marketing nas redes sociais

Marketing nas Redes sociais: como alcançar os melhores resultados em cada rede

Você provavelmente já leu, ou se está chegando no blog pela primeira vez, ainda vai ler muita coisa sobre redes sociais, como fazer o marketing da sua empresa nelas e como usá-las para vender de forma mai efetiva.

Se você for um leitor assíduo do blog, já deve ter consumido nossos principais ebooks sobre redes sociais.

Esses ebooks tratam cada um de uma rede social diferente e querem te ensinar tudo o que você deveria saber sobre alguma dessas redes. Por que usar, como usar, quando usar, pontos positivos e negativos.

Se sua resposta for “não, não li nada ainda mostre me a mágica” ou mesmo que seja “sim, eu já li. Por que deveria ler mais esse post?”, você deve continuar lendo. Tenho certeza que valerá a pena.

Pretendemos mostrar nesse post tudo o que você precisa saber sobre as 4 redes sociais mais usadas na atualidade: Linkedin, Facebook, Twitter e Instagram.

Não estão em ordem de importância, até porque isso não existe. Cada rede social é a mais importante para uma dada finalidade, em um dado contexto para uma dada persona.

Mas sim, vamos abordar nesse texto:

  • Melhores estratégias para uso dessas redes;
  • Boas práticas para aumentar o engajamento da sua audiência;
  • Funcionalidades interessantes (e úteis) de cada rede;
  • Quais conteúdos são melhores de serem promovidos;
  • Considerações gerais das redes sociais.

Vamos começar pelo queridinho e um dos mais populares, Facebook.

O Facebook

A diferença do Facebook quando comparado a outras redes sociais, podemos dizer que ele tem um enorme potencial para negócios. Como assim?

No Facebook é possível fazer páginas empresariais, anúncios pagos segmentados, permite o engajamento com sua audiência e um contato direto com ela.

Essa rede social é mais popular entre as mulheres, entre pessoas de 18 a 29 anos e conta hoje com mais de 1.28 bilhão de usuários. Se sua empresa tem como audiência esse perfil, você já tem meio caminho andado.

Se você não tem, não se preocupe! Apesar dessa persona mais forte, bilhões de pessoas estão cadastradas e utilizam quase que diariamente a rede.

Ou seja, pense duas vezes antes de decidir não criar uma fan page da sua empresa por achar que seu público não está ali.

Tráfego orgânico X tráfego pago

Existem duas formas de gerar tráfego dentro do Facebook: pagando por ele, ou então, de forma mais saudável, conquistando tráfego orgânico.

Ao longo dos anos, a rede recebeu atualizações em seu algoritmo, sendo a mais importante delas, em 2011, quando criou uma incrível ferramenta que aprende com o comportamento de cada usuário, desde cliques, compartilhamentos e curtidas até os conteúdos que o usuário ignora.

Dessa forma ele “escolhe” apresentar na timeline individual só aquilo que é interessante para cada um.

Para conseguir mais acessos orgânicos, você deve investir em conteúdos únicos e diferenciados, para que sejam atrativos para seu público alvo e sejam a chave do sucesso.

Já o tráfego pago, como o próprio nome já diz, é comprado e se chama Facebook Ads.

Esses anúncios podem ser extremamente segmentados, de acordo com gênero, idade, idioma e geografia e seguem 8 padrões:

  • Um impulsionamento para seus fãs, para aumentar curtidas e compartilhamentos;
  • Anúncios para base de fãs, para estimular as curtidas;
  • Anúncio que faz com que os cliques sejam direcionados para o site;
  • Anúncios focados em conversões nos sites;
  • Anúncios que estimulam os usuários a baixar seu aplicativo;
  • Anúncios que tem como objetivo o engajamento com seu aplicativo;
  • Anúncios para promover um evento;
  • Anúncios que promovem uma oferta.

Vale lembrar que as chamadas métricas de vaidade (curtidas e compartilhamentos) são bacanas mas não te ajudam a monetizar, ou seja, de fato ganhar dinheiro.

Por isso esses não devem ser os únicos indicadores levados em conta na hora de ver se a rede social está sendo efetiva ou não para sua estratégia.

