Marketing na área da saúdeentra a internet.

">

Marketing na área da saúde: aprenda a conquistar mais pacientes!

Diversas estratégias de marketing podem ser aplicadas para gerar mais resultados para um negócio na área da saúde.

Encontrar profissionais de saúde hoje em dia é bem diferente do que acontecia algum tempo atrás. Saem os livros de convênio e as listas telefônicas, entra a internet.

Isso acontece por meio das redes sociais, sites de opinião ou mesmo aplicativos de marcação de consultas, que têm ganhado muita popularidade.

Seja como for, é fato que cada vez mais a tecnologia tem um papel destacado na busca dos pacientes por alguém que possa ajudá-los.

Isso significa que existe uma oportunidade relativamente nova, a de fazer marketing na área da saúde. Já pensou nessa possibilidade?

Então vamos mostrar tudo que precisa saber para executar uma estratégia de sucesso  —  e sem violar as limitações legais!

Neste post você vai ver:

  • 4 benefícios de investir em marketing na área da saúde;
  • Como planejar a sua estratégia de marketing;
  • Como estruturar o que foi planejado;
  • Como executar a sua estratégia com sucesso.

4 benefícios de investir em marketing na área da saúde

Antes de partir para as dicas do que você deve fazer para planejar uma estratégia de marketing na área da saúde, vamos focar primeiro no porquê vale a pena fazer isso.

Quais são os benefícios de investir em uma iniciativa como essa, já que os profissionais da área, de modo geral, sempre atuaram sem o uso do marketing?

Veja pelo menos 4 motivos para fazer isso, tanto para a sua prática quanto para os pacientes que busca atrair:

1. Oferecer acesso à informação de qualidade

Informação de qualidade é importante em qualquer setor, mas na área da saúde, esse fato é ainda mais relevante. Por quê?

Qualquer informação pode ajudar a população a se manter atenta para seguir boas práticas e acatar alertas importantes. Esse comportamento, por sua vez, pode prevenir problemas graves e contribuir para a cura de diversas doenças.

Visto que o marketing digital se trata, em essência, de criar relacionamentos mais próximos com o público, todos que o seu conteúdo atrair estarão mais inclinados a cuidar bem da saúde.

Só por isso, você poderá ajudar muitas pessoas, mesmo as que não se tornarem suas pacientes. 

2. Conscientizar o público sobre a importância de procurar profissionais da saúde

O aumento das buscas e, consequentemente, do volume de informações sobre saúde na internet indica um aspecto muito positivo: as pessoas estão mais preocupadas com a saúde, de modo geral.

Mas isso também levanta um alerta, já que boa parte das informações divulgadas sobre o assunto na web não são confiáveis.

Logo, todos os benefícios de que falamos podem ser jogados por terra.

Mais do que isso, muitas pessoas hoje tendem a pensar que basta uma consulta ao velho amigo Google e todos os seus problemas e dúvidas sobre a saúde serão resolvidos.

Mas quando o conteúdo é produzido por profissionais, uma das primeiras recomendações é com respeito à importância de marcar uma consulta para tratar de cada caso específico.

Isso é de extrema importância, pois ajuda a conscientizar os pacientes de que não devem se tratar sozinhos, ou correrão sérios riscos.

3. Conquistar mais pacientes

Se ajudar a informar e conscientizar o público já são ótimos motivos para investir em marketing para o setor de saúde, há também benefícios para a sua prática.

Por aumentar a visibilidade e se firmar como autoridade por criar conteúdo de qualidade dentro da sua especialidade, você certamente conseguirá conquistar mais pacientes.

Isso pode acontecer de duas formas: primeiro, por quem já consome o seu conteúdo e passa a confiar na sua experiência e conhecimento a ponto de se tornar seu paciente.

O segundo modo é por meio de indicações. Talvez a pessoa que acompanha seu conteúdo não decida contar com a sua ajuda ainda, mas conheça alguém que precisa de um médico com a sua especialidade.

4. Fidelizar quem já se consulta com você

Se é possível conseguir novos pacientes por meio do marketing digital, certamente também é mais fácil fidelizar quem já se consulta com você.

É claro que ser um bom profissional, que cuida bem das necessidades dos pacientes, vai continuar sendo o principal fator de fidelização, mas não custa nada contar com toda a ajuda disponível, certo?

Por meio de uma estratégia desse tipo você consegue, por exemplo, manter os pacientes informados e em dia com os tratamentos o tempo todo.

Visto que um retorno às vezes demora mais de um mês para acontecer, usar o marketing digital como forma de manter contato é um recurso valioso.

Como planejar a sua estratégia de marketing

Agora vamos começar a entender melhor o que você precisa para iniciar o seu planejamento. São vários passos a seguir, e é importante não pular nenhum deles para ter sucesso.

Basicamente, são 5 medidas que você precisa tomar. Elas são:

Procure parceiros confiáveis

Você passou por anos e mais anos de estudos. Depois, aprendeu na prática sob a supervisão de profissionais experientes, até que estivesse pronto para exercer sua profissão de maneira cabal.

Isso significa que você não teve tempo de estudar marketing digital, e certamente não vai ter agora!

Por isso, é fundamental buscar parceiros confiáveis, que tenham o conhecimento e experiência necessários para te ajudar a promover seus serviços de forma eficaz e ética.

Encontrar parceiros confiáveis vai te ajudar a seguir os passos seguintes dessa lista com confiança e precisão, e aumentará suas chances de sucesso.

