redes sociais mais usadas no brasil

Quais são as redes sociais mais usadas no Brasil

*Atualizado: 06/2016

Segundo a pesquisa Digital in 2016, da We Are Social, realizada ao longo do último trimestre de 2015, temos hoje no Brasil uma média de 45% da população ativa em redes sociais de todos os tipos.

De janeiro de 2015 para cá tivemos um aumento de 13% de usuários de redes sociais conectados via mobile. Considerando a popularização do acesso ao aparelho celular (91% da população adulta do Brasil já tem um!), é natural esperarmos que esse número cresça de maneira vertiginosa nos próximos anos, deixando claro que esse é nicho interessante de se investir.

Já os dados da Pesquisa Brasileira de Mídia 2015, da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, mostram que 65% dos jovens entrevistados, com até 25 anos, acessam internet todos os dias aqui no país. E esse número só continua crescendo. 67% desses jovens afirmaram também que o uso é principalmente destinado à diversão e à busca de notícias que, sabemos bem, vem ganhando cada vez mais espaço dentro das próprias redes sociais.

Mas, quais são as redes sociais mais usadas no Brasil? Confira a lista das 11 mais acessadas a seguir!

11. Pinterest

Redes sociais mais usadas do Brasil: Pinterest

Fundada em 2010, o Pinterest é uma rede social usada para o compartilhamento de imagens de qualquer tipo. O usuário pode favoritar o conteúdo e criar pastas compartilháveis que, hoje em dia, são muitíssimo populares nos segmentos de moda, maquiagem, artesanato e decoração.

A rede tem mais de 70 milhões de users cadastrados, com cerca de 80% de mulheres como usuárias ativas. No Brasil, temos apenas 8% da população utilizando essa rede social, 2% a mais que no ano passado. Mas, não se desanime! Com a adição de novos recursos para compra e uso promocional da rede, é bem possível que ela continue a crescer no país.

10. Snapchat

O Snapchat tem se tornado o queridinho de muitos usuários aqui no país. Depois que figuras públicas, como o Padre Fábio de Melo, começaram a dar destaque para a rede, ela foi se tornando cada vez mais popular entre usuários de redes como o Twitter e Instagram.

Infelizmente os números totais não são tão altos, deixando apenas 9% da população brasileira, no último trimestre de 2015, como ativa nessa rede.

Em dados globais, o uso do Snapchat já ultrapassou redes sociais bem estabelecidas como o Tumblr e até mesmo o Twitter, e provavelmente não deve parar por aí. Ser a terceira rede social mais popular do mundo, entre millenials, é um título para poucos.

As empresas começaram também a aderir a rede social, visando atingir esse público que começa a ter o poder de compra agora e que parece ficar de fora de táticas de email marketing.

Segundo a Content Trends 2016, cerca de 6,1% das marcas brasileiras começaram a aderir à tendência mundial e utilizar o Snapchat em sua estratégia de marketing digital, sendo que esse número era inexistente na edição 2015 da pesquisa.

9. LinkedIn

Essa rede social do mundo corporativo tem uma média de 25 milhões de usuários ativos no Brasil, ficando atrás apenas da Índia e dos Estados Unidos (que hoje têm 128 milhões de usuários) segundo dados do Statista.

A rede social também está crescendo no país, com uma diferença de 2% a mais de usuários se comparado ao ano passado, adotando um papel estratégico na captação de talentos e divulgação de vagas e conteúdo relevante de empresas de vários segmentos.

8. Twitter

Redes sociais mais usadas do Brasil: Twitter

A rede social para microblogs teve um boom repentino no país, mas, de 2013 para cá, caiu cerca de 63% no volume de usuários ativos, segundo dados do Statista. E, apesar de figurar entre uma das redes sociais mais populares do mundo, aqui no Brasil ele fica apenas em 8° lugar.

Ao redor do mundo, são mais de 310 milhões de usuários únicos, sendo que 83% dos líderes políticos mundiais já estão presentes na rede com contas ativas.

O Twitter ainda é fundamental para boa parte das ações de marketing online e, quando bem usada, pode trazer resultados de engajamento indispensáveis para campanhas de relacionamento.

Apesar disso, tem perdido adesão entre as empresas, caindo do 2° lugar das redes sociais mais usadas pelas empresas e indo para o 5º, com 40% de adesão, segundo a Content Trends 2016.

7. Skype

Lançado em 2003, o Skype é um dos programas de troca de mensagens por voz (e vídeo) mais difundidos na atualidade e, apesar da contínua emergência de novas redes para comunicação em tempo real (como o Hangout do Google, um de seus maiores concorrentes), ele ainda continua bem estabelecido no mercado.

Ao redor do mundo são, pelo menos, 300 milhões de usuários ativos. Já no Brasil ele é usado por uma média de 15% da população, não se restringindo ao uso doméstico, mas, principalmente, por empresas de todos os portes.

6. Google+

Lançada em junho de 2011, essa rede social tem hoje uma média de 6% dos usuários totais sendo brasileiros. Apesar do número parecer pequeno, ele fica atrás apenas dos indianos (18% dos usuários) e dos estadunidenses (55%).

