Tipos de hospedagemcriar um site, blog ou negócio online, uma das primeiras coisas que precisa ser feita é fazer um registro de domínio e contratar uma hospedagem de sites.

">

Hospedagem de sites: Quais os diferentes tipos de hospedagem que posso optar?

Uma boa hospedagem é fundamental para o funcionamento de um site. Confira quais os tipos e como escolher uma!

Quando uma pessoa ou uma empresa resolve criar um site, blog ou negócio online, uma das primeiras coisas que precisa ser feita é fazer um registro de domínio e contratar uma hospedagem de sites.

O domínio é seu endereço na internet. ( por exemplo: http://marketingdeconteudo.com/ , sendo marketingdeconteudo nosso nome de domínio e .com a extensão).

Hospedagem de sites é um serviço de armazenamento e disponibilização de um site, realizado por alguma empresa. Com a hospedagem de sites, você consegue manter o seu site 24 horas online sem dificuldades de acesso, fazendo com que o público consiga visualizá-lo em qualquer lugar do mundo.

Além de salvar todos os conteúdos que você disponibiliza no local. No entanto, existem diversos tipos de hospedagem de sites, sendo os principais: hospedagem gratuita, hospedagem compartilhada, VPS, servidor dedicado ou hospedagem nuvem.

Tipos de hospedagem de sites

Existem vários tipos de hospedagem de sites.

Muitos usuários que estão começando optam por uma hospedagem gratuita.

Esse tipo de hospedagem é recomendado apenas para quem está começando e quer tirar a ideia do papel, por exemplo com um blog pequeno, mas ainda não tem certeza sobre contratar uma hospedagem de sites para o longo prazo.

Uma hospedagem grátis vai te fornecer o que você precisa inicialmente para dar sequência ao seu projeto. Digamos que você já tenha seu registro de domínio e queira colocar seu site no ar. Uma hospedagem gratuita pode fazer esse papel.

No entanto, com o crescimento de visitantes e com o crescimento do número de arquivos que você terá, a hospedagem grátis pode não fornecer as características que você irá necessitar.

Veja como tirar o melhor benefício de sua hospedagem grátis!

Hospedagem compartilhada

Quando você der um passo maior em seu site ou blog, será a hora de contratar uma hospedagem compartilhada. Ela consiste em um servidor compartilhado entre diversos clientes ao mesmo tempo.

Ele é o mais utilizado, pois tem um custo benefício muito grande comparado aos outros serviços e é, em geral, fácil de manusear e é conhecido por ser uma hospedagem barata.

Existem diversas empresas que oferecem esse serviço e cabe a você colocar na balança qual vale mais a pena na questão orçamentária.

Muitas vezes, as empresas de hospedagem de sites já oferecem uma hospedagem de sites customizada para WordPress, em que o CMS (Sistema Gerenciador de Conteúdo) mais popular do mundo já vem pré-instalado. Com o WordPress você poderá instalar seus temas WordPress, montar facilmente seu site e sair usando.

O WordPress é o Sistema Gerenciador de Conteúdo mais utilizado no mundo e é dominado por cerca de 60% do mercado e 27,5% de toda a web. Portanto, se você quer começar um blog, o caminho mais fácil é o WordPress.

Servidor Virtual Privado (VPS)

Outro tipo muito comum que você poderá utilizar é o Servidor Virtual Privado, popularmente conhecido como VPS.

Esse serviço é recomendado para e-commerces, para quem hospeda muitos sites, ou para quem viu seu site ou blog crescerem muito e precisam de um ambiente mais dedicado e que tenha customização total. Ele pode ser criado num ambiente Linux ou Windows.

O sistema VPS vai exigir um maior nível de complexidade na parte operacional e você vai precisar ter intimidade com o servidor, coisa que não precisaria na hospedagem compartilhada.

Você pode ainda entender um pouco mais sobre os tipos de virtualização de um VPS ou como acessar seu VPS Linux via SSH.

VPS Windows

A principal vantagem de escolher o VPS Windows é a facilidade em usar o Windows Server, já que o Windows é o sistema mais usado no Brasil e a grande maioria das pessoas já está acostumada a mexer, além de ter maior compatibilidade com softwares.

Ou seja, sua principal vantagem é sua interface gráfica que deixa seu VPS para ser .

Pelas suas próprias características, um VPS Windows também é muito indicado para gammers que querem fazer seus servidores. Isso porque os jogos, em geral, tem uma compatibilidade muito boa com o sistema Windows.

Tire todas as suas dúvidas sobre VPS Windows!

