instagram snapchat

Instagram vs Snapchat: qual rede social você deve investir?

instagram snapchat

À sua direita, pesando apenas 57.7MB, está um dos apps mais consolidados da atualidade. Criado em 2010, comprado por Mark Zuckerberg (O bigboss do Facebook), aceito em Android, iOs e Windows Phone, com crescimento de usuários registrado em 23% nos últimos três anos e, atualmente, na versão 9.3… INSTAGRAM!

Do outro lado, pesando 129MB e na sua versão 9.39.3.0, está ele, criado por estudantes de Stanford, o queridinho das novas gerações, a promessa da revolução do marketing em mídias sociais, o app que já vale quase 22 bilhões de dólaresSNAPCHAT!

Recentemente os dois aplicativos entraram em uma batalha sangrenta pela supremacia do uso da sua bateria, principalmente depois da inclusão do novo modo Stories no Instagram.

Quer saber quem vence esse duelo? Então continue lendo e descubra qual o app campeão!

Round 1: Dados e estatísticas

A melhor maneira de começarmos essa briga é analisando os dados e estatísticas de cada app.

Você pode até achar injusto colocarmos no ringue o Instagram, já tão bem instalado no mercado, com o quase-recém-nascido Snapchat; mas a verdade é que ambos os aplicativos foram lançados em 2010 e 2011, respectivamente.

A diferença é que, aqui no Brasil (e em boa parte do mundo), o Snapchat só começou a ganhar força no início de 2013, quando o Instagram já havia conquistado sua fatia no mercado.

Enfim, vamos aos dados do nosso primeiro Round!

Instagram

Snapchat

Usuários ativos diariamente500 milhões200 milhões
Tempo diário de permanência no app12min11min
Fotos compartilhadas por dia95 milhões13 milhões
Celulares com o app instalado42%19%
Tamanho inicial de instalação (iOS)57.7MB129MB
Versão Atual9.39.39.3.0
Avaliação dos usuários (Android)4,53,9

Com um golpe direto, é mais do que óbvio que esse primeiro round é todo do Instagram.

Por enquanto ele sai sem maiores arranhões, mas é interessante observar que, no tempo diário de permanência no aplicativo, a diferença entre os dois ainda é consideravelmente pequena.

Esse dado pode nos dar alguns insights a respeito da maneira com que as pessoas fazem uso de ambos os aplicativos.

Com o lançamento do Instagram Stories, é muito provável que esse número tenha se equilibrado, principalmente se lembrarmos de que, em março desse ano, o Snapchat tinha uma média de permanência de 25 a 30 minutos diários.

instagram snapchat

Round 2: Consumo do celular

Nesse round temos três aspectos para considerar: Consumo de bateria, consumo de memória e espaço ocupado no celular

Consumo da bateria

Infelizmente o Snapchat não tem nem como competir na primeira fase. Dentre os apps mais populares para smartphone, ele é considerado um dos com maior índice de consumo de bateria, perdendo apenas para o recém-viralizado Pokémon Go (que chegou a estimular a compra de Power Banks para os treinadores mais assíduos).

Consumo de memória

Para medir a quantidade de memória necessária para cada aplicativo, levamos em consideração seu tempo de abertura e quanto ele forçava o celular para manter-se ativo.

Usando um Motorola G2 de exemplo, é possível perceber que o Snapchat chega a pedir quase 18 segundos para iniciar a tela e carregar a câmera frontal (além de travar no carregamento dos filtros), indo contra 2 segundos do Instagram.

Claro que os números variarão de acordo com o seu modelo de smartphone, quantidade de espaço disponível no celular, uso de memória etc., mas você pode fazer um teste rápido em casa com a ajuda de um cronômetro e anotando o tempo de carregamento de cada app.

Consumo de espaço

Para saber o quanto cada um desses aplicativos também usa do armazenamento do celular, é só acessar as opções do seu aparelho e conferir os números.

instagram snapchat

Fonte: Buzzfeed

Os valores podem variar de acordo com o uso que você faz de ambos os apps, mas existem grandes chances do Snapchat estar entre os primeiros da sua lista.

Isso porque o aplicativo tende a baixar todos os snaps dos seus amigos de antemão e guardá-los no seu aparelho, para facilitar no momento de assistir.

Mas, como você pode imaginar, a longo prazo isso pode devorar o espaço livre do smartphone.

