Featured snippets

O que são Featured Snippets: aprenda como alcançar a posição ZERO no Google

Sabe aquela caixinha do Google que aparece no primeiro lugar com a resposta já pronta e quer saber como conquistá-la? Então este post é para você.

Este post foi originalmente publicado no nosso Medium: Marketing Hackers.

Jorge rankeava em primeiro lugar no Google para a principal palavra-chave para o seu negócio.

Aos olhos de quem trabalha com SEO ou busca sucesso com estratégia em Marketing Digital, Jorge alcançou o ápice para aquela palavra-chave. Ela era o orgulho de Jorge.

Um dia, porém, ao efetuar uma busca por aquela palavra ele se deparou com uma inusitada situação. Dentro de uma caixa havia um resumo que conceituava brevemente aquela palavra-chave.

E o pior… a caixa estava posicionada acima do texto de Jorge.

O dono do conteúdo daquela caixa de resposta rankeava apenas em sétimo lugar na SERP. Mas por alguma espécie de bruxaria virtual lá estava ele à frente de Jorge e ocupando duas posições na primeira página.

O primeiro lugar não era suficiente. Agora Jorge precisava conquistar a Posição Zero do Google.

Feature Snippet de Marketing de Conteúdo

Bom, se você já se deparou com essas caixas de respostas chamadas de Featured Snippets sabe bem como Jorge se sente.

Ou talvez você saiba como o Eduardo se sente. Ele não foi citado na história, mas Eduardo é o dono do blog que rankeia em sétimo, mas conquistou a posição na página de resultados.

Existe a possibilidade de você não se sentir como nenhum dos dois, mas ter um desejo ardente no seu coração de conquistar aquele quadrado no topo da página de resultados.

É isso que você vai aprender hoje. Vamos destrinchar o que são essas Feature Snippets e como você pode alcançar a posição Zero do Google!

*As minhas três principais fontes de informação foram esse vídeo do Rob Bucci (CEO da STAT), essa análise da Moz e essa análise incrível da Ahrefs.

O que são Featured Snippets?

Os Features Snippets, ou caixas de respostas, são respostas diretas e sucintas para uma pesquisa de palavra-chave.

Eles visam responder diretamente a intenção da busca do leitor sem que ele visite alguma página. Os Snippets podem aparecer em três formatos: parágrafos, listas e tabelas.

O Google está cada dia mais interessado em otimizar a experiência do seu usuário, ou seja, quanto mais rápido o leitor alcançar aquilo que ele procura, melhor. Assim surgiram as Feature Snippets ou caixa de respostas.

Esses Snippets aparecem no topo das SERPs, acima da primeira posição orgânica, por isso, foi apelidado de posição zero!

Provavelmente você se lembra disso na sua infância quando existia uma disputa de quem seria o primeiro da fila em um brinquedo: “Primeiro”, “Segundo”, “Zerinhooo!”

Claro, ninguém aceitava.

Mas o Google transformou o tal do “zerinho” em realidade. E hoje os Snippets são tão almejados quanto a primeira posição orgânica.

Como funcionam esses Snippets

O que muita gente ainda não entendeu é como esses snippets funcionam.

O Google seleciona uma resposta dentre os posts mais bem rankeados que responda a dúvida buscada pelo usuário de maneira curta e direta.

Os critérios para a seleção ainda não estão claros, mas podemos identificar alguns padrões para conseguirmos pegar alguns desses snippets. Veremos como mais à frente.

Relação com o primeiro lugar

Aparentemente não existe nenhuma relação entre o primeiro lugar do Google e os Featured Snippets. Você pode conferir nesse print:

Feature Snippet de ROI

Apesar disso a maioria dos Snippets vem da primeira posição. De acordo com a pesquisa feita pela equipe do Rob Bucci, de todos os Snippets encontrados 30% deles eram puxados do primeiro lugar da página de buscas.

O que quer dizer que 70% das outras respostas encontradas eram puxadas das outras posições do Google.

O número encontrado pelo estudo da Ahrefs foi precisamente o mesmo:

Gráfico Ahrefs corroborando dados anteriores

Snippets são respostas definitivas para perguntas específicas ou uma definição. Já as páginas que rankeiam têm intenções diferentes: os posts geralmente são respostas completas com o maior número de informação para a persona.

Por isso não existe uma relação direta entre um Snippet e o primeiro lugar.

Existe, porém, relação com a primeira página! Mais de 99% dos Snippets vem de posts da primeira página.

Knowledge Graph

Algumas pessoas podem confundir o Featured Snippet com o Knowledge Graph. Por isso vou destacar a diferença para você entender bem.

