gerente de comunidade

Gerente de comunidade: entenda por que esse profissional é fundamental para a sua empresa

Ei pessoal, tudo bem? Eu não sei se você já me conhece, mas o meu nome é Luiza Drubscky e eu sou a Gerente de Comunidade da Rock Content.

Embora este seja um cargo que não é muito conhecido no Brasil, esta já é uma carreira bem consolidada no exterior.

Hoje, eu estou aqui para te explicar um pouco mais sobre o que faz um gerente de comunidade e qual a importância de ter alguém dedicado a esta função dentro da sua empresa.

Então, vamos lá?

O que é uma “comunidade” para uma empresa?

Antes mesmo de definir o papel de um Gerente de Comunidade, é importante definir o que é uma “comunidade” e por que ela deve ser gerenciada, certo?

Bom, o conceito de comunidade se refere a um “grupo específico de pessoas que desenvolveu certas relações a respeito de um interesse em comum”.

Levando este conceito para o âmbito de uma empresa, a comunidade pode ser considerada como o grupo de pessoas que têm o mesmo tipo de relação com ela.

Por exemplo, a Rock Content possui três grandes comunidades:

Para cada uma dessas comunidades, a empresa tem uma comunicação específica.

Para os clientes e potenciais clientes, temos este blog, o marketingdeconteudo.com, com dicas e conteúdos que os ajudam a crescer e aprimorar as estratégias de marketing.

Juntamente ao blog, temos o processo interno chamado de “Onboarding”, que é oferecido aos novos clientes a partir do momento em que ele é efetivado internamente. Este processo ajuda o cliente a se ambientar com os nossos modelos de processo e com a nossa Plataforma.

Já para a nossa comunidade de freelancers — e é nessa parte que eu me encaixo aqui na Rock —, mantemos o blog Escreva Para Web que tem diversos conteúdos para educação sobre o modelo de produção de conteúdo para web e textos que visam explicar alguns dos processos de funcionamento da Plataforma Rock Content.

Além disso, também temos uma série de emails e webinars que servem para esclarecer dúvidas da comunidade.

Por fim, para os colaboradores internos, o nosso departamento de Recursos Humanos é tido como responsável pela comunicação direta com os funcionários e também em estabelecer estratégias de relacionamento e comunicação conosco.

Então, o que faz um Gerente de Comunidade?

O “Community Manager”, é responsável pela comunicação e manutenção de uma determinada comunidade de pessoas que se relaciona diretamente com a empresa.

A função do CM fazer com que as pessoas que pertencem a este determinado grupo se sintam partes significativas do todo, e não apenas mais um número.

Além disso, é importante que o CM faça o gerenciamento da imagem que a empresa tem com a sua comunidade e até com as pessoas que ainda não participam, incitando a vontade delas em começar a participar.

Ou seja, uma parcela muito grande do trabalho de gerente de comunidade é interagir com as pessoas e, para isso, alguns dos principais meios utilizados para essa atividade são as redes sociais.

Mas, nesse momento, você pode estar se perguntando: “o Gerente de Comunidade é, então, um social media?”.

Acompanhe o texto para descobrir!

Qual a principal diferença entre o Gerente de Comunidade e o Social Media?

Para quem não conhece esse outro profissional, o Social Media é responsável pela imagem da empresa que é passada pelas redes sociais.

Ele deve fazer postagens para manter o contato com o público, responder a comentários e mensagens diretas e acompanhar todo o tipo de interação e comentários que as pessoas fazem com e sobre a empresa nas redes sociais.

De acordo com o Digital Marketer, a principal diferença entre um Social Media e um Gerente de Comunidade é que o primeiro é responsável pela comunicação da empresa com os indivíduos, enquanto o segundo deve focar em estimular e mediar a comunicação entre os participantes da comunidade.

Entretanto, na concepção da Rock Content, a diferença entre os dois profissionais vai além dessa apresentada pelos nossos colegas gringos. Acreditamos que um Community Manager é também um profissional de social media, mas vai além disso.

Por mais que o CM faça muito o trabalho de gerenciamento de redes sociais, ele não para por ai.

Além de entender e agir diretamente nas páginas oficiais da empresa, ele também frequenta fóruns, grupos, eventos presenciais, e toda outra forma possível de comunicação com o grupo.

Acreditamos que incentivar a comunicação entre os participantes da comunidade (no meu caso especificamente, com os freelancers Rock Content), é uma parte importante do processo e, por isso, gerenciamos alguns grupos no Facebook para estimular a conversa, além de promover eventos presenciais, com palestras e networking para facilitar a comunicação com eles e entre eles.

Mas, somado ao uso das redes sociais, também investimos fortemente em educação e treinamento da nossa comunidade, fazendo um contato mais “oficial”, principalmente por meio de e-mail marketing.

