Homem tentando descobrir o tamanho da title tag

Diretrizes para o tamanho da Title Tag: saiba qual o comprimento ideal para o título que será exibido nas páginas do Google

*Esse artigo é uma Tradução adaptada de um post da Moz, uma das maiores empresas especialistas em SEO do mundo:

https://moz.com/blog/title-tag-length-guidelines-2016-edition

Fazer um título com uma limitação de caracteres pode ser bem complicado!

E um bom título é um verdadeiro imã de cliques e pode gerar uma taxa de CTR incrível, não é verdade?

Por isso trouxemos até você um guia do tamanho da Title Tag, para vocês criarem títulos do tamanho ideal.

Se adaptar a esse detalhe pode aumentar bastante a qualidade da suas chamadas otimizando as suas campanhas de Marketing Digital e/ou gerando um maior tráfego para o seu site ou blog.

Nas últimas semanas, o Google vem testando uma grande mudança na largura das colunas do lado esquerdo, fazendo com que elas passassem de 512 pixels para 600 pixels — um aumento de 17%. Junto com essa alteração, o Google também aumentou o comprimento disponível para os títulos de resultado:

Demonstração do tamanho da title tag

Isso, naturalmente, traz um questionamento à tona: quantos caracteres passam a caber nos títulos de exibição agora? Quando o Google redesenhou os SERPs em 2014, o tamanho da Title Tag recomendado era um limite de 55 caracteres. Será que um espaço 17% maior permite um aumento de 9 caracteres?

Não tão rápido, meu amigo…

É aqui que as coisas ficam um pouco complicadas. Seria ótimo se a gente pudesse só contar os caracteres e tudo ficasse tranquilo, mas as coisas nunca são tão fáceis assim, certo? A gente tem 3 complicações para considerar:

1. A largura dos caracteres varia

O Google usa Arial para os resultados de títulos de exibição e essa fonte é proporcional, ou seja, caracteres diferentes ocupam espaços diferentes — um “i” ocupa muito menos espaço que um “w”, por exemplo. A largura total é medida em pixels — não em caracteres — e o máximo que cabe no espaço depende diretamente do que você pretende dizer.

No nosso conjunto de rastreamento de 10.000 palavras-chave, o título abaixo é o mais longo com ou sem cortes que medimos, chegando a 77 caracteres:

Apresentação do tamanho da title tag

O título tem 14 “i” e “l”, 10 “t” e 3 pontuações curtas, criando uma fatura de contagem de caracteres. No entanto, contar esse título e dizer que 77 é um número seguro, sem dúvidas, é dar um tiro no pé.

2. Os títulos quebram em palavras inteiras

Antes dessa mudança, o Google quebrava as palavras em qualquer que fosse o ponto do título. Agora, ele parece quebrar em palavras inteiras.

Se o corte acontecer no meio de uma palavra longa, o comprimento restante provavelmente será consideravelmente menor.

Por exemplo, essa é uma palavra que jamais caberia na exibição duas vezes, então, o corte aconteceu bem antes da largura total do título:

 Tamanho da title tag

3. O Google está anexando marcas

Em alguns casos, o Google está cortando pedaços do título e anexando o nome das marcas no final. Infelizmente, esse processo de anexação automática de marca ainda ocupa espaço e pode prejudicar o seu limite total de caracteres. Este foi o título de exibição mais curto no nosso conjunto de dados, medindo apenas 34 caracteres antes do corte:

Exemplo de tamanho da title tag

O texto da marca “- The Homestead” foi anexado pelo Google e não é parte da Title Tag do site. A próxima palavra do título seria “Accommodations”, então, a combinação da anexação da marca com uma palavra longa fez o título ficar bastante truncado.

Dados de 10.000 pesquisas

Exemplos podem ser enganosos, então, quisemos ir um pouco mais fundo. Pegamos todos os títulos da primeira página de resultados das 10.000 palavras-chave do conjunto de rastreamento do MozCast, o que acabam sendo tímidos 90.000 títulos.

