participantes de eventos corporativos

22 tipos de pessoas que você vai conhecer no RD Summit

Está chegando o grande momento! O maior evento de marketing digital da América Latina já é essa semana.

Ansiedade à flor da pele, preparamos para vocês um pequeno aperitivo para o RD Summit!

Todo evento que vamos conhecemos várias pessoas novas, afinal, o networking é uma cereja necessária a esse bolo.

E com certeza você que está indo para o evento está se perguntando se ali você fará conexões positivas para o resto da sua vida.

Quais tipos de pessoa você conhecerá? Será que o foco deve ser aprender ou fazer conexões?

No post de hoje, nós vamos prepará-lo para o que está por vir. Aqui você vai conhecer quais são os principais tipos de pessoas que você (com certeza) vai encontrar no evento!

Confira!

O Networker

Objetivo principal: Fazer contatos profissionais

Habitat: Qualquer rodinha de conversa

Jargão principal: “Aqui, leva o meu cartão.”

O Networker é um dos mais populares espécimes nos eventos profissionais. Os seus radares estão sempre acionados e os seus olhos são como scanners de crachás. Toda oportunidade de contato eles aproveitam.

Você com certeza verá um Networker em cada roda de conversas que você estiver. Ele é aquele cara que te adiciona no LinkedIn no meio da palestra, que te entrega cartão de contato e que ficam nos Happy Hours até o último profissional ir embora.

Os super fãs

Objetivo principal: conhecer os palestrantes

Habitat: o mais próximo possível dos seus mentores

Jargão principal: “posso tirar um foto?”

Os super fãs muitas vezes estão lá por uma ou duas palestras específicas. São seguidores assíduos desses palestrantes e torcem para que seja possível conhecer os seus mentores.

Estão sempre sentados nas primeiras fileiras das palestras cobrindo e anotando tudo o que eles falam. Se conseguirem uma selfie com os ídolos, o evento fica ainda mais especial.

Os inovadores

Objetivo principal: se inspirar

Habitat: áreas contemplativas e palestras

Jargão principal: “Eureka!”

Os inovadores também estarão espalhados por qualquer evento que você passar. São aqueles caras que os sites favoritos no Chrome são TED e Forbes, que sempre tem um hack de produtividade e vários aplicativos para indicar.

Eles aparecem nesses eventos com a expectativa de ter uma nova grande ideia e a partir desenvolver um novo empreendimento ou tirar um ideia do papel.

O coletor

Objetivo principal: acumular brindes e participar de sorteios

Habitat: todos os estandes

Jargão principal: “Posso levar um pro meu irmão também?”

O coletor passa de estande em estande coletando todas as regalias gratuitas que ele encontrar. Se houver sorteio, então, é um prato cheio para esse sujeito que já criou 4 contas de email diferentes para ter mais chances de ganhar.

O coletor tem sim interesse nas palestras e em todo o conhecimento do evento, mas claro está sempre ocupando dois lugares lidando com tantas sacolas.

Os Ferris Buelers

Objetivo principal: tirar o dia de folga

Habitat: Rodinhas de conversa do lado de fora das palestras/ cadeiras de massagem

Jargão principal: “trabalho fora do escritório não é trabalho”

Por mais que você goste do seu trabalho, muitas vezes você se vê desejando um feriadinho ou um dia de descanso. Para os Ferris Buelers os eventos corporativos são uma excelente oportunidade para tirar essa folguinha sem gastar nenhum dia de férias.

Ainda assim os Ferris Buelers podem aproveitar bastante o evento aprendendo coisas novas e fazendo contatos interessantes, mas não se engane, eles permanecem firmes em sua missão. Talvez você não os encontre nas últimas palestras do dia pois ele saíram para curtir um pôr do sol ou uma praia no fim do dia.

O esponja

Objetivo principal: Aprender tudo que possível

Habitat: Primeira fileira das palestras

Jargão principal: “eu tenho uma pergunta!”

O esponja não falta em nenhum evento. Ele já chega com fome e sede de informações e com certeza você o encontrará com um notebook, smartphone ou moleskine que ganhou de brinde fazendo anotações que superam o tamanho da palestra que ele está.

O esponja participa de todas as palestras possíveis e é capaz de fazer mitose se houver palestras simultâneas.

Desempregado

Objetivo principal: Encontrar um emprego

Habitat: perto dos palestrantes e gerentes

Jargão principal: “tem vaga aberta por lá?”

O desempregado está na caça. À procura de novas oportunidades no mercado o evento é um prato cheio para eles. Primeiro para se atualizarem e aprenderem mais sobre o mercado em que estão inseridos. Segundo, dependendo do tempo em que estão nessa caça, os contatos serão a parte mais importante para eles.

