Google Website Builder

Testamos a mais nova ferramenta para criação de sites do Google e contamos se vale a pena usar!

Conheça o Google Website Builder e aprenda a construir o seu site com essa ferramenta.

A Gerente de Comunidade do Google, Marissa Nordahi, anunciou recentemente a mais nova feature do Google My Business: o Website Builder.

A promessa dessa ferramenta é facilitar a criação de sites, principalmente para donos de pequenas empresas.

Ela aponta, em seu comunicado, que 60% dos pequenos negócios ao redor do mundo ainda não tem um website.

Comunicado da Gerente de Comunidade do Google sobre o Google Website Builder

Nós testamos a ferramenta e chegamos à algumas conclusões que você confere neste post!

Primeiro: vale a pena fazer um site no Website Builder?

Isso depende do seu objetivo.

Certamente, se você é dono de um pequeno negócio e cuida de tudo sozinho, encontrar tempo e recurso para construir um site pode ser um desafio.

Por isso, o Website Builder pode ser uma excelente alternativa para fazer uma página rápida, gratuita e que já vincula todos os dados do seu negócio ao seu site — como endereço, widget de mapa e telefone.

Ele vai oferecer uma personalização básica, e de forma rápida, seu site já estará no ar.

Além disso, o design do site já é responsivo, sendo acessível para mobile e é um recurso gratuito!

Por outro lado…

Se você já tem um negócio consolidado e investe no ambiente online, provavelmente já tem um site.

Mas se ainda não tem, ou está pensando em trocar, o Website Builder pode não ser a melhor alternativa.

Digo isso por vários motivos.

Primeiro, é um site de uma página só. Ou seja, não é possível que o usuário navegue para outras seções que você poderia criar.

Além disso, a única página disponível já está previamente configurada, e não permite a adição de várias informações ou seções.

Apesar de existir uma variedade de temas, não é possível personalizar os elementos de cada tema, como fonte e design.

Isso torna o Website Builder limitado em aspectos de SEO, bem como para a condução de Testes A/B.

Ele também não é integrado ao Analytics e não possui botões de compartilhamento para redes sociais.

Por isso, avalie a realidade do seu negócio e suas necessidades no momento, para decidir se vale a pena para você fazer um site com essa ferramenta.

Quero usar o Website Builder. Como começar?

Antes de tudo, crie (se você ainda não tem) uma conta para a seu negócio no Google Meu Negócio. Nesse post ensinamos o passo-a-passo para fazer isso.

Após vincular os dados da sua empresa, clique, na barra lateral, na opção “Website”.

Página inicial do Google Meu Negócio

Tudo acontecerá de forma muito intuitiva, mas vamos colocar os principais elementos de atenção:

1. Personalizando seu site

Agora você já pode mexer no visual do seu site.

Você pode escolher entre alguns temas, que seguem um padrão predefinido de formato, mas apresentam variações na paleta de cores e na fonte.

Escolha uma foto de capa para o site que combine com seu negócio.

Página de personalização do Website Builder

Depois, você pode criar um texto para descrever o seu negócio.

Nessa parte, é interessante descrever o que é sua empresa e quais são os principais serviços.

É possível formatar o texto (negrito, itálico, listas) e fazer linkagem.

Também há um espaço para criar uma galeria de fotos do seu site. Essa feature é interessante para postar fotos de produtos e do espaço do seu negócio.

2. Hora de colocar seu site no ar

Mas já?

Sim! Como falado aqui, é bem fácil e instintivo começar seu site no Google Website Builder, e o resultado é um site simples!

Por isso, tudo é bem rápido.

Página do Website Builder em personalização com a opção de publicar

Quando você clicar em “Publicar agora”, vai aparecer uma caixa de diálogo pedindo para você criar um endereço.

Atenção: no Website Builder, o endereço vem com .business.site.

Campo de domínio para o Website Builder

Caso você queira um domínio .com ou outro, é necessário comprá-lo, como em qualquer CMS.

3. Pronto!

Agora seu site já está no ar.

Você pode ver que ele será, como já dito, bastante simples.

Será apenas uma página, com as informações de proposta, telefone, endereço e localização previamente vinculadas.

As informações e fotos que você escreveu aparecerão logo abaixo da capa.

É interessante observar que o Google colocou um CTA para telefone, o que pode facilitar a vida do seu potencial cliente.

Visual do site feito no Google Website Builder

Visual do site feito no Google Website Builder

Veredicto final

Quer fazer um site de forma rápida, fácil e sem precisar gastar um centavo?

Tem um pequeno negócio e precisa colocar uma página de contato rápida no ar para potenciais clientes encontrarem sua empresa?

O Website Builder pode ser uma boa opção.

É claro que não será possível investir em SEO, nem fazer uma identidade visual de acordo com seu negócio, e essas são perdas muito grandes.

Mesmo assim, ele pode ser um pontapé inicial para sua empresa entender a importância de criar um site.

Aliás, certamente ninguém perderá nada fazendo um site com esse recurso.

E mesmo que não seja o caso, sabemos que o Google está sempre melhorando seus serviços.

Aliás, nada no mundo digital acontece de forma repentina: diversas features são lançadas em momentos diferentes.

Sabemos que muita gente ficou um pouco decepcionada e esperava mais dessa novidade.

Mas pode ser que daqui um tempo, o Website Builder se torne uma boa opção de CMS, dependendo do quanto o Google investir nessa ferramenta.

E qual a sua opinião: vale a pena ou não? Já testou a novidade? Conta pra gente aqui nos comentários!