A figura acima é uma Featured Snippet para a pesquisa “Torre Eifel”. Repare como embaixo da definição o Google disponibiliza um link apresentando a fonte daquela resposta.

Knowledge Graph Torre Eiffel

Agora veja uma resposta direta do Knowledge Graph quando busquei por “tamanho da Torre Eifel”. Essa resposta também figura no topo do Google, porém é fornecida pelo próprio Google, que retira informações da sua própria base de dados.

Portanto não existe nenhuma referência, por ser uma resposta direta do buscador.

Se você vir uma palavra-chave em que a posição zero é um Knowledge Graph, pode ter certeza que você jamais roubará essa posição.

Backlinks não influenciam o posicionamento

A partir dos estudos já mencionados os backlinks provavelmente não influenciarão de forma direta na definição do Feature Snippet.

Até porque, no geral, os posts que rankeiam em primeiro costumam ter um número maior de autoridade de página e domínio (cujo o principal fator são os links). E como vimos o posicionamento da página não é o fator decisivo para a escolha do Google.

É possível ter mais de um Snippet em um post?

Sim, um mesmo post pode aparecer para diferentes Snippets.

Por exemplo, um post que possua os H2: “Quanto custa um iphone 7” e “O que é um iPhone 7” poderá aparecer para ambas as buscas como snippet. Isso se o post estiver otimizado, claro!

O que faz elas aparecerem/permanecerem no topo?

Se os backlinks e a primeira posição não são suficientes, o que faz o Snippet aparecer no topo?

Tenho algumas teorias. Mas antes preciso lhes dizer, clicar no feedback e dar respostas positivas para o Google não vai adiantar nada! Quando aparecemos pela primeira vez no Snippet para “Marketing de Conteúdo” fizemos isso em massa e perdemos o Snippet (risos). Recuperamos depois! Veremos mais à frente.

Vamos às teorias.

O primeiro fator seria o CTR (Click Through Rate). O Google avalia o quanto uma resposta ou não é checando quantos cliques ela recebe. Se tem um baixo CTR, talvez a definição não seja tão boa assim.

A outra teoria (e talvez a mais forte) é a redução de CTR na página. Ok, talvez eu tenha bugado o seu cérebro nesse momento. Parece o oposto do que eu disse, mas não é!

Veja bem, o Google não é seu amigo. A intenção dos Snippets é justamente reduzir a taxa de cliques do seu site! O que o Google realmente quer é que pessoa obtenha a resposta sem sair da página de buscas.

Dr. Evil

É cruel, eu sei.

Não tem dado tão certo assim.

No geral as SERPs sem Snippet recebem cliques 74% das vezes. Já nas páginas em que o Snippet aparece o número cai apenas 4%, ou seja 70% das vezes o usuário clica em alguma página.

Gráfico Ahrefs: featured snippets reduzem o número de cliques na SERP

Os Snippets também não possuem uma taxa de cliques tão alta assim. Eles costumam obter apenas 8% dos cliques. No geral, em SERPs sem Snippet o primeiro lugar recebe quase 30% dos cliques.

Aposto que você não espera por essa! Acho que nem o Google.

Gif Doctor Evil

Ainda não foi dessa vez, Google.

O Google, porém, diz que os Snippets servem como uma contra capa de livro. Você sabe o que aquela página vai falar com você e opta por ler ou não. Leia aqui o ele fala sobre os Snippets.

Quando elas aparecem?

Você com certeza já reparou que nem toda busca possui um Featured Snippet. Aliás, a maioria das SERPs ainda não apresentam Snippets em seus resultados.

O que faz esse Snippet aparecer, então? O que dispara o gatilho para o Google julgar necessário uma caixa de respostas?

Não é possível determinar o fator exato, mas podemos identificar um certo padrão no comportamento do buscador.

Alto volume de buscas de uma palavra não é um fator determinante. Como veremos, as palavras-chave long tail têm uma probabilidade maior de aparecer em snippets.

Por outro lado perguntas, preposições e comparações costumam atrair os Snippets.

Além deles grande parte das caixas de respostas aparecem para receitas, conceitos e listas. Por exemplo:

Featured Snippet de lista: As 8 praias de Itapema que você precisa conhecer

Tipos de Featured Snippets

Existem três diferentes tipos de caixas de respostas. E cada uma delas vai aparecer de forma mais comum de acordo com a busca realizada.