Alguns deles podem ser bem diretos ao ponto e até um pouco inconveniente. Mas os que sabem fazer uma abordagem discreta e conseguir bons contatos, podem até sair de lá com uma oportunidade em vista.

O negociador

Objetivo principal: fazer parcerias

Habitat: estandes de possíveis parceiros

Jargão principal: “vai trazer benefícios para ambos os lados”

O negociador está espalhado pelo evento fazendo novos contatos em busca de parcerias lucrativas para o seu negócio. Ele procura fazer contatos com as pessoas que tem autonomia para fechar negócios.

Oportunidade de co-marketing, patrocínio, parcerias, entre outra enorme gama de opções fazer parte do cardápio do negociador. Se você gerencia ou cuida de alguma área de parcerias ou eventos da sua empresa, pode ter certeza que negociador lhe fará uma proposta que você não poderá recusar… ou sim.

O Boca Livre

Objetivo principal: comer de graça

Habitat: mesas de café

Jargão principal: “que horas é o coffee break?”

O boca livre pode estar no evento por diversos motivos. Aprender mais, fazer contatos, levar ideias novas para a sua empresa, conseguir parceriais, etc.. Mas não se deixe enganar, você reconhecerá quando a principal missão dele for fazer uma boca livre.

Ele sai 15 minutos antes da última palestra para não precisar enfrentar filas para alcançar a mesa. Faz trouxinhas nos guardanapos dizendo que vai levar para o pessoal do estande e se delícia de um vasto banquete de simples aperitivos para o público.

O Happy Hour é o momento mais esperado por ele.

O vendedor

Objetivo principal: vender

Habitat: estande

Jargão principal: “Podemos agendar uma reunião na segunda”

Bom, todas as empresas presentes precisam levar uma vasta gama desses colaboradores. Afinal, grandes eventos trazem oportunidades fantásticas para ampliar o seu número de vendas.

Eles são parecidos com os negociadores, porém mais diretos. O foco deles é vender um produto ou um serviço específico da sua empresa. Com palestras pipocando sobre o tema, com certeza o vendedor encontrará muitos interessados.

Blogueiro

Objetivo principal: fazer conteúdo de qualidade com base no evento

Habitat: perto de uma tomada

Jargão principal: “isso dá um post!”

O blogueiro é facilmente identificado no evento. Seja durante as palestras ou momentos de interação os blogueiros estão sempre com a cabeça nos conteúdos pertinentes que serão produzidos e com o seu notebook no colo.

Os grandes eventos são sempre um prato cheio para novos conteúdos e qualquer diálogo que você tiver com eles, pode ter certeza que uma fala mais interessante sua poderá aparecer no blog dele.

Os professores

Objetivo principal: ensinar os coleguinhas

Habitat: roda de curiosos

Jargão principal: “e é assim que se faz”

Os professores adoram passar conhecimento para a sua equipe. Tanto para mostrar que sabem muito quanto para auxiliar o crescimento do seu time.

Eles adquirem bastante conhecimento durante o evento e sempre tomam nota dos mais pertinentes aprendizados. Porém os professores não se conformam em reter o conhecimento e querem logo passar para os colegas tudo o que aprendeu.

Turistas

Objetivo principal: viajar de graça

Habitat: praia com chuva

Jargão principal: “Floripaaaa”

Um dos maiores benefícios de comparecer a um evento corporativo com a sua empresa é que a maioria deles não acontece na sua cidade natal. E muitas vezes a sua empresa pagará o seu hotel e até a sua viagem.

O turista então se vê em uma grande oportunidade de conhecer novos lugares e aproveitar os momentos fora do evento para se deleitar em novas locações desconhecidas.

Claro que ainda sim ele pode extrair o melhor possível do evento!

O Stalker

Objetivo principal: stalkear

Habitat: perto do stalkeado

Jargão principal: “onde você vai assentar?”

O Stalker é uma outra figura comum, porém muitos não conseguem identificá-los. Geralmente apenas a pessoa que é stalkeada percebe quem são eles.

Te acompanham no banheiro, almoça no mesmo lugar, está sempre na mesma roda de conversa, assenta ao seu lado nas palestras e quer ficar com você durante todo o período do evento.

Muito cuidado, se você nunca identificou um stalker, talvez você seja um deles.

O líder bem sucedido

Objetivo principal: se manter no topo

Habitat: em cima do palco

Jargão principal: Alguma frase do Steve Jobs

Geralmente eles são líderes e referências nos principais assuntos que serão abordados no evento e a grande maioria deles terão uma palestra sobre um desses temas.

São cheios de seguidores e super fãs, são altamente procurados nos coffee breaks, são referências para quase todos que ali estão. Em sua grande maioria fazem sucesso em redes sociais, tem um grande blog e muitos já têm livros publicados.

