Áudio Marketing: 6 maneiras de usar áudio para melhorar seus resultados de marketing

Áudio Marketing: 6 maneiras de usar áudio para melhorar seus resultados de marketing

Entenda a importância do Áudio Marketing na era do conteúdo digital e aprenda como usá-lo em seu site, blog, redes sociais e mais.

A maioria das pessoas ouve suas músicas, audiolivros e podcasts favoritos enquanto dirige. É seguro dizer que o conteúdo em áudio não é apenas uma grande parte de nossas vidas, mas uma ocorrência natural. Tanto que o Audio Marketing atualmente faz parte das estratégias de Marketing de Conteúdo de muitas marcas.

Desde tempos imemoriais, as pessoas confiam na palavra falada para comunicação e aprendizagem.

Nas últimas décadas, também testemunhamos uma grande mudança na comunicação por meio de dispositivos eletrônicos.

As empresas de TI e de tecnologia influentes estão competindo para criar assistentes pessoais baseados em inteligência artificial (IA) que entendem e cumprem nossos comandos de áudio com precisão.

Um estudo descobriu que 65% dos usuários disseram que fazem perguntas gerais regularmente aos seus assistentes pessoais de IA.

  • 40% usam para obter instruções enquanto dirigem;
  • 25% fazem chamadas;
  • 23% ditam textos ou e-mails;
  • 17% recebem atualizações;
  • 9% realizam outras tarefas, como definir lembretes de compromisso.

Essas novas tendências de áudio podem ser usadas para fins de marketing? Sim!

O Áudio Marketing é uma realidade também no mundo dos negócios digitais. Vem saber como aplicá-lo na sua estratégia!

Por que o Audio Marketing?

Você usa o marketing para popularizar o seu negócio, aumentar as vendas, aumentar o reconhecimento da marca, etc. Considere adicionar algo diferente às suas campanhas, algo que foi negligenciado até recentemente: o Áudio Marketing — que são as metodologias de conteúdo em áudio.

As mensagens visuais têm impacto, mas com o Audio Marketing não é diferente. Os profissionais de marketing precisam se adaptar ao comportamento das pessoas para alcançá-las.

Além disso, confiar apenas no texto e escrever artigos perfeitos para o marketing de conteúdo não é mais um diferencial. Assim, estratégias complementares de marketing de conteúdo devem ser consideradas.

A importância do áudio

As pessoas estão mais ocupadas do que nunca, por isso o conteúdo em áudio acaba sendo uma maneira convidativa de consumir conteúdo enquanto fazem multitarefas.

  • O Gartner prevê que até 2020, 30% das sessões de navegação dos consumidores serão mediadas por voz.
  • A transmissão de áudio sob demanda cresceu 76% em 2016, obscurecendo o fluxo de vídeo em mais de 250 milhões, de acordo com a Nielsen.
  • De acordo com o Google, a busca por voz está crescendo em popularidade. 20% das consultas por celular foram feitas em buscas por voz em 2017 e os números devem continuar a crescer.

O Audio Marketing também pode impactar a persona de uma empresa, tornando-os lucrativos para os profissionais de marketing. O conteúdo em áudio nos afeta de quatro maneiras:

  • Fisiologicamente: os sons influenciam diretamente o seu corpo, aumentando a frequência cardíaca, estimulando a secreção de vários hormônios, etc.
  • Psicologicamente: os sons influenciam as emoções, dependendo de vários estímulos. A música é o mais poderoso acionador de áudio emocional, permitindo que os ouvintes relaxem e iluminem seu humor, por exemplo.
  • Cognitivamente: ruídos desagradáveis ​​podem interferir na nossa concentração, resultando em menor produtividade. Ruídos de fundo impedem a compreensão de mensagens transmitidas. Assim como os sons harmônicos ajudam na concentração.
  • Comportamental: este aspecto é essencial, permitindo-nos criar sons e comunicar mensagens de áudio que incitam os clientes a seguir os nossos conselhos.

6 maneiras que os profissionais de marketing de conteúdo podem usar o Audio Marketing

Sites e Blogs

1. Grave seus artigos de blog e distribua-os como posts em áudio ou arquivos de áudio nas páginas

Permita que seu público-alvo escolha seu meio preferido de consumir o conteúdo. Ao fazer isso, você pode atrair novos públicos.