Conheça bem as limitações legais do marketing na área da saúde

Médicos e outros profissionais da saúde podem divulgar seus serviços com muita eficácia, mas não podem se esquecer das limitações legais para isso.

Não adiantaria nada criar a melhor estratégia de marketing para a sua clínica, se ela violasse os limites definidos pelo Conselho Federal de Medicina.

Por isso, fique atento ao que pode ou não ser feito antes de pensar em qualquer iniciativa de marketing.

Caso contrário, talvez seja necessário refazer parte do trabalho e perder tempo precioso que poderia ser usado de maneira mais produtiva.

Defina seus objetivos

Mesmo dentro de uma estratégia de marketing para uma área tão específica como a da saúde, existem diversos objetivos que você pode buscar.

É importante definir quais deles serão os principais para a sua clínica e, a partir daí, direcionar os esforços para conquistá-los.

Entre as metas que vale a pena buscar, temos:

  • conquistar pacientes;
  • fidelizar os pacientes atuais;
  • educar a população sobre certos tratamentos ou doenças;
  • divulgar um novo procedimento aprovado.

Decida as táticas que vai usar para atrair o público

Quais serão os canais e táticas que você vai usar para impactar o público? Opções não faltam para você escolher.

Veja alguns dos principais modos de atrair pacientes e outros interessados para a sua clínica:

Escolha bons indicadores de desempenho

Depois de saber quais serão os objetivos e canais usados na sua estratégia, você estará em boas condições de escolher bons indicadores de desempenho.

No marketing digital, costumamos chamá-los de KPIs, e eles são fundamentais para saber o quanto do seu plano está funcionando ou não.

A partir de dados coletados em cada canal usado, é possível determinar os pontos do planejamento que precisam ser ajustados para dar os resultados esperados.

Sua campanha pode ter KPIs primários e secundários, e avaliam desde aspectos bem específicos até o andamento da clínica, como um todo.

Como estruturar o que foi planejado

Depois de planejar bem os seus primeiros passos, vamos aprender como estruturar tudo o que foi definido e preparar a sua estratégia de marketing na área da saúde.

Depois de seguir os passos a seguir, você estará com tudo pronto para executar seu plano e começar a sentir os resultados na sua clínica:

Prepare os canais de distribuição escolhidos

Decidiu usar um blog? É hora de criá-lo. Já escolheu em quais redes sociais vai estar presente? Crie os perfis e os deixe prontos para receber atualizações.

O mesmo deve ser feito com todos os canais, como seu site e software de e-mail marketing.

Além disso, é importante escolher boas ferramentas que facilitem o seu trabalho de marketing no dia a dia em cada um desses canais.

Contrate mais profissionais, se necessário

Você já deve ter, pelo menos, uma pessoa trabalhando no atendimento do seu consultório, mas é bom pensar na possibilidade de contratar mais profissionais.

Isso porque a quantidade de pacientes será maior, assim como os contatos por diferentes canais digitais buscando maiores informações.

Contar com a equipe bem preparada desde o início terá um efeito positivo nos pacientes, e impedirá que ocorram problemas de atendimento com potencial de ferir a reputação conquistada.

Use uma solução de automação de marketing

A automação de marketing vai facilitar grandemente o seu trabalho de marketing.

Com ele, é possível aumentar sua capacidade de nutrir o interesse de um grande volume de pessoas sem deixar de se dedicar ao mais importante: a prática médica.

Um bom software de automação pode fazer o trabalho que necessitaria de vários profissionais de marketing e de vendas bem qualificados para realizar.

Como executar a sua estratégia com sucesso

Você sabe bem que não adianta nada se preparar bem se a execução da estratégia não for bem feita, certo?

Depois de ter feito tudo certo, não queremos que isso aconteça com você. Por isso, vamos ver 3 atitudes essenciais para impedir que a sua clínica corra qualquer risco com o marketing digital:

Não desvie do plano

Depois de ter feito tantos preparativos e montado uma boa estrutura para colocar a sua estratégia em prática, pode ser que você acabe achando que tem em mãos um plano à prova de falhas.

Porém, o que muitos falham é justamente em manter o que foi planejado quando surge alguma barreira.

Para evitar isso, resista a qualquer tentação de mudar o que já foi definido, por puro medo de achar que os resultados não virão.

Use os indicadores de desempenho para fazer ajustes

Se mudar por medo não é boa ideia, fazer ajustes com base nos indicadores de desempenho não só é normal, mas altamente recomendado.

Na verdade, é exatamente para isso que os KPIs existem, para ajudá-lo a ver o que precisa ser alterado e fazer isso o mais rápido possível.

Não perca o foco do mais importante

O mais importante para você ainda deve ser cuidar bem dos pacientes e se manter atualizado com as últimas informações e procedimentos da medicina.

Você também fará bem em entender melhor alguns dos conceitos destacados aqui, e pode até fazer um curso de marketing médico para se aprofundar neles.

Isso o ajudará a não ficar perdido em meio as ações que precisam ser realizadas e permitirá que se mantenha focado na prática da medicina.

Para os mais conservadores, pode parecer estranho falar em marketing na área da saúde. Mas como vimos, essa prática já é bem comum, e traz benefícios demais para ser ignorada. 

Por isso, não perca tempo em seguir as dicas que apresentamos, e verá ótimos resultados para você e seus pacientes.

Quer ver como o marketing na área da saúde traz mesmo bons resultados? Veja como as redes sociais foram responsáveis por mais de 60% do tráfego do blog Viver sem drogas!