Vamos ver os diferentes tipos:

Parágrafos

Em sua grande maioria os Featured Snippets são parágrafos. Como esse exemplo:

Featured Snipped de Parágrafo sobre Marketing Digital

Eles aparecem em sua grande maioria para perguntas e definições de palavras. Mas podem aparecer também em comparações e preposições.

O que é, como fazer, por que, quem, onde etc. São algumas das perguntas que costumam gerar as caixas de respostas.

Listas

A segunda forma mais comum deles aparecerem é por meio de listas.

As listas aparecem em sua grande maioria para receitas, rankings, passo a passo, melhores alguma coisa (praias, hotéis, jogadores, pontos turísticos, estádios) etc.

Um exemplo de um Snippet de lista:

Featured Snippet de lista com receita de pudim

Quadro/tabela

O último tipo é que costuma aparecer menos.

Geralmente o quadro ou tabela aparece quando acontece uma comparação, principalmente de preços. Mas pode aparecer em outras situações como horários de cinema e até algumas receitas.

Featured Snippet de tabela com preços do iPhone 7

Benefícios: por que ter um Snippet?

Você pode estar se perguntando: devo me preocupar em ter um Snippet ou focar meus esforços para ter o primeiro lugar?

A resposta que eu te dou é: os dois!

Foque em alcançar o topo, mas otimize o seu post para conseguir Snippets (vou ensinar como mais à frente apresentando o que deu certo para a gente aqui na Rock).

Vamos ver os principais benefícios de se ter um Featured Snippet:

Autoridade máxima

Um dos principais fatores de se conquistar um Featured Snippet é a credibilidade que o seu site ganhará. Afinal, o Google considerou você como a melhor resposta para a dúvida buscada.

Ele colocou você acima da primeira posição! É como se o Google dissesse para quem fez a busca: “Essa é a melhor resposta/definição! Esses caras sabem do que eles estão falando”.

Saltar nas SERPs

Você pode rankear em nono e ter o seu post acima do primeiro colocado.

Os Featured Snippets podem ser a forma mais fácil e rápida de ascensão nas páginas de resultados do Google.

Oportunidade enorme de tráfego orgânico

As caixas de respostas do Google podem ser uma oportunidade enorme para você ampliar o seu tráfego orgânico, principalmente se você não estiver no top 3 do Google.

Afinal, por aparecer no topo da página o Snippet tem uma chance de cliques muito grande.

Competir com sites gigantes

Sabe aquelas palavras-chave que você otimizou o conteúdo, fez um post completo e conseguiu um monte de links, mas não sai do lugar?

Aquelas SERPs que só tem páginas gigantes na sua frente como Wikipedia, Techtudo, Globo.com, Conta Azul, marketingdeconteúdo.com etc.

Pois é, os Snippets podem ser a grande oportunidade de você se ver acima de todos eles. Se o seu post estiver otimizado para o Google encontrar uma resposta ideal ali dentro, você pode ter chances de superar esses gigantes.

“Já estou em primeiro, e aí?”

Essa pode ser a sua mentalidade. “Alcancei o topo, não preciso me preocupar com Snippets”.

Bom, precisa sim! De acordo com o estudo do Ahrefs os Snippets tem roubado, em sua grande maioria, cliques do primeiro colocado.

Estatísticas Ahrefs Click Through Rate para featured snippets e as posições orgânicas

Além de uma excelente forma de ataque, os Snippets podem defender a sua posição e ampliar, ainda mais, os cliques que você já recebia.

Como aparecer em um Featured Snippet

Bom, esse é provavelmente o principal motivo que você acessou esse post. Apesar da relevância de todos os dados que informações que passei você quer mesmo é aparecer nessas caixas de respostas.

E se você não estava interessado, espero ter convencido você com o tópico anterior.

Agora vou apresentar para você como conquistar essa posição que, atualmente, é tão almejada por quem investe em SEO e Marketing de Conteúdo.

Não existe uma fórmula secreta. Vamos basear no que o Google tende a utilizar como resposta.

E depois vou mostrar o que funcionou para a gente.

Vamos lá!

O que fazer?

Sabemos que os Snippets são uma resposta ou definição para alguma busca que o Google define de forma mais ou menos aleatória.

Mais ou menos porque podemos otimizar os nossos posts de forma que eles sejam compatíveis com a resposta. Porém, não quer dizer que o Google vai escolher a sua e não outra igualmente otimizada.

Vamos aprender então a otimizar os nossos posts. Tanto os posts que você ainda vai produzir, quanto para aqueles que já estão produzidos, mas o Snippet não é seu.

Vamos ver o que pode ser otimizado:

Tamanho dos Snippets

Um dos fatores que vai influenciar diretamente nas suas chances está relacionado ao tamanho dos Snippets.

