposte em conteúdos interessantes e relevantes que farão com que seu público fique ansioso para que você poste mais! Seja criativo e procure oferecer boas informações para seus seguidores.

Lembre-se da regra dos 80/20! 80% dos conteúdos postados em sua rede, devem ter algo de valor para o leitor, enquanto os outros 20%, podem ser promoções e divulgações. Esta é a melhor maneira de gerar engajamento em sua página.

7. Não pare de postar!

Não abandone sua página e não pare de postar! Mantenha seu público engajado e sempre atualizado.

Acompanhe o engajamento do seu público e quais são os horários de pico das publicações. Estas informações irão contribuir para que você planeje como e com que frequência irá realizar suas postagens.

Além disso, fique sempre por dentro das informações e notícias para não perder a oportunidade de ajustar e atualizar seu conteúdo, ou de lançar um post que possa viralizar, se for divulgado no momento certo.

8. Mensure o seu sucesso

O próprio Facebook, oferece, dentro da Fan Page, recursos que possibilitam a análise de curtidas, compartilhamentos, quantidade de mensagens trocadas entre seus seguidores e também qual é o alcance dos seus posts.

Estas são apenas algumas das opções que podem ser visualizadas na página e que podem servir como base para que você mensure e alcance o seu sucesso.

9. Não deixe nenhum comentário sem resposta

Não importa que seja um comentário positivo ou negativo, o importante aqui é respondê-lo o mais rápido possível para que seus clientes vejam que você se importa com o bem estar deles.

O engajamento aumenta ainda mais quando as pessoas veem que há este tipo de interação com o público, já que eles percebem que serão ouvidos por você e que há uma preocupação de sua parte.

Quando falamos de Marketing no Facebook, não há barreiras para inovação e criatividade! O importante é sempre se manter atualizado e empenhado em resolver as questões de seus clientes e também de tornar o contato com sua empresa, o melhor possível!

Se quiser saber mais, acesse nosso Ebook gratuito sobre Marketing no Facebook!

Vimos que o Facebook, de uma maneira geral, já é algo que faz parte de nossas vidas pessoais e profissionais e também de nossa rotina.

Onde será que vamos chegar com o uso de redes sociais? Você considera o uso delas importantes para seu dia-a-dia? Deixe nos comentários abaixo a sua opinião e não esqueça de nos dizer o que achou do nosso artigo!

 
Autor(a)

Escrito por: Adriana Aguiar Customer Support na Rockcontent. Amante de viagens, burguers, unicórnios, filmes, séries medievais e Britney Spears.



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!