Um bom exemplo é criar posts em áudio no seu blog. Usando plataformas de áudio ou outras opções que se integrem ao seu blog/site, como o Vooozer, você pode criar uma experiência diferente para a sua buyer persona.

Você pode tirar ainda mais proveito do player de áudio e transformá-lo em um gerador de leads.

Além disso, é possível acompanhar uma série de métricas de consumo relevantes, como: quantidade de reproduções, taxa de reproduções completas, taxa de engajamento com o player e mais.

O próprio marketingdeconteudo.com já validou essa estratégia e atualmente publica diversos posts em áudio mensalmente. Quando a metodologia foi testada, foi constatado um aumento de 10% no tempo médio na página dos artigos que receberam a versão em áudio.

2. Melhore a navegação no site com áudio

Reproduzir áudio no seu site pode envolver mais seus visitantes e passar emoções distintas, mas é uma boa ideia somente se você tiver certeza de que ele pode ser desativado, para não incomodar os visitantes.

3. Registre e publique os depoimentos de seus clientes

O marketing de referência é uma forma de envolver seus clientes nos momentos exatos em que eles estão mais satisfeitos com sua marca, sua empresa e seus produtos.

Os tradicionais depoimentos que são coletados e publicados em texto podem ser feitos em áudio. Dessa forma seus clientes poderão transmitir melhor sua emoção e sinceridade e os visitantes do seu site poderão ser impactados positivamente com maior força.

Mídias Sociais

As mídias sociais são essenciais para sua estratégia de Audio Marketing. A questão é como criar um gancho para gerar engajamento como curtidas, compartilhamentos ou comentários.

Por exemplo, o Verge usa um elemento gráfico nos primeiros segundos de seus vídeos para permitir que o público saiba que precisa “ativar o som”.

Kit Marketing nas Redes Sociais

4. Use o Live Audio do Facebook

Você não deve limitar sua transmissão de áudio ao seu site ou blog. Se seus clientes usam o Facebook, use o recurso do Live Audio para transmitir sua mensagem diretamente.

Experimente todos os recursos que o Facebook lança, pois é a única maneira de saber se um novo recurso agrega valor ao seu negócio.

5. Use música para criar conteúdo de marca

Crie listas de reprodução em canais de streaming de música populares e distribua-os para seus clientes ou seguidores. Isso mostra sua personalidade de marca e atrai seguidores.

Por exemplo, a Pepsi tem o Pulse Pop, uma estação de rádio da marca no iTunes Rádio da Apple. Já a Toyota criou uma estação no Pandora com entrevistas exclusivas com artistas populares.

6. Use música como elemento de segmentação em anúncios pagos sociais

Cerca de 80% do seu público está usando uma plataforma de mídia social ou outra. Ao contrário das estratégias tradicionais de segmentação, a segmentação de anúncios em mídia social pode ser influenciada pelos hábitos de escuta de seus consumidores.

As principais plataformas de distribuição de música, como o Spotify, iHeartMedia e Pandora, estão criando tecnologias destinadas a veicular anúncios específicos e segmentados para ouvintes com base em seus gêneros musicais preferidos.

O vice-presidente de produto da Pandora, Jack Krawczyk, disse à AdWeek: “As marcas agora podem segmentar [informações do cliente] com o que a Pandora fez com comunidades multiculturais. É realmente permitir que as comunidades de publicidade ativem suas compras com maior integridade”.

Conclusão

As pessoas estão mais ocupadas do que nunca e cada vez mais pessoas aprendem ouvindo, enquanto fazem multitarefas. O conteúdo de áudio pode ser perfeito para o marketing de sua empresa ou marca.

Você já utiliza o Audio Marketing na sua estratégia de marketing de conteúdo? Quais tipos de áudio você acha mais eficaz na mixagem de escrita com conteúdo de áudio? Conte para nós nos comentários!

Este post foi escrito pelo Vooozer, uma startup de Audio Marketing que já ajudou a Rock Content a aumentar em 10% o tempo médio na página e a Resultados Digitais a aumentar a captação de leads em 7%.

ebook geração de lead

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo