pessoas conversando

Como aumentar o engajamento no seu blog e redes sociais?

Você quer descobrir como aumentar o engajamento da sua marca no seu blog e redes sociais mas não sabe como? Aprenda aqui como ampliar sua presença online!

A essa altura, você já deve saber que as redes sociais são extremamente importantes para toda estratégia de marketing digital por aumentarem a visibilidade dos negócios e oferecerem a oportunidade de expandir o engajamento com os consumidores.

Entretanto, somente estar nelas não traz bons resultados. É preciso estar ativo e em constante interação com o público.

Segundo a pesquisa Social Media Trends 2017, 92,1% das empresas brasileiras já estão presentes nas redes sociais e 60% avaliam esses sites como muito importantes, mas apenas 34,6% se consideram eficazes nesse território.

Espantoso, não é mesmo? A questão é que, mesmo se tratando de um espaço descontraído, muitas delas não levam essas plataformas a sério e acabam frustradas por falarem sozinhas — o que já é, por si só, uma resposta negativa da audiência.

Para evitar isso, é essencial adotar uma estratégia eficiente nas mídias sociais. Só assim você consegue curtidas, comentários e compartilhamentos que vão criar um espaço realmente capaz de alavancar as suas vendas e os seus serviços.

Quer saber mais? Então, continue a leitura e confira como aumentar o engajamento nas redes sociais!

Por que o engajamento nas redes sociais é importante?

Engajamento define qualquer interação que um usuário tem com a sua marca, seja por meio de uma curtida, comentário ou compartilhamento de uma postagem.

Os seguidores engajados formam uma audiência que gosta e confia na sua marca, e são a base para uma comunidade que vai curtir, comentar e compartilhar as suas publicações.

Com alguns fãs, você já consegue alguns benefícios, como:

Como você pode perceber, é um ciclo contínuo até conquistar tais vantagens, e quanto mais atenção for dada à quem te segue, mais seguidores chegarão até você.

Essa continuidade depende da construção de um relacionamento duradouro e de uma comunicação de mão dupla. Ou seja, é preciso estar presente e manter um diálogo, dizendo o que a sua marca quer e escutando o público na mesma proporção.

Um problema inicial é chamar a atenção para atrair os primeiros fãs, considerando o alcance orgânico pequeno nas mídias sociais e a competição acirrada não só com outras empresas, mas com o mundo do entretenimento.

Para vencer essa batalha, você pode aplicar algumas técnicas que vão cativar os usuários, engajar a sua base e trazer mais seguidores. Vamos lá?

Como aumentar o engajamento nas redes sociais?

Mesmo que nas redes sociais possa ter uma abordagem mais leve e divertida, é difícil ser espontâneo o tempo todo.

Sem preparo, você provavelmente vai acabar tendo posts desalinhados entre si e apenas alguns com um resultado legal. As mídias sociais devem ser consideradas a longo prazo. Então, não basta estar lá e publicar de vez em quando.

Por isso, existem alguns passos que você pode tomar para desenhar a sua estratégia e diversificar e deixar as suas publicações consistentes com a sua marca!

Conheça a sua persona

Uma das etapas iniciais na elaboração de toda ação de marketing é conhecer o público que será atingido por ela. Aqui não seria diferente.

Entretanto, definir um grupo de pessoas acaba sendo muito abrangente e não dá profundidade suficiente para direcionar a sua produção. Entre tráfego e conversões, muitos profissionais se esquecem das pessoas reais do outro lado.

Por esse motivo, pode ser melhor adotar o conceito de persona: a representação semi-fictícia do seu cliente ideal. Trata-se da criação de um personagem que tenha relação direta com quem a sua empresa deve dialogar.

Ao fazer isso, é possível conhecer as suas dores, os seus objetivos e o seu universo de forma complexa.

Melhor ainda: com a persona, você consegue identificar qual tom utilizar, sobre o que falar, ter uma abordagem pessoal e saber em quais canais os seus possíveis clientes estão, considerando tanto os seus gostos pessoais quanto os aplicados no meio digital.

Para criar sua persona, você pode usar o Fantástico Gerador de Personas! Ele vai traçar um perfil ideal para sua empresa.

gerador de personas

Considere isso: a sua empresa não precisa estar em todas as plataformas. Concentre os seus esforços nas que tenham maior chance de interação, OK?

Compartilhe conteúdos relevantes

Se você conhece o marketing de conteúdo, já tem noção do poder que os textos possuem na aquisição de leads.

O princípio é pensar no que a sua persona precisa de ajuda, fazer com que ela chegue até a sua empresa de forma amigável e, em um passo adiante, colocar o seu produto ou o seu serviço como uma solução.

O mesmo serve para as redes sociais. Trata-se de ajudar os seus seguidores a encontrarem o que procuram e a resolverem os seus problemas.

Compartilhe conteúdos próprios e que possam acrescentar algo a eles, seja por meio de tutoriais de como resolver algo ou da explicação de uma dúvida, por exemplo.

Assim, você consegue aumentar o seu alcance nas redes sociais, otimizar as conversões para o seu blog e, consequentemente, aumentar o seu tráfego. Você sai ganhando de toda forma!

Aproveite, também, para publicar novamente alguns materiais, desde os mais recentes, até os evergreens. De acordo com a empresa de marketing CoSchedule, isso pode trazer 3.150% mais visitas!

Se ele ainda é interessante para o leitor, dê mais uma chance e troque apenas as legendas para não ficar repetitivo.

E não compartilhe somente conteúdos da sua autoria. Caso você assine algumas newsletters, já deve ter visto que algumas delas adotam um estilo de curadoria, compartilhando dicas e novidades de outras marcas.