O Espião

Objetivo principal: adquirir informações dos concorrentes

Habitat: estandes da concorrência

Jargão principal: “Posso aprender mais sobre os seus serviços?”

Nenhum evento seria o mesmo sem o espião. Você dificilmente identificará um.

A missão dele é passar despercebido e aprender ao máximo com os seus concorrentes. Seja informações estratégicas, do produtos ou serviço das empresas, tudo o que o espião puder aprender com a concorrência ele usará ao seu favor.

Desconfie de excesso de simpatia e perguntas muito avançadas para um simples networker. O plano de ação da sua concorrência pode ser definido com as preciosas informações adquiridas no evento.

O festeiro

Objetivo principal: se divertir

Habitat: happy hour, bares e festas

Jargão principal: “Grau”

Bom, é inevitável que os festeiros estejam em grande número. Todo grande evento geralmente é sucedido de uma festa ou happy hour.

É claro que todos nós gostamos desses momentos, mas o festeiro tem isso como sua missão principal. É normal vê-lo perdendo um pouco a linha. Moderação é a palavra mais importante para o festeiro.

O esquenta parede

Objetivo principal: perder a timidez e falar com alguém

Habitat: paredes em geral

Jargão principal: “…”

O esquenta parede ficará em evidência nos maiores momentos de socialização. Geralmente são as pessoas mais tímidas e novas nas empresas.

Não são muito boas para quebrar o gelo e muitas vezes fingem que estão trocando mensagens ou falando no celular para evitar constrangimentos.

Dica: se você vir um esquenta parede ajude-o a quebrar o gelo e se juntar às conversas. Muitas vezes eles têm muito para acrescentar.

O fofoqueiro

Objetivo principal: apresentar o status dos presentes (para os outros)

Habitat: banheiros e rodinhas nos coffee breaks

Jargão principal: “você não vai acreditar…”

O fofoqueiro é fácil de identificar. Vem caminhando de longe com um sorriso estampado no rosto e passa 30 minutos falando sem parar do status de todos os presentes e palestrantes dos eventos.

Toda nova informação que ele descobre ele quer passar para frente e quanto mais pessoal for, mais animado para espalhar a notícia ele estará.

O reclamão

Objetivo principal: falar que tudo poderia estar melhor

Habitat: todos os lugares

Jargão principal: “não vale o preço que eu paguei” (mesmo que ele tenha ido de graça)

O reclamão é uma figura carimbada em qualquer lugar do mundo. E nos eventos ele sempre está presente. São muitos os seus jargões como:

  • “Achei que teria mais comida”
  • “Essa palestra foi muito curta/longa”
  • “Palestra muito básica/avançada”
  • “Poucos/muitos intervalos”
  • “Evento muito cansativo”

Enfim, poderia ficar o dia inteiro aqui. Mas não quero reclamar deles. Se você está pensando naquele seu amigo que sempre faz isso, apesar de chato, o evento não seria o mesmo sem eles. Reclamam, reclamam, mas estão sempre na fila para os próximos.

O newbie

Objetivo principal: ele não sabe

Habitat: por aí

Jargão principal: “uau”

O newbie está lá. Ele sabe que o evento é importante, que ele precisa adquirir novos conhecimentos e que tudo ali auxiliará no seu crescimento pessoal.

Porém o newbie não sabe o seu objetivo principal. Ele fica encantado com tudo o que vê, com o tamanho do evento e com todos os contatos que faz. Ele pode ficar um pouco tímido e não saber se interagir muito bem e não terá muitas opiniões formadas sobre os temas das palestras.

O garanhão

Objetivo principal: conquistar alguém (ou alguéns)

Habitat: próximo ao alvo

Jargão principal: “quer entrar no meu fluxo de nutrição?”

É impressionante como até em eventos empresariais o garanhão não fica de fora.

Afinal ali pode ser uma grande oportunidade para ele encontrar alguém que agrade aos seus olhos e goste dos mesmo temas que ele. Ele jamais se limitará aos assuntos das palestras e estará sempre à procura de novos alvos que possam dar bola para as suas abordagens muitas vezes primitivas.

Alguns garanhões podem ser bem discretos disfarçados de networkers, mas as suas inteções reais sempre acabam transparecendo.


E aí? Reconheceu algum dos seus colegas de trabalho nessa lista? Marque eles no post e compartilhe com o pessoal da sua empresa!

Nos vemos lá!

*Post altamente inspirado neste texto publicado pela Hubspot.

 
Autor(a)

Escrito por: André Mousinho Cristão, formado em Publicidade, viciado em quase tudo de cultura Nerd e bacon. Embarcando na jornada pela exploração do Universo do Marketing Digital e em busca de se tornar um Mestre Jedi na arte da escrita.



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!