ferramentas de vendas

As 12 ferramentas de vendas que usamos na Rock Content e que vão dar agilidade ao seu time

O dia a dia de um vendedor costuma ser muito desafiador e, sem organização e método, pode virar um caos.

Mas não se desespere: as ferramentas corretas podem aumentar a produtividade do seu time em níveis consideráveis.

Então, vamos dar uma olhada em 12 melhores ferramentas para um time de vendas, todas usadas e testadas pelos vendedores da Rock Content!

1. Rapportive

A gente sabe que todo profissional de vendas precisa ser bem relacionado. E que o LinkedIn pode ser uma ótima arma para prospectar oportunidades, certo?

Sabemos também como é útil conhecer os pontos em comum que você tem com aquela lead, para facilitar um bom rapport.

Bem, pensando nisso, o pessoal da Rapportive criou uma extensão do Google Chrome, que permite com que você veja o perfil do LinkedIn da pessoa com a qual você está trocando emails, como mostra a imagem abaixo:

ferramentas de vendas

Isso facilita não apenas o relacionamento com o lead que você está trabalhando no momento, mas também abre novas portas com as conexões que você vai realizar!

2. Evernote

Trabalhar com inside sales normalmente implica que você vai conversar bastante no telefone ou em ferramentas como Skype ou Google Hangouts.

De qualquer forma, você vai precisar tomar nota de muita coisa que seu prospecto disser.

Toda aquela informação valiosa que você vai conseguir — especialmente se aplicar o framework GPCT — precisa ser lembrada e levada em conta tanto para elaborar uma proposta, quanto para lembrar de pontos importantes das reuniões e negociações.

Por isso, o Evernote é um software fantástico, que permite que você crie um tipo de “cadernos virtuais” e salve as anotações em tempo real.

Ele também pode ser acessado em smartphones e tablets com um app proprietário, e possui diversos modos de uso, recursos como escrita com caneta stylus e muito mais.

Ele tem um uso gratuito e limitado, e também versão paga. Vale a pena conferir!

3. Find that Lead

Com o nome, sobrenome, e URL da empresa já é possível descobrir o email da pessoa que você quer prospectar, no Find that Lead.

Muitas vezes ainda não são geradas leads pelos canais de inbound na quantidade que a gente gostaria, portanto ainda é preciso manter um trabalho paralelo de outbound.

Com essa ferramenta, Rapportive e LinkedIn, e outras, você vai conseguir “cavar” mais oportunidades.

4. Ghostery

Quando vamos avaliar a qualidade de um lead, um dos vários pontos que você deve verificar é o site dele. Vários elementos evidenciam que foi investido tempo e dinheiro ali, como:

Mas além desses elementos visíveis, podem haver vários outros que você não consegue ver apenas acessando e navegando no site.

Por exemplo, eles usam ferramenta de automação de marketing? Qual a plataforma de e-commerce ele está usando?

Essas e outras informações você pode obter com o Ghostery, que verifica códigos de rastreamento deixado por essas ferramentas e pode ser facilmente instalado como extensão do Google Chrome, veja:

ferramentas de vendas

Além de ter melhor noção do tamanho do investimento feito no site, você pode usar esse tipo de informação para descobrir o processo de compra desse lead e se prevenir de objeções.

Imagine o cenário:

“Vi que vocês possuem automação de marketing, certo? Para contratar uma ferramenta como essa, é preciso autorização de todos os sócios ou apenas do diretor de marketing? Quanto tempo levou o processo?”

Você precisa entender o processo de compra para fechar mais vendas.

5. Datanyze Insider

O Datanyze Insider é também uma extensão do Chrome que dá a você algumas informações sobre ferramentas utilizadas, mas mais do que isso: fornece inteligência comercial completa sobre a situação da empresa, como receita média, número de funcionários, telefone, endereço e mais.

Veja:

ferramentas de vendas

Além disso, você pode exportar essas informações para sistemas de CRM, como o Salesforce, e construir um pipeline.

6. SEMRush

Sim, sim, já falamos muito do SEM Rush aqui, e como ele é ferramenta essencial para o time de marketing. Mas ele também pode ser muito bem aproveitado pelo time de vendas.

Com ele, você consegue equiparar o site do seu prospect ou lead com o de seus principais concorrentes, extrair inteligência de como ele está atualmente — palavras-chave que estão levando usuários ao seu site, backlinks e mais — e apresentar uma análise aprofundada.

Esse raio-x pode funcionar para chamar a atenção (hey, seus concorrentes já estão executando ações para ficar na sua frente digitalmente), ou para montar um plano de ação com base no cenário atual deles.