Para os anúncios que promovem uma oferta é importante levar em consideração as quatro etapas do ciclo de uma rede social, que deve levar em conta ouvir sua audiência, entender as principais dúvidas, formar parcerias com autoridades naquele assunto e só então apresentar um produto para venda.

Se você não ouvir o que sua audiência quer, muito provavelmente não vai fazer uma oferta interessante para eles.

Uso do Facebook para gerar negócios

Existem algumas boas práticas que você deve seguir na página da sua empresa, para ajudar ela a ser mais eficiente.

Confira os passos:

  1. Adicione uma foto de perfil de boa resolução. Muitas vezes é interessante usar sua logo/marca;
  2. Usar uma foto de capa atraente. Ela é mais uma forma de divulgar sua marca e causar um impacto positivo;
  3. Complete seu perfil com todas as informações que são importantes: site, endereço, descrição, missão, telefone e email.
  4. Adicione seus colaboradores;
  5. Define o tom de voz usado para a comunicação;
  6. Planeje o conteúdo que você vai divulgar (lembre-se de ouvir sua audiência antes de sair escrevendo)
  7. Promova sua página e publicações;
  8. Mensure seus resultados, lembrando mais uma vez que curtidas e compartilhamentos por si só não dão dinheiro).

Melhores conteúdos para o Facebook

O Facebook é uma rede social super abrangente e permite o uso de vários tipos de conteúdo.

A única coisa que você deve fazer é entender sua persona para planejar qual tipo de conteúdo será melhor aceito por ela para que você não perca tempo fazendo um trabalho pouco focado.

Você pode usar e abusar de artigos escritos, de imagens, de checklists, de vídeos e até mesmo usar a rede para promover seus ebooks e outros materiais ricos.

Alguma dicas para aliar o marketing nas redes sociais e uma comunicação empresarial efetiva

Seja mobile friendly

As pessoas, em todos os lugares, estão usando cada vez mais os smartphones para abrir sites, consultar a internet, ler artigos e emails e checar as redes sociais!

Ao fazer um conteúdo para o facebook certifique de que ele é próprio para ser acessado por um celular ou tablet, já que boa parte de seus acessos devem vir por esses dispositivos.

Adicione imagens

As imagens são de extrema importância quando pensar em uma comunicação via Facebook.

Ajudam a aumentar o engajamento com sua audiência e destacar o que você está promovendo.

Use e abuse de imagens mas não deixe de mensurar qual está sendo mais efetiva para sua rede.

Defina seu público

Você pode definir seu público através das ferramentas oferecidas pela rede social. Você pode definir filtros de segmentação como gênero, idade, idioma, educação, local de trabalho, status de relacionamento entre outros.

Segmentar de forma certa seus anúncios mostra que você realmente conhece sua audiência e se comunica com ela e faz você investir de forma mais certeira.

Use os relatórios do Facebook para mensurar seu sucesso

Não devem ser as únicas métricas, mas através dos relatórios disponibilizados pelo Facebook você consegue saber quais posts e imagens estão sendo mais acessadas, curtidas e compartilhadas.

Pelo menos ele te ajuda a definir os assuntos que são mais bem aceitos pelo seu público.

Faça perguntas

Se engajar com sua audiência é uma das melhores formas de gerar leads para seu negócio.

Faça perguntas para que respondam e compartilhem suas atualizações e anúncios.

Não deixe comentários sem resposta

Lembra que falamos acima sobre a importância de ouvir o que está sendo falado para então gerar mais e melhores conteúdos?

Parte disso consiste em responder todos os comentários deixados na sua página para que um atual ou futuro cliente veja a atenção que sua empresa dá a eles.

Estude os melhores horários para publicações

Através do Facebook Insights você consegue descobrir quais os picos de acesso da sua página, assim pode postar nos horários mais interessantes para que o público veja sua empresa.

O Linkedin

O Linkedin é uma rede social que teve expressivo crescimento nos últimos anos. A rede social é focada principalmente em profissionais e empresas.

E hoje já conta com mais de 380 milhões de usuários ativos.

