App Store Optimization

App Store Optimization: descubra como otimizar seu aplicativo para aparecer primeiro

Você sabe o que é ASO? Essa técnica vai deixar seu aplicativo em primeiro lugar na App Store e no Google Play. Entenda!

O mundo nunca mais foi o mesmo desde o dia 7 de julho de 2008, data em que a primeira loja de aplicativos móveis, a App Store da Apple, foi lançada.

Desde então, os apps deixaram de ser novidade e se tornaram recursos comuns da nossa rotina.

Diante desse cenário, criar um app se tornou atraente também para empresas de todos os tipos, que encontraram uma nova forma de engajar, educar e fidelizar clientes.

O desafio é concorrer em um mercado tão competitivo, contra milhões de outros apps de vários tipos, que competem pela atenção e pelo espaço nos aparelhos dos usuários.

É aí que entra a app store optimization, a melhor forma de fazer com que o seu app apareça em primeiro lugar e atinja o maior número de downloads possível.

Está preparado para saber mais sobre o assunto? Então vamos lá!

O que é app store optimization?

Nunca ouviu falar no termo, mas ele lhe parece familiar? Provavelmente é porque você está relacionando App Store Optimization (também conhecido como ASO) com Search Engine Optimization (SEO), e essa relação faz todo o sentido.

Afinal, o objetivo do SEO é fazer com que o seu site seja encontrado mais facilmente por mecanismos de pesquisa  —  como o Google  —  e apareça em primeiro nos resultados de busca.

A ideia do ASO é a mesma: preparar seu aplicativo para aparecer em destaque nos rankings das lojas de aplicativo e, mais ainda, conquistar a atenção dos usuários em meio a tantas outras opções de diversas categorias.

10 dicas que você precisa usar agora para colocar seu aplicativo em primeiro lugar na app store

Otimizar o seu aplicativo para gerar downloads requer cuidado e atenção a vários fatores que influenciam diretamente na escolha dos usuários.

É preciso se lembrar que as nossas escolhas são motivadas, em vários momentos, por critérios que parecem secundários a princípio.

Por exemplo, a embalagem de um produto não determina sua qualidade, mas interfere diretamente na escolha dos clientes em uma prateleira de mercado, só pela percepção que causa.

O mesmo acontece nas app stores, ou seja, diversos pontos são analisados em questão de segundos, e os apps otimizados conforme as dicas a seguir têm chances muito maiores de ser baixados. Veja quais são elas:

1. Escolha um nome inesquecível

A escolha do nome parece não ter nada a ver com a colocação do seu app nos rankings da app store, certo? Mas tem sim, e muito!

A verdade é que um nome bem escolhido consegue despertar uma sensação boa no usuário.

Seja porque descreve bem a função que o aplicativo desempenha ou simplesmente porque é fácil de lembrar e agradável de pronunciar, um bom nome faz com que:

  • seu app seja encontrado mais facilmente por buscas diretas, que representam cerca de 63% dos downloads, segundo pesquisas;
  • seja mais fácil para um usuário recomendar o app a outros, e isso resultar em novos downloads.

2. Crie um logo marcante

O logotipo tem um papel tão importante quanto o nome, até porque ele também é usado para identificar o seu aplicativo e separa-lo de outros.

Quantas vezes você já viu alguém descrever um app tomando seu ícone como referência? Isso acontece por 3 motivos:

  1. muitos usuários prestam mais atenção no logo do que no nome;
  2. é possível que a pessoa se esqueça do nome e se lembre apenas das formas que observou no logo;
  3. existem muitos nomes parecidos, e o logo serve para diferenciar o app de forma definitiva.

3. Faça um bom trabalho com as palavras-chave

No quesito palavras-chave, vale lembrar que as duas principais app stores da atualidade, Google Play e App Store da Apple, têm regras e características diferentes, que precisam ser levadas em consideração.

Aliás, se você pretende colocar seu app em outras plataformas, como a Microsoft Store, vale a pena ver quais são as regras também.

Em resumo, a diferença do Google para a Apple é a seguinte:

  • Google Play: oferece 4.000 caracteres para que você faça uma descrição voltada para os usuários. No meio dessa descrição, a palavra-chave deve aparecer algumas vezes;
  • App Store: 100 caracteres disponíveis, que devem ser aproveitados para incluir as palavras-chave mais relevantes para classificar o seu app.

4. Escolha a categoria com precisão

A escolha da categoria vai impactar diretamente na colocação do seu aplicativo na app store, principalmente porque algumas são mais concorridas que outras.