Você pode exportar dados e montar gráficos que ilustrem melhor a situação, como no exemplo abaixo:

ferramentas de vendas

“Poxa João, mas eu não vendo serviços de marketing”, tudo bem, mas os relatórios do SEM Rush podem dizer muito da maturidade do seu prospect, e você pode decidir se ele pode inclusive ser um bom fit para comprar seu produto, por exemplo.

7. Sistema CRM

Não adianta, se você quer ter um desempenho alto nível com vendas, você simplesmente precisa de um sistema de CRM.

A produtividade e eficiência do seu time só vai alcançar o nível de estado da arte se você medi-las constantemente e tomar decisões embasadas com métricas de desempenho, e não em achismos.

Para tanto, é necessário um sistema que você consiga ter controle de pipeline, relatórios, KPI’s, análise histórica de performance e integrações com outros sistemas como ERP’s ou plataformas de automação de marketing.

Para conseguir previsibilidade, você precisa medir tudo isso e mais. Como acompanhar em tempo real a meta do seu time, como mostrado abaixo:

Existem várias alternativas no mercado, com custos variados, mas como exemplo podemos mencionar o Pipedrive, Salesforce, MoskitCiapipe e HubSpot CRM.

8. Charlie App

O Charlie App é excelente para reunir informações para uma reunião já agendada. Para que ele tenha efeito, é preciso agendar a reunião no Google Calendar.

Ele então roda uma pesquisa utilizando dados de atividade dos envolvidos na reunião em redes sociais para apresentar um relatório por email:

ferramentas de vendas

Desnecessário dizer o quão rico isso pode ser para iniciar a conversa, quebrar o gelo e ter informações valiosas sobre o prospect e sua empresa, para negociação futura.

O lado ruim é que ele depende de atividade nas redes sociais de seus leads e prospects, além de só funcionar para quem aceitou o convite de reunião no Google Calendar, Apple Agenda, Outlook ou iCal — esses dois últimos apenas no app para iOS.

9. HubSpot Sales Tool

O antigo sidekick, agora Sales Tool, é parte da solução de CRM da HubSpot e possui versão grátis para testes, com várias limitações, e a versão paga por usuário.

A extensão da Sales Tool, ajuda-o a definir templates de email, acompanhar taxas de abertura e cliques para saber melhor como e quando agir.

10. Google Hangouts e Skype

O primeiro contato de um lead ou prospect costuma ser por email ou telefone, e todo o objetivo desse contato inicial é marcar uma próxima reunião.

E para ela, é preciso que você tenha acesso a recursos como câmera para manter o contato visual valorizado por muitos, compartilhamento de tela para ilustrar um pensamento ou demonstrar sua ferramenta e envio de arquivos em tempo real, para as mais diferentes situações.

O Google Hangouts, ferramenta gratuita da gigante da busca, oferece tudo isto e com menor burocracia que seu concorrente Skype, além de normalmente ter uma conexão mais fluida.

Por que sequer listar o Skype, então? Bem, ele tem um excelente ponto positivo: Você consegue salvar o contato na agenda do skype e entrar em contato com o lead de uma maneira mais eficiente do que no Google Hangouts.

Sim, há o chat do Gmail, mas na nossa experiência, o “vínculo” criado com o skype costuma ser mais forte.

11. Appear.in

Na mesma linha do skype e Google Hangouts, uma ferramenta de vídeo e áudio conferência que muitas vezes passa despercebida é o Appear.in.

Com um layout simples, agilidade e funcionalidades tão boas quanto as dos outros dois, este pode ser uma das suas principais ferramentas de inside sales.

O que recomendamos é que você mantenha essas 3 aqui citadas por perto e prontas para serem usadas.

Inside sales é sobre comunicação remota, portanto alternativas nunca são um excesso. Existem empresas que não utilizam o skype, ou não usam o Hangouts, por variados motivos. E você deve estar preparado para propor alternativas.

12. Discador

O telefone é o maior aliado e a principal ferramenta de trabalho de quem trabalha com inside sales. Nada substitui uma ligação, não importa quão excelente ficou o seu email.

Por isso, um bom software para discar para seus leads é fundamental. As opções podem ir desde as mais simples como o X-Lite, até outras ferramentas mais robustas que integram com sistemas de CRM, exportam dados, e muito mais.

Conclusão

Desde a prospecção e primeiro contato, passando pela qualificação do lead, até o momento do fechamento, vendedores precisarão das mais diversas ferramentas para ajudarem a cumprir seu trabalho de maneira eficiente.

Não deixe de conferir nosso guia completo de inside sales. Nos aprofundamos ainda mais nesse modelo, com detalhes da operação e muito mais!

  • Josh Rhodes

    Great list of tool! I wasnt aware of Datanyze! Shout out to tools like AeroLeads and RainClutch with works with chrome plugins like Rapportive to take your prospecting to next level.