Quando falamos de marketing nas redes sociais, é impossível deixar de lado o Linkedin. Seja para fazer negócios, promover sua marca ou mesmo se posicionar como autoridade.

Se sua empresa é B2B, você não pode nem cogitar a possibilidade de não estar presente e atuante lá.

É interessante saber, que o Linkedin atua como uma rede de networking, não sendo bem aceito conteúdos que não dizem respeito ao mundo empresarial.

Ali são falados de temas como contratação, produtividade, RH, empreendedorismo, entre outros e se você tem qualquer coisa a dizer esteja preparado.

Assim como no Facebook é importante ouvir o que sua audiência está falando.

O Linkedin até permite curtidas, comentários e compartilhamentos, mas a grande sacada é ver o que está sendo acessado e falado pela sua rede.

Quais os assuntos? Quais as empresas? Quais as pessoas chave?

Para que o Linkedin é usado?

O Linkedin é basicamente usado para quatro grandes tópicos e sua empresa pode se beneficiar de cada um deles:

  • Se conectar com outros profissionais – é a sua hora de se posicionar como autoridade em um assunto e vincular isso à sua empresa;
  • Obter informações através de notícias e artigos – você deve estar lá, ouvindo o que eles querem e produzindo conteúdo para entreter e ajudá-los. Mais uma chance de se posicionar como autoridade em algo;
  • Encontrar oportunidades de trabalho – você pode achar seu próximo colaborador lá;
  • Se conectar com marcas e empresas que lhe interessam – e você precisa ser uma dessas!

Como criar um perfil empresarial vencedor

Para criar a página da sua empresa, não precisa seguir passos muito diferentes dos já falados para o Facebook não.
Atraia seguidores, estabeleça presença e engaje sua audiência. Simples assim.

Basicamente você deve fazer uma página da sua empresa que contenha todos os dados importantes dela, coloque imagens de perfil e de capa que tenham a ver com a marca e com o negócio, otimize seu perfil para buscas e mantenha sempre atualizado.

Tráfego orgânico X tráfego pago

Assim como no Facebook, existem duas formas de criar uma audiência seguidora no Linkedin: de forma orgânica e de forma paga.

O Linkedin Pulse é uma ferramenta de publicações no Linkedin onde antes, apenas pessoas convidadas, chamadas de influenciadores, podia escrever algum artigo.

Essa atualização enviada via notificação para toda sua bae. Imaginem como o conteúdo não se espalhava?

Após a última atualização, o Linkedin Pulse passou a ser aberto a todos que querem escrever. Quando você escreve, sua base também recebe uma notificação.

Você ganha autoridade e seguidores. E não existem limites de publicações ou imagens.

Para se tornar autoridade em algum assunto escreva. E seja compartilhado. E faça o link disso com sua empresa, para não só você mas ela também, ser uma referência.

Já para tráfego pago temos o Linkedin Ads. Nele para criar cada anúncio, você deve escolher o nome para uma nova campanha, o idioma, o tipo de mídia, escrever seu anúncio, escolher a forma de pagamento, definir horários para os impulsionamentos e por fim, mensurar! Simples assim.

Tipos de conteúdo

Temos que ter em mente que o Linkedin é uma rede voltada para negócios.

Como dito acima, artigos escritos tem a grande preferência dos usuários, mas nada impede você de compartilhar ebooks e outros materiais ricos.

Imagens são muito importante mas nada de gatinhos fofinhos. As imagens devem dizer algo a alguém.

Dicas para usar o Linkedin para um bom marketing

Encontre clientes e conexões altamente segmentados de acordo com seu negócio

Você pode ajustar suas campanhas para um determinado público, tipo e tamanho de empresa, segmentando de maneira eficiente aquilo que você está produzindo de material.

Gere leads

Identifique o perfil desejado e ofereça a ele webinários e ebooks.

Faça contatos inbound e outbound. Garanta uma geração de leads barata e simples.

Publique conteúdo de qualidade

Como já dito anteriormente, através do Pulse você pode publicar qualquer artigo que ele será notificado para toda sua base.
Por isso tudo que você enviar deve ser bem planejado e escrito, para ajudar alguém a resolver um problema, se posicionar como autoridade e garantir que sua rede continue te seguindo e recebendo suas atualizações.