Claro que o Instagram também não é nenhum mocinho nessa história: Os vídeos e fotos tiradas pelo app continuam no seu Cameral Roll, o que vai consumindo seu espaço ao longo do tempo.

A vantagem é que aqui é só você acessar a área de imagens do seu celular e deletá-las. Simples assim.

Mas, mesmo nesse combate, temos uma boa notícia: ambos os aplicativos possuem opções internas para reduzir todo esse consumo de dados, memória e espaço do seu celular.

Não funcionam como soluções definitivas, mas certamente podem ajudar:

Pelo Instagram, você pode acessar as opções de uso de dados e selecionar para reduzir o consumo de dados do aplicativo.

Não só isso, há também no app a opção de não salvar as fotos tiradas no seu celular. Seus 100mb livres agradecem!

Já pelo Snapchat, você pode acessar as suas opções e selecionar o modo avião para o app.

Assim ele não fará mais download automático dos snaps alheios e você ganha mais autonomia para escolher o que baixa ou não para seu celular.

E bem, quem vence esse round?

Levando em consideração que o Snapchat é um app bem mais pesado e que demanda bem mais do seu aparelho, não temos como não coroar o Instagram o vencedor da rodada! Mais um ponto para o app!

instagram snapchat

Round 3: Usabilidade

Chegamos ao terceiro round contando duas vitórias para o Instagram e, ao que tudo indica, ainda longe da virada desse duelo.

Usabilidade é um conceito fundamental quando pensamos em aplicativos, e indica a facilidade com que as pessoas conseguem se adaptar às funções e características de determinada ferramenta.

Isso se dá tanto pelo design quanto pela própria estrutura do aplicativo, e varia enormemente entre o Snapchat e o Instagram.

Uma boa maneira de explicar a diferença de posicionamento dos dois aplicativos diante da usabilidade é usando os termos “passivo” e “ativo”.

Assim que você clica no ícone do Instagram, a primeira tela que nos é apresentada é a do feed, com a aba stories na parte superior e as últimas fotos dos seus contatos em lista.

Ele não o convida a executar nenhuma ação imediata, e coloca o usuário em estado de contemplação. Por isso, o app sugere uma postura passiva.

Já o Snapchat nos joga diretamente na câmera ligada, convidando-nos a executar uma ação (postar um snap).

Por conta disso, consideramos que ele nos indica uma postura ativa.

O que acontece é que estamos acostumados a apps de postura mista, com sugestões mais passivas que ativas (a exemplo do Facebook e do Twitter que trazem nossa timeline logo no início, com a área de interação reduzida), o que conta pontos para o Instagram na hora de entendermos a sua lógica de funcionamento.

Não só isso, sabemos que, apesar do Snapchat constantemente adicionar novas features, elas não são tão intuitivas, dependendo de nossa exploração para conseguirmos descobri-las (Você pode conferir aqui 18 funcionalidades secretas desse app!).

Então, sem mais delongas, concluímos que esse round traz mais uma vitória para o Instagram. Não concorda?

Experimente sugerir o Snapchat para qualquer pessoa que ainda não conheça sua lógica. As chances dela desistir logo no início são altíssimas.

instagram snapchat

Round 4: Anúncios

Não faz nem uma semana que o Snapchat anunciou o Snap Audience Match e, enquanto ainda não temos dados sobre essa nova opção, já podemos adiantar que essa pode ser a rasteira que faltava para o app virar esse combate.

Analisar o vencedor quando o quesito é anúncio é um tanto mais complexo do que parece.

Além dos recém lançados Snap Audience Match, Snapchat Lifestyle Categories e Lookalikes, o Snapchat tem também algumas alternativas muito interessantes como os Geofiltros locais, Filtros patrocinados e os resultados de “snaps ao vivo” para eventos ou tags globais.

Essas alternativas são completamente diferentes do modo de anúncio do Instagram, que se vale da integração com o Facebook como uma de suas melhores armas.

Não só isso, o app também permite o uso de hashtags e a criação de posts patrocinados no próprio aplicativo, que aparecem na timeline de usuários da sua área de interesse.

A grande vantagem do Instagram, além da existência do Instagram for Business e a possibilidade de avaliar métricas de verdade, está no fato dele estar aberto para toda a comunidade do app, permitindo que qualquer pessoa encontre sua conta sem a necessidade de tê-la como contato, e isso garante uma área de alcance muito maior que o Snapchat.