Além disso, é preciso pensar como seus usuários e escolher a categoria que seja mais relevante para eles. Caso contrário, você perderá muitos downloads simplesmente porque as pessoas estão pesquisando por uma categoria e seu app está em outra.

A App Store da Apple tem ainda subcategorias que permitem aprofundar mais o nicho, algo que pode ajudar a diminuir a concorrência do seu app, ainda mais se ele for para uma atividade bem específica.

5. Descreva seu app com clareza

O que o seu app faz? Qual a sua proposta de valor? Por que vale a pena baixá-lo, em vez de dezenas (ou até centenas) de outras opções disponíveis? Se ele for pago, por que investir dinheiro na sua solução?

Tudo isso pode (e deve) ser respondido na descrição do seu aplicativo. Esse é o espaço que você tem para convencer os usuários e se apresentar como a melhor solução para eles.

Considerando que o tempo de decisão da pessoa é curto, seja o mais claro possível.

Não invente com palavras difíceis ou frases rebuscadas. Antes, seja direto e fale de maneira simples.

6. Use vídeos e imagens de alta qualidade

Parte do processo descrito acima, no qual você tem um espaço para convencer o seu público sobre o valor do seu app e persuadir tantas pessoas quanto conseguir a baixá-lo, também envolve usar imagens e vídeos.

Tire fotos da tela do seu aplicativo, de preferência na ordem em que elas aparecem para o usuário durante o uso. Isso vai ajudá-lo a entender como o app funciona antes mesmo de fazer o download.

Além disso, use um vídeo curto para explicar de forma mais dinâmica tudo que as palavras e imagens já dizem. Só não se esqueça de usar imagens de vídeos de alta qualidade!

7. Invista em divulgação fora da app store

Existem muitas estratégias que você pode usar para divulgar um aplicativo fora da app store e gerar tráfego para a página de download. Os principais são:

  • marketing de conteúdo: é possível produzir conteúdo no seu blog, bem como em blogs parceiros com links e CTAs bem elaborados direcionando para a loja;
  • links patrocinados: o Google Adwords já é antigo conhecido quando se trata de anúncios online, mas hoje existem também as redes sociais com diversos formatos para explorar;
  • mídias sociais: apostar no marketing por meio das redes sociais e até em canais como o WhatsApp pode ser uma forma poderosa de gerar tráfego para o seu app.

8. Incentive as avaliações dos usuários

As avaliações de usuários têm um peso enorme sobre as decisões dos usuários, pois servem como prova social e indicam o quanto o aplicativo é eficaz em realizar o que se propõe.

Por isso, incentive os seus usuários recorrentes, aqueles que já baixaram seu app e fazem uso dele no dia a dia, a avaliar a experiência e recomendá-lo a outros.

A maneira mais fácil e prática de fazer isso é por pedir uma avaliação enquanto os usuários estiverem no aplicativo, de preferência depois de perguntar se eles estão gostando da experiência.

Isso permite que, caso haja algum problema, qualquer sugestão ou crítica seja feita em particular, e não de forma pública.

9. Atualize o aplicativo com frequência

Apps atualizados com frequência passam uma impressão positiva para os algoritmos de rankeamento das app stores, pois eles entendem que o seu desejo é sempre melhorar a experiência do usuário.

Também causa uma boa impressão nos usuários, que percebem se tratar de um produto que recebe cuidado o tempo todo, não é um app abandonado.

Outro ponto positivo de atualizar o aplicativo é que isso ajuda a conseguir mais avaliações, já que muitos usuários aproveitam para deixar seus comentários sobre cada atualização.

10. Analise o seu desempenho

Avaliar o desempenho do seu app, por acompanhar a evolução dele nos rankings da app store, observar as avaliações deixadas pelos usuários e acompanhar o progresso das estratégias fora da loja é fundamental.

Com os dados vindos de todas essas fontes importantes, você conseguirá determinar a real eficiência da sua estratégia de ASO e saber no que precisa melhorar com o passar do tempo.

A regra é simples: analisar os dados, traçar planos com base neles e colocá-los em ação. Só assim você conseguirá resultados melhores de forma consistente.

Não basta ter um produto de qualidade, que entrega valor para o seu público, é preciso que ele seja encontrado e chame mais atenção que os outros. Por isso, a app store optimization, ou ASO, é indispensável para que o seu aplicativo tenha sucesso no concorrido mercado de aplicativos atual.

Quer se aprofundar no assunto e garantir que o seu app seja um sucesso absoluto? Então veja agora tudo que está envolvido em fazer marketing para apps!