Monitore o perfil dos seus funcionários

Garanta que seus funcionários tenham um perfil no Linkedin, que digam que trabalham na sua empresa, façam uma boa descrição de seu trabalho/posição e tenham material consistente sobre seu negócio.

Faça conexões e construa relacionamentos

As conexões feitas devem ser estratégicas. Conecte-se com seus potenciais parceiros e clientes.

Muna-os de informação e conteúdo interessante e a partir disso construa um relacionamento com eles, que podem falar bem ou mal de você, comprar ou não comprar de sua empresa.

O Twitter

O Twitter é a rede social rápida. O que quero dizer com isso?

Você deve conhecer ou pelo menos já ter ouvido falar nos famosos “tweets”. Aquelas postagens curtas, de no máximo 140 caracteres, que servem para atualizar sobre alguma coisa sobre você de forma rápida.

Muitos decidem escrever coisas pessoais como “comendo um sanduíche super gostoso” ou ate mesmo “indo pra casa depois do trabalho”.

Mas esse era o começo da rede. Hoje em dia ela é muito usada para comentar notícias da hora, política, futebol e até mesmo outros assuntos que a gente prefere “não discutir para não brigar”.

Aceitar postagens curtas não quer dizer que ela é pior por isso.

Exatamente por isso, é uma rede super acessada pelo celular e tablets. A mensagem de adequa melhor e permite uma interação rápida e constante.

São mais de 300 milhões de usuários e mais de 500 milhões de postagens diárias. Imagina isso?

Vamos falar um pouquinho sobre o uso do Twitter para negócios. É possível? É eficiente?

Usar o Twitter para sua empresa

Antes de tudo, como já falado para começar um bom marketing nas redes sociais, é preciso preparar a casa. Ou seja, seu perfil deve estar completo e otimizado.

Para isso não se esqueça de colocar:

  • Nome
  • Foto de perfil
  • Foto de capa
  • Background
  • Bio

Tráfego orgânico X Tráfego pago

Vamos começar esse tópico falando de como conseguir tráfego pago para seu perfil. Usando o Twitter Ads, é óbvio.

Os tweets pagos podem ter o formato de tweets promovidos, contas promovidas ou assuntos promovidos. Cada um deles tem uma indicação específica.

Se você quer promover um tweet, trazer tráfego para algum link, oferecer cupons e promoções, gerar leads ou atrair atenção para sua marca você deve usar a função de tweets promovidos.

Se você quer aumentar o número de seguidores de uma maneira rápida, você deve usar a função de contas promovidas.

Se você quer aproveitar a onda dos assuntos mais discutidos naquele período e aumentar sua visibilidade, você pode usar os assuntos promovidos.

Atrair seguidores e monitorar a rede

Para promover no Twitter você deve sempre começar analisando seu orçamento disponível, segmentando e por fim, como em todas as outras mensurando.

Para monitoramento existem algumas ferramentas que podem te ajudar imensamente.

SocialBro, MentionMap, The Archivist, Twenty Feet, Tweetsmap, Twitter Counter e outros estão nessa lista.

Dicas para usar o Twitter de forma eficaz para gerar negócios

  • Siga as pessoas, retweet e favorite seus tweets;
  • Analise sua audiência
  • Você deve responder a todas as menções e mensagens
  • Veja os assuntos que seus concorrentes estão usando para ter ideias do que compartilhar;
  • Não foque em vendas, mas sim em construir relacionamento e gerar valor
  • Encontre pessoas através de hashtags
  • Participe de conversas da área de atuação da sua empresa
  • Publique fotos
  • Faça perguntas e retweet as respostas;
  • Faça testes A/B

O Instagram

O Instagram é uma das redes sociais que mais cresce atualmente, cerca de 23% por ano!

Tem cerca de 300 milhões de usuários ativos e o Brasil ocupa um lugar de destaque entre os países que mais usam a rede e a utilizam para fazer seu marketing.

Na verdade isso era de se esperar, uma vez que o Instagram é extremamente fácil de usar, apenas tirar uma foto, postar e voila. Pronto.