Antes de definir um vencedor, porém, precisamos considerar a proposta de cada app.

O Snapchat foi criado para ser uma rede social privada, portanto, um alcance massificado (ainda) faz menos sentido do que na lógica de funcionamento do Instagram.

Cada rede é positiva (e funciona) na construção de seus anúncios, então o mais lógico aqui é considerarmos um empate.

instagram snapchat

Round 5: Filtros

A essa altura do combate você deve estar certo de que a resposta para o quinto round é previsível, não é mesmo?

Mas, falando sobre filtros, temos algumas boas considerações a fazer.

O Instagram foi o primeiro a popularizar o conceito de filtros prontos para fotos e vídeos, e hoje já conta com uma biblioteca com mais de 40 opções para os usuários, além das alternativas de edição de cores, contraste, definição da imagem etc.

Já no caso do Snapchat as opções são bem mais reduzidas, mas com um diferencial que pode virar esse combate: o aplicativo tem alternativas únicas de filtros, incluindo os patrocinados, que são a razão para muitos usuários continuarem compartilhando suas fotos e vídeos.

instagram snapchatinstagram snapchat

Os filtros patrocinados estão ficando cada vez mais populares, e vêm sendo usado para a promoção de filmes, como o Esquadrão Suicida, marcas, como o Gatorade, e até eventos, com a ajuda dos Geofiltros.

Essa última opção é uma das alternativas mais interessantes do app, e garante o uso de filtros exclusivos de acordo com a sua localização (é muito provável que o seu bairro, por exemplo, já tenha um geofiltro próprio!).

Portanto, se olharmos apenas para a quantidade de opções, é claro que o Instagram está na frente, mas levando em conta a interação e a variedade, é inegável a vantagem do Snapchat nesse quesito, principalmente se você estiver pensando do ponto de vista das oportunidades de negócio que esses filtros podem gerar.

Então… Ponto para o Snapchat! O Round 5 é todo seu.

instagram snapchat

 Fonte: Giphy

instagram snapchat

Confronto Final – Instagram vs Snapchat: Quem vence na hora de montar sua estratégia de marketing?

Agora que sabemos que o Instagram vence em 3 dos 5 quesitos analisados, é óbvio que ele é a melhor alternativa para sua estratégia de marketing, não é verdade?

Errado!

Apesar de entendermos que o Instagram ainda é superior ao Snapchat em vários desses quesitos, a decisão pelo aplicativo ideal para o seu negócio precisa de uma análise muito mais profunda, levando em consideração, principalmente, os dados do seu próprio empreendimento.

Antes de tudo, entenda a proposta de cada aplicativo.

Mesmo que o Instagram tenha adicionado a alternativa de fotos com tempo de expiração, exatamente como o Snapchat, é preciso considerar onde o seu público está e, claro, que tipo de campanha você pretende fazer.

Faça uma pesquisa com sua persona, descubra mais sobre seus hábitos e então invista em canais de comunicação apropriados para a audiência do seu negócio.

Lembre-se de que é possível desenvolver ótimas campanhas em ambos os aplicativos, mas que, para isso, é preciso dominar as especificidades de cada um.

Ainda está na dúvida de qual app escolher? Então experimente com os dois.

Aproveite para realizar testes A/B e medir os resultados. Crie cupons de expiração no Snapchat, posts patrocinados no Instagram, eventos ao vivo em ambos os aplicativos e veja o que funciona melhor.

Até lá, o combate continua sem real vencedor, obrigando ambos os aplicativos a trazerem atualizações cada vez mais sofisticadas (ainda bem!).

Lembre-se de considerar a integração desses dois apps com outras redes sociais e de estudar muito sobre o assunto. Aproveite também para tirar um tempinho e dar uma olhada no nosso Kit de Marketing nas Redes Sociais.

Esse pode ser o primeiro passo para o sucesso da sua estratégia de marketing digital!

kit de marketing nas redes sociais

 
Autor(a)

Escrito por: Laura Ribeiro Formada em Comunicação Social com complemento em História, e especializada em criação narrativa para redes sociais. Isso quer dizer que costuro, jogo e cozinho enquanto posto no Twitter.



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!