VPS Magento

Vps Magento é criada em ambiente Linux totalmente customizada para o uso do Magento. Esse é o CMS mais comum para quem quer gerenciar um e-commerce.

Como o Magento é um sistema muito pesado, contratar uma hospedagem de sites comum provavelmente não irá atender às suas necessidades.

Servidor Dedicado

Indicado para empresas muito grandes, esse é o tipo de hospedagem mais oneroso para você. Você terá controle total sobre ele para suas personalizações, desempenho, entre outros. Grande parte das vezes um VPS atenderá suas necessidades.

Hospedagem Cloud

Hospedagem em cloud, ou hospedagem em nuvem, você conhece? Não?

O nome parece meio confuso e pode confundir algumas pessoas, mas saiba que é um tipo de hospedagem também.

A hospedagem em nuvem é um serviço que disponibiliza na internet, vários servidores online em diversos computadores diferentes.

Os recursos utilizados pelo site são ajustados de acordo com a demanda que você necessita ou determina. Ou seja, se por algum motivo o servidor atingir o pico de visitas e não suportar mais, impedindo a entrada dos clientes, o acesso será redirecionado a outro servidor com espaço para atender as demandas.

Qual hospedagem de sites escolher?

Como você leu acima, os servidores compartilhados são de baixo custo, porém, para uma empresa que está se tornando maior pode não ser uma ideia tão boa, já que são diversos sites compartilhados na mesma rede, o que prejudica o desempenho se o seu site recebe muitas visitas.

Já a hospedagem dedicada, para uma empresa que está crescendo é uma boa alternativa, pois é apenas um servidor exclusivo para o seu site.

Porém, o preço alto pode fazer com que você pense duas vezes e fique com um pé atrás. E é aí que entra a hospedagem VPS, ou Servidor Virtual Privado. Basicamente, essa hospedagem é um meio termo entre as duas opções citadas.

O servidor VPS é um serviço dedicado virtual, tendo capacidade parecida com um servidor dedicado. Esse servidor também é compartilhado com outros sites, mas como ele é virtualmente particionado, uma conta de hospedagem não afeta as outras que dividem o mesmo servidor.

Ou seja, é um pouco das duas opções em uma só.

Quer saber quais os pontos que você deve analisar para contratar uma hospedagem de sites? Veja mais em nosso artigo!

Dicionário da hospedagem de sites

Como todo assunto específico existe uma linguagem também específica, a área de hospedagem de sites não é diferente e segue o padrão. Vamos explicar alguns termos técnicos em outra língua que você pode encontrar em textos e não se familiarize.

Web Hosting: Para quem sabe inglês o termo é bem simples e fácil de entender. Significa hospedagem de sites. É basicamente a referência geral que pega toda a área de hospedagens.

Host: Mais uma palavrinha em inglês e essa é um pouquinho mais complicada, pois pode ter vários significados dentro de uma frase. Mas de uma forma geral, host é um aparelho conectado a uma rede com um endereço de IP. Mas também pode ser sinônimo de hospedagem.

Uptime: O termo uptime significa o tempo que um servidor se mantém online e executa as tarefas que são designadas a ele. Essa palavra é muito usada, pois determina a eficácia do serviço feito.

CMS: Essa é a sigla para Content Management System. Ela se refere a softwares desenvolvidos por técnicos ao redor do mundo.

FTP: Ou Protocolo de Transferência de Arquivos. É a ferramenta que transfere arquivos para algum servidor de hospedagem.

SSH: Secure SHell. É um programa que permite o usuário ter acesso ao núcleo do sistema operacional. Sempre que você contratar um serviço de hospedagem de sites, você vai ter acesso ao seu servidor através deste programa.

Veja mais, caso você esteja interessado em aprender outros termos relacionados à hospedagem de sites!

Conclusão

Existem diversos tipos de serviços de hospedagens, inúmeras empresas oferecem esse serviço com diferentes preços e cabe a você determinar qual será o melhor custo benefício para o seu orçamento e o seu site.

Hospedagens gratuitas são oferecidas por provedores, mas geralmente não são a melhor opção. O recomendável é você pagar uma empresa para fazer esse serviço e não correr o risco de comprometer o seu conteúdo.

Escolha com sabedoria, se o tráfego do seu site é extenso, não poupe e utilize daquilo que for necessário para manter a qualidade do seu conteúdo online e disponível.

Já se a sua web está no começo e ainda não tem aquele apelo na internet, opte por uma opção mais rentável, que vai suprir às suas demandas.