O Insta (como chamamos no dia a dia) tem como principal público jovens de 18 a 35 anos donos de um smartphone. Se for o público alvo da sua empresa você precisa estar presente.

Crie um perfil para sua empresa e comece a se divulgar.

Criar um perfil para sua empresa

Acho que você já até cansou de escutar sobre como criar um perfil empresarial nas redes acima, não é mesmo? Mas para não deixarmos de abordar, vamos lá:

  • Adicione seu nome;
  • faça o upload de uma foto de perfil;
  • escreva uma descrição;
  • inclua um link na descrição.

Para se ter sucesso nessa rede você deve ter objetivos bem definidos.

Ou seja, pensar quem é seu público alvo, qual linguagem é a mais apropriada e em como você vai atrair esse público.

Ter um calendário de postagem constante faz toda a diferença.

Como a rede não permite postagem de conteúdos em texto grandes (mesmo que permitisse seria um desperdício escrever, pois é uma rede extremamente visual e de leitura rápida), você deve ter um planejamento de temas para publicar e um calendário para isso. Evite cair na mesmice.

Aproveite e use esse espaço curto para interagir com seu público, manter um diálogo e fazer com que sua audiência saia dali e vá para dentro da sua casa, ou seja, dentro do seu blog ou do seu site.

Use vídeos. Muitos. Sempre. Como todo mundo está postando fotos, vídeos curtos chamam a atenção e fazem toda a diferença.

Siga sua audiência e siga de volta aqueles que estão te seguindo. E engaje com seu público. Uma boa ideia é fazer alguns sorteios e pedir pra que eles compartilhem.

Tráfego orgânico X Tráfego pago

O Insta Ads é a maneira de gerar o tráfego pago do seu aplicativo.

No começo, o Instagram selecionou apenas algumas marcas que poderiam fazer anúncios pagos na rede, assim seria uma espécie de teste para ver se o público não ficava cansado.

Porém, desde 2015, qualquer um pode pagar para anunciar e ter suas publicações mais vistas. A única premissa é: não faça publicidade barata.

Compartilhe imagens e conteúdos que saem do lugar comum e que aprimorem a experiência do usuário.

Tráfego orgânico – dicas para conseguir mais seguidores

Conecte sua conta do Instagram a outras redes sociais

Sabemos que os usuários de uma rede social, muito provavelmente estarão também em outras redes sociais, o que aumenta o engajamento das marcas ao serem seguidas em várias redes e não apenas uma.

Sabemos bem que uma é mais rápida, a outra mais visual e ai vai. Assim, eles tendem a se complementar.

Use Hashtags

Capriche na foto, na legenda e nas hashtags. Mas antes de sair por ai colocando hashtags, faça uma pesquisa sobre o que está em alta, quais termos usar, o que seu mercado está escrevendo e o que você deve escrever.

Use com discernimento. Mas não abuse é muito chato ler #textos #escritos #assim.

Interaja constantemente

Faça sua audiência se engajar com você. faça perguntas, sorteios, peça comentários e lembre se de sempre responder e cumprir o que prometeu.

Use fotos de pessoas

Fotos de pessoas tendem a ter 35% mais engajamento do que aqueles sem ninguém. Acredita nisso?

Tentamos resumir em poucas palavras tudo aquilo que é possivel fazer de marketing nas redes sociais. É claro que muita coisa pode e deve ser aprofundada.

O que você deve ter sempre em mente é: como eu posso usar essas redes a meu favor e a favor da minha empresa?

O objetivo deve ser sempre engajar com seu público, aumentar o reconhecimento da sua marca e gerar oportunidades de negócio.

Você é um gestor de redes sociais e quer conhecer um pouco dos desafios do dia a dia? Leia aqui as 19 lições que nossa gerente de redes sociais aprendeu em 19 meses na Rock!

kit de marketing nas redes sociais

 
Autor(a)

Escrito por: Maria Clara Dias Gerente de Inside Sales e Parcerias na Rock Content, apaixonada por vendas e chocolate. Noiva, mandona e de bem com a vida!



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!