Portanto, para a Rock Content, o Gerente de Comunidade é aquela pessoa responsável por toda a comunicação com os participantes da comunidade, além de fazer algumas ações de captação de novos membros.

Quais devem ser as características do Gerente de Comunidade?

Então, entendendo que este profissional é muito importante para uma estratégia de marketing digital, confira quais são as principais características que você deve procurar em um candidato que queira contratar, ou até mesmo que você deve ter, caso queira se tornar um Gerente de Comunidade.

Que é importante saber se relacionar bem com as pessoas, não preciso nem falar, não é mesmo? Por ter um trabalho baseado na comunicação interpessoal, essa é uma das principais características que o CM deve apresentar. Confira algumas outras características fundamentais a seguir!

Paciência

Para que o trabalho de Community Manager seja realizado com sucesso, o profissional deve ser muito paciente, saber ouvir o que está sendo dito para a empresa, tendo a capacidade de responder a todos os membros da comunidade da mesma maneira.

Gentileza

Além de ter paciência para saber ouvir todas as solicitações, é fundamental que o profissional seja gentil e cordial para lidar com todos os membros da sua comunidade.

A gentileza deve ser sempre a maneira de interagir pois a imagem da empresa depende dessa comunicação direta que o Gerente de Comunidade vai ter com as pessoas.

Criatividade

Ser criativo é importante e pode ser considerado um ótimo diferencial para quem quer ser Gerente de Comunidade.

Pensar em novas maneiras de chegar até a comunidade, diferentes redes sociais que podem ser usadas, e ter qualquer outra ideia que possa melhorar o processo são atitudes que devem ser tidas como naturais para o profissional.

Proatividade

Juntamente com a criatividade, é fundamental listar a proatividade. Descobrir novas maneiras de agir e colocá-las em prática, testar, entender o que deu certo e o que não deu.

Isso é diretamente relacionado ao posicionamento do Community Manager.

Qualquer empresa pode ter um Gerente de Comunidade?

Considerando os conceitos que eu te apresentei no começo do texto, é possível sim que cada empresa tenha um Gerente de Comunidade. Entretanto, grande parte dos times de marketing investem “apenas” em uma pessoa para ser Social Media.

Uma boa oportunidade para que a sua empresa se destaque no mercado pode ser evoluir esta área de comunicação com a comunidade para além das redes sociais.

Desta forma, para engajar um pouco mais com o público e melhorar a percepção que ele tem sobre a sua marca, você pode contratar um Gerente de Comunidade que pode fazer este trabalho na sua empresa.

Peculiaridades da Rock Content

Falando um pouco mais sobre o nosso processo na Rock Content, o nosso departamento de Comunidade é composto por 3 pessoas: eu, que sou Gerente de Comunidade, Gustavo Grossi, responsável pela manutenção do blog Escreva para web, e Raíssa Galvão, responsável pelo processo seletivo de freelancers que se cadastram na Plataforma.

Ou seja, aqui na Rock, o trabalho de Community Manager é levado muito a sério e temos toda uma equipe focada nessa comunicação específica com a nossa comunidade de freelancers.

Como temos o nosso sistema próprio — a Plataforma Rock Content — onde ocorrem todas as interações de trabalho da equipe interna com os clientes e com os freelancers, parte importante do trabalho do nosso departamento também é propor melhorias e auxiliar os freelancers no que for necessário para que eles compreendam melhor os processos e peculiaridades do nosso modelo de trabalho.

Além de nos comunicarmos a respeito da Plataforma, nós apresentamos dicas, conselhos, e conteúdos para ajudar os freelancers nas suas dificuldades do dia a dia, tanto aprendendo como fazer a sua organização financeira, por exemplo, até dicas mais técnicas, como dicas para produzir o melhor blog post possível.

Apresentamos essas dicas através de blog posts, ebooks, infográficos, webinars, vídeos e, claro, o nosso Curso de Produção de Conteúdo para Web. Assim, estamos interagindo com a nossa comunidade, ao mesmo tempo em que capacitamos mais profissionais para participarem da nossa Plataforma Rock Content.

E aí, consegui te explicar um pouco sobre este cargo de Gerente de Comunidade? Se você ainda tiver ficado com alguma dúvida ou tiver interesse em conversar mais sobre esse assunto, comente aqui no post e vamos começar esse papo!

Você pode conferir mais sobre uma equipe de marketing digital nesse material excelente que o pessoal aqui do marketing de conteúdo preparou.

Abraços e até a próxima!

 
Autor(a)

Escrito por: Luiza Drubscky Gerente de comunidade na Rock Content. Se divide entre marketing, É o Tchan e levantamento de peso olímpico :D



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!