Se a resposta “otimizada” for muito grande, o Google não vai querer usar, afinal o espaço é limitado. Além disso, respostas muito pequenas não tendem a aparecer.

Vamos analisar os casos:

Parágrafos

Para Snippets que são parágrafos o tamanho mais otimizado será em média 45 palavras, de acordo com o estudo da MOZ.

O maior que eles encontraram possuía 97 palavras.

Bom, como o estudo foi feito em inglês, que no geral possui palavras mais curtas que o português é interessante observarmos o número de caracteres;

Em média, os Snippets possuem 293 caracteres. O maior encontrado, 752.

O gráfico abaixo apresenta a porcentagem de Snippets de cada tamanho no estudo da MOZ.

Gráfico da Moz em relação ao tamanho dos Snippets

Ou seja, procure manter os seus Snippets com uma média de palavras entre 40 e 50 palavras. Definitivamente isso aumentará as suas chances.

Listas

As listas apresentam em média 4.2 itens e 10.8 palavras por cada item. Vale à pena ter isso em mente quando for otimizar os seus posts.

O máximo encontrado foi de 8 itens e o maior número de palavras de 64. Não recomendo que você arrisque ultrapassar o número de palavras, caso almeje conquistar uma caixa de respostas.

*Dica bônus: aconselho você a se preocupar mais com o número de palavras e não de itens. Alguns Snippets possuem a tag “veja mais” o que pode ampliar o CTR da sua página.

Featured Snippet de lista com a tag Veja mais

Quanto maior a lista, melhor! E procure fazê-la com mais de 8 itens. Afinal, se o Google consegue mostrar toda a sua lista para os internautas, me dê um bom motivo para ele clicar na sua página!?

Tabelas

Em sua maioria as tabelas foram de 3.6 fileiras e 2.5 colunas, sendo o máximo 9 fileiras e 3 colunas. Ou seja, em hipótese alguma crie uma tabela visando pegar o Snippet com mais de três fileiras.

A ideia é semelhante à das listas. Quanto mais linhas a sua tabela tiver, melhor! O Featured Snippet vai mostrar que ainda existem itens para o leitor ver.

Outro fator importante de reparar é que no caso das tabelas o Google mostra quantos itens ainda existem para ser mostrados. No caso do iPhone, são dois. Em outros casos podem ser mais de 100. Ou seja, abuse das linhas e atraia mais cliques.

*Curiosidade bônus: se você for um site que as pessoas podem buscar preços ou algo do tipo, tente fazer essas tabelas. Veja só, fiz uma busca por “Burger King Preços”:

Featured Snippet do cardápio do Burguer King

Repare que o resultado não é do site do Burger King! Isso porque o conteúdo deles não é otimizado para isso. Provavelmente se eles fizerem uma tabela eles roubarão esse snippet.

Outras buscas como “Outback preços”, “Mc Donnalds preços”, “Subway preços”, Applebee’s preços”, sequer possuíam Snippets. Ou seja, o Google provavelmente não encontrou nenhum conteúdo otimizado.

Veja a oportunidade que essas empresas estão perdendo.

P.s: caso você que está lendo este artigo trabalhe no marketing dessas empresa, cobro barato em uma consultoria.

Gif menino no computador

Aplicações: conteúdos prontos

Ótimo, já sabemos o tamanho ideal para os Snippets, agora vamos as aplicações. O que você pode fazer para conseguir esses Snippets?

  1. Confira todas as suas palavras-chave que estão rankeando entre 1-10. São elas que poderão fisgar um Snippet.
  2. Confira se os seus posts estão otimizados para obter o Snippet. Por exemplo, se o resultado for uma tabela, faça uma.
  3. Após corrigir o formato de acordo com a intenção da busca, atualize o conteúdo. Se tiver pressa, você pode utilizar o Google Search Console para dar um re-crawl no seu conteúdo.
  4. O Snippet pode até ser seu no mesmo dia, mas provavelmente vai demorar um pouco. Em um dos Snippets que conseguimos, esperamos 4 meses.
  5. Se demorar mais de um mês, refaça os passos. Otimize novamente, melhore e assim por diante.

Aplicações: conteúdos em produção

Ao fazer um mapeamento de conteúdo para o seu blog você já deve pensar onde pode fisgar uns Snippets.

Sem dúvidas é mais fácil você otimizar um novo conteúdo do que um que já está pronto.