Títulos completos não nos dizem muito, já que eles podem ser curtos em alguns casos. Então, vamos nos focar nos títulos que foram cortados. Aqui, são os comprimentos dos caracteres — sem contar os “…” — dos títulos cortados:

Gráfico do Tamanho da title tag

Conseguimos uma distribuição quase normal — inclinada um pouco para a esquerda — com uma média e uma mediana em torno de 63. Então, seria 63 o nosso número mágico?

Ainda não!

Cerca de metade dos títulos de corte em nosso conjunto de dados tinha menos de 63 caracteres, então, isso é ainda um comprimento bastante arriscado.

O truque é escolher um número médio com o qual nos sentíssemos bastante confiantes de que o título não será cortado (uma zona de segurança garantida para todos os títulos seria algo bastante restritivo). Aqui, estão algumas porcentagens de títulos truncados que estavam acima de um determinado comprimento de caracteres:

  • 55% dos títulos cortados >= 63 (+2) caracteres;
  • 91% dos títulos cortados >= 57 (+2) caracteres;
  • 95% dos títulos cortados>= 55 (+2) caracteres;
  • 99% dos títulos cortados >= 48 (+2) caracteres.

Em pesquisas, poderíamos ficar com 95% ou 99% de nível de confiança (nota: este não é tecnicamente um intervalo de confiança, mas a lógica é similar), mas 90% de confiança é um nível prático bastante decente.

Se levarmos em consideração o “…” — que nos dá cerca de 2 caracteres a mais — então, a recomendação é manter seus títulos com menos de 60 caracteres (57 + 2 = 59).

É preciso manter em mente, claro, que títulos cortados nem sempre são ruins. Um “…” bem posicionado pode aumentar o CTR (Taxa de Cliques) de alguns títulos. Um corte bem feito pode criar um suspense, se você quiser confiar seu futuro ao Google:

Exemplo do Tamanho da title tag

Agora que os títulos são cortados em palavras inteiras, não precisamos nos preocupar mais com eles sendo cortados em pontos confusos ou infelizes — por exemplo, a situação perigosa da International Association of Assemblages of Assassin Assets:

Exemplo de Tamanho da title tag

Antes da reformulação, os seus títulos eram um campo minado. Sim, isso não contribui em nada para este artigo, mas uma vez que eu já tinha começado a ir por esse caminho, já era tarde demais.

Então, é isso, certo?

Bem, nem tanto! Como o Google evolui e se adapta a diversos dispositivos, podemos esperar que eles continuem a ajustar e a testar os títulos de exibição. Na verdade, eles estão atualmente testando um novo formato de estilo para SERPs de desktop, em que cada resultado se parece com isso:

Exemplo de tamanho da title tag

Nós não estamos completamente certos que essas mudanças são permanentes. O formato mais curto continua aparecendo para alguns usuários sob certas circunstâncias. Se esse novo design permanecer, fico confortável em dizer que manter seus títulos com menos de 60 caracteres pode prevenir a maioria dos cortes.

Se adaptar ao tamanho da Title Tag é muito importante para o otimizar sua campanhas de Marketing de Conteúdo e também de SEO, uma vez que a taxa de cliques é um fator de rankeamento.

Pratique o que aprendeu hoje e conte pra gente como isso ajudou você!

Não deixe de baixar o nosso ebook gratuito: O Guia Completo sobre SEO.

 

 
Autor(a)

Escrito por: Redator Rock Content Este artigo foi produzido por um dos mais de 5000 redatores da base da Rock Content. Quer conteúdo legal assim no seu blog? Fale com um consultor!



    Deixe um comentário

    Certificações em Marketing Digital - Universidade Rock Content
    Vagas em Marketing e Vendas - Rock Jobs
    Ebook Inbound Marketing - O Guia Definitivo

    A Rock Content é líder em marketing de conteúdo no Brasil. Ajudamos centenas de empresas a atingirem seus objetivos de marketing. Queremos ajudar você também!