A rede social  ainda não chegou a engatar aqui no país, apesar de já ter passado por uma série de mudanças que hoje permitem a sua integração com os outros serviços do Google. A posição na pesquisa é privilegiada, principalmente, por conta da quantidade de contas que são automaticamente criadas com a geração de novos e-mails e perfis no Gmail. Mas isso não significa que ela esteja deserta. Alguns segmentos são mais populares dentro do Google Plus+, como é o caso da engenharia nos Estados Unidos. A chave é procurar uma comunidade de seu interesse que esteja ativa, e daí em diante montar o seu círculo de amizade focado nos usuários participantes.

5. Instagram

Redes sociais mais usadas do Brasil: Instagram

Com a possibilidade de se montar anúncios no Instagram, essa rede social logo se tornou a queridinha dos publicitários. Com um modelo simples, que atende desde usuários iniciantes, até os mais experientes, ela já conta com mais de 300 milhões de usuários ativos diariamente.

Os brasileiros já são responsáveis por 6.55% do tráfego total da rede, ficando atrás dos russos (7.65%) e, claro, estadunidenses (19.97%). O Instagram hoje é fundamental em toda boa estratégia de marketing com foco na gestão de comunidade e em busca de engajamento por parte de seu público.

As marcas estão antenadas a essa tendência: segundo a Content Trends 2016, a rede social que apresentou maior crescimento em adesão pelas empresas foi o Instagram, passando de 42% de adoção para 47,9% e se tornando a segunda colocada em preferência pelas marcas no Brasil.

4. Youtube

O fenômeno dos Youtubers no Brasil embarcou no crescimento da rede nos últimos anos e, hoje, ela já é a quarta mais acessada do país, passando por constantes atualizações de recursos. Se desconsiderarmos os apps de troca de mensagens, o Youtube pode sim ser considerada a segunda maior rede social acessada no país, com uma média de 21% da população ativa diariamente.

Contas populares como o Portas dos Fundos têm uma média de 12 milhões de usuários inscritos, deixando claro que há a possibilidade de investirmos em estratégias de marketing no Youtube, afinal de contas, público não vai faltar.

A escolha pelo YouTube também cresceu entre as empresas em relação a 2015 e, atualmente, é a 3ª mais utilizada (42,4%), segundo a Content Trends 2016.

3. Messenger

Desde que o Messenger tornou-se um app separado do Facebook, e o seu download começou a se tornar obrigatório para usuários da rede social por smartphones, ele rapidamente subiu na lista dos aplicativos mais baixados.

Na lista oficial da Play Store, o Messenger perde apenas para o Whatsapp como aplicativo mais procurado no Android. Uma de suas vantagens é a possibilidade de uso no desktop, além da desassociação da linha do tempo de sua conta no Facebook, que impede distrações e torna o app bem mais estratégico.

2. Whatsapp

A movimentação causada para cada bloqueio que o Whatsapp sofre no Brasil é suficiente para atestar sua importância hoje, no mundo das redes sociais. Não só isso, a presença de membros, que comumente não estão conectados ativamente nas redes sociais (como nossa família), é outro fator que pode provar, com louvor, o sucesso da ferramenta social.

No país, ele não serve apenas para lazer ou conversação casual.O Whatsapp vem se tornando, cada vez mais, uma ferramenta de trabalho para os mais diversos segmentos, e não é surpresa que quase 30% da população já o utilize diariamente, estando presente em aproximadamente 70% dos celulares do país, segundo pesquisa da Nielsen do ano passado.

1. Facebook

Redes sociais mais usadas do Brasil: Facebook

O Facebook conquistou o posto de rede social mais popular do mundo em meados de 2008, substituindo, três anos depois, um dos grandes fenômenos das redes sociais no Brasil: O Orkut.

Ainda hoje, não é surpresa que a rede esteja em primeiro lugar no país. O Brasil é o terceiro país mais ativo no Facebook, perdendo apenas para os EUA e a Índia. Ao todo, são 103 milhões de usuários por aqui, sendo 54% do público feminino.

Graças à volumosa adesão de usuários a esta rede social, o conceito de viralização de conteúdo, em que o compartilhamento entre as pessoas vai aumentando em cadeia, vem se tornando cada vez mais comum em todas as relações online que funcionem dentro da lógica de rede social.

Assim, o Facebook tem praticamente ditado as regras de comportamento em redes sociais, principalmente quando se diz respeito aos perfis corporativos, que já adotam estratégias de marketing específicas para o aumento de visualizações.

O uso de redes sociais no mundo é uma questão que está em constante evolução, e bem sabemos como o curto espaço de alguns meses, às vezes, é o suficiente para virar esse cenário de cabeça para baixo.

Por isso, é fundamental acompanhar as mudanças de apropriação das redes. E não tem jeito melhor de fazer isso do que, simplesmente, usando-as.

Encontrou alguma rede nova na lista? Então não perca tempo e vá lá criar a sua conta! Aproveita e dê uma olhadinha no nosso Guia Completo do Marketing de Conteúdo nas redes sociais!

 

 
Autor(a)

Escrito por: Laura Ribeiro Formada em Comunicação Social com complemento em História, e especializada em criação narrativa para redes sociais. Isso quer dizer que costuro, jogo e cozinho enquanto posto no Twitter.



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!