  1. Compile uma lista de palavras-chave do seu nicho que possuem Snippet e você não rankeia.
  2. Faça um conteúdo excelente e otimize um pedaço do seu conteúdo com o formato e os tamanhos (que já vimos) ideais para aparecer nas SERPs.

Aplicações: guiando o Google

A verdade é que o Google ainda não é um exímio criador de Snippets. Podemos ver no exemplo abaixo que alguns deles ainda não fazem muito sentido:

Featured Snippet ruim

O exemplo do Burger King também é bom. Aquele conteúdo está otimizado por ser uma tabela, mas não possui nenhum preço. O Google ainda pega alguns resultados estranhos. Melhorou bastante nos últimos meses que tenho acompanhado de perto.

Portanto se você vir que a busca possui uma resposta com Snippet de tabela, crie uma tabela que responda àquela busca na sua página.

No caso de listas, você pode criar em tópicos e até fazer com intertítulos. Por exemplo, se o título do post for melhores botecos de Belo Horizonte e cada H2 for o nome de um boteco, cada H2 pode aparecer como lista na página de resultados.

No caso de parágrafos, como eles geralmente aparecem em perguntas, tente usar a resposta que você quiser que apareça no Snippet logo após a pergunta, que deve aparecer em uma Heading Tag (h1, h2, h3).

Agora vamos ver como foi a nossa experiência por aqui:

Marketingdeconteudo.com e os Featured Snippets

Desde que conhecemos essa nova modalidade de respostas do Google nos dedicamos a estudar bastante a respeito do seu funcionamento.

Imaginávamos que essa poderia ser a próxima grande virada para o blog e que poderia trazer ótimas posições e grandes resultados.

Fizemos então uma tabela com alguns dos principais posts em que encontramos Snippets para algumas palavras-chave.

Então, comecei a criar definições para cada uma dessas palavras, adequando as definições às boas práticas que comentei no tópico anterior. A princípio não vimos grandes resultados.

Mas depois de certo período de tempo começamos a aparecer em alguns desses Snippets.

Confira alguns deles e como eles se encaixam perfeitamente nas práticas que expliquei:

Featured snippets

Featured snippet 4 ps do marketing

Featured snippet funil de vendas

Featured Snippet Google Adwords

Featured snippet Lead

 

Em todos eles coloquei a definição logo após um H2 com a pergunta ideal para responder o Snippet. Se quiser conferir, as imagens estão linkadas para os respectivos posts.

Por isso posso afirmar que as práticas que ensinei – procurar manter o número de palavras entre 40 e 50 e usar uma definição boa e direta – pode trazer os resultados que você procura.

Meu conselho final: foque em conquistar bons rankings. Não mude o seu foco com link building, promoção de conteúdo etc., mas insista nisso e adicione nos seus posts otimizações para, quem sabe, beliscar um Snippet.

Vale lembrar que nada disso é regra. Alguns Snippets, como eu mostrei, ainda não mostram respostas realmente ideais. Além disso, eles não são eternos: muitos Snippets costumam mudar. O de Marketing de Conteúdo, por exemplo, já foi nosso, passou para outra resposta e agora voltou para a gente.

Uma última história legal está no Snippet “Quem é Neil Patel?

No case que fiz sobre como rankeamos em primeiro lugar para o nome dele não confessei, mas sabíamos que não passariamos ele para o próprio nome (oops). Por isso, otimizamos para pegar o Snippet.

Não deu certo. E tivemos que nos conformar em roubar o primeiro lugar orgânico! (risos)

Mas, atualmente, o Snippet é nosso, com a frase que eu otimizei na época.

Featured Snippet Neil Patel

É isso! Espero que tenham gostado desse post sobre Featured Snipetts. Agora é com você! Otimize seus posts e tente fisgar algumas caixas de respostas do Google para você! Deixe suas dúvidas nos comentários.

Gif good luck Lindsay Lohan

  • Ana Renno

    Jeremias, sempre maravilhoso <3

  • Igor Cantuária

    Nuuuu!! Muito bommmm!! o/

  • Lílian Araújo

    Muito completo! Ótimo post!

  • Recentemente, descobri que conquistamos uma posição zero.

    A dúvida que eu fiquei: como saber se estamos com alguma posição zero (feature) no Google?

    Grato
    Alfredo

  • Gabriel Koyro

    Tinha lido esse seu texto faz um tempo e ficou na minha cabeça. Hoje me deparei com um outro texto muito interessante de uma história que conseguiram (não sei se foi proposital) colocar uma propaganda bem pertinente à palavra-chave na imagem que vai à direita no snippet, não tem mais muita informação que isso, se tivesse até um follow up seria legal :).