Isso permite que você estabeleça boas conexões com outras empresas e se posicione como um expert no setor, podendo render guest posts e novas parcerias.

Na hora de procurar alguns conteúdos, o Feedly e o Pocket podem te ajudar a armazenar textos interessantes e deixá-los salvos para outro momento.

Você também não precisa se limitar a esse formato de conteúdo. Compartilhe, também, notícia, cases de clientes e quotes inspiradores e dê algumas opiniões sobre o mercado.

Não se esqueça: quando postar em qualquer canal, pense se a sua persona acharia a publicação relevante o suficiente para valer o seu like, comentário ou compartilhamento.

Seja visual

É um mais fácil compartilhar textos e links. Porém, invista em produções audiovisuais, como GIFs, vídeos e imagens, uma vez que elas são mais consumidas e têm um alcance bem maior.

Quanto aos vídeos, publique-os nas próprias plataformas, como o Twitter e Facebook. Mas depois os coloque no YouTube para dar uma força na sua estratégia de SEO.

Para você ter ideia, são contabilizadas mais de 100 e 500 milhões de horas diárias assistidas no Facebook e no YouTube, respectivamente, e 82% dos usuários do Twitter também assistem a vídeos no próprio site.

Invista em publicações acompanhadas de GIFs, imagens e infográficos. Conteúdos visuais são bem mais atrativos e, em meio a tanta informação, fazem total diferença no feed de notícias. Isso é fato: tais posts performam em média 4,4 vezes melhor que textos puros.

Além disso, para diversificar as suas atividades em cada rede social, uma ótima iniciativa é reaproveitar textos e transformá-los em banners e infográficos.

Você não precisa ser um mestre do design para conseguir boas imagens. Algumas ferramentas podem te ajudar na criação, como:

Crie chamadas cativantes e com apelo emocional

Além dos conteúdos textuais e audiovisuais, você pode (e deve!) utilizar as legendas para aumentar o seu engajamento nas mídias sociais.

Ao definir a sua persona, você vai entender os seus objetivos e as suas dificuldades, e nada melhor do que aproveitar o seu desejo com uma chamada emocional que vai ajudá-la a entender o problema que tem ou apresentar uma solução para ele.

Mostre claramente os benefícios que o usuário vai ter com a sua publicação e provoque a sua curiosidade. Alguns exemplos:

  • “Como fazer chamadas que vão te ajudar a aumentar o seu engajamento? A gente te ajuda em nosso post!”;
  • “8 maneiras de criar chamadas para aumentar o seu engajamento nas redes sociais”;
  • “Qual é a melhor forma de criar chamadas atrativas nas redes sociais e aumentar o seu engajamento? Descubra aqui!”.

Só tenha cuidado com promessas que você não consegue cumprir, que causam o efeito contrário e se tornam clickbait, combinado?

Apresentar dados também tem efeitos positivos, assim como números quebrados. Quanto mais inusitado, melhor o impacto.

Note que o BuzzFeed não costuma dar 5 ou 10 dicas. Eles preferem quantias como 17 e 21, justamente por serem quantias mais chamativas.

Outra coisa que você pode ter notado é que, nas chamadas acima, adicionamos alguns call to actions (CTAs ou chamadas para ação que indicam o que o usuário deve fazer). Use os CTAs e peça para clicarem, curtirem, comentarem ou compartilharem com os amigos.

Inclua, também, algumas hashtags para aumentar o seu alcance. Evite colocá-las em excesso e as mantenha dentro do contexto, curtas e memoráveis. Uma boa jogada é criar uma própria para a sua marca e registrar as suas publicações.

Considerando algumas das razões para compartilhar, 84% das pessoas compartilham informações como uma forma de ajudar aquilo que se importam, enquanto 69% fazem isso para se sentirem mais envolvidas com o mundo.

Apoie causas sociais e esteja atualizado com os acontecimentos mundiais. Não tenha medo de ter um posicionamento, mas seja educado e mantenha o devido respeito.

No mais, você pode usar as redes sociais com a função de entreter. Não há problema algum apostar no humor, desde que o seu público esteja aberto a essa abordagem.

O clima leve pode ser aproveitado com o uso de emojis nas legendas também, que estimulam reações, dão personalidade à página e aumentam o índice de curtidas em 57% e de comentários, em 33%.

Tenha um calendário de publicações

Agora que já falamos de todos os componentes de uma publicação, você precisa saber do quanto um calendário bem definido é necessário.

Nem todo dia você terá uma ideia brilhante para um post. Então por que não se programar antes?

Por esse motivo, é extremamente recomendado deixar tudo preparado com antecedência, dialogando com o lançamento de um produto ou com a liberação de um conteúdo no blog.

E, claro, não utilize o seu planejamento como uma lei irrefutável. É preciso explorar oportunidades nas redes sociais. Então, se sair alguma notícia impactante, tenha certa flexibilidade para incluir novos assuntos e acertar no buzz.

Dentro das opções, é possível definir dias e horários adequados para as publicações. Com base em uma pesquisa da CoSchedule, separamos as melhores ocasiões e frequência para você consultar.

  • Facebook: de quinta-feira a domingo, durante o meio da manhã e início da tarde, com 1 ou 2 publicações diárias, em média. Tente fazê-las com clima mais alegre na sexta-feira;
  • Twitter: quarta-feira, durante o meio e final da tarde, com 15 tweets diários, em média. Se a sua empresa é B2C, priorize os finais de semana e os horários fora do expediente;
  • LinkedIn: de terça a quinta-feira, durante o horário de trabalho, com 1 publicação diária, em média;
  • Instagram: na segunda e na quinta-feira, durante a madrugada e o início da manhã, e no final da tarde, com 1 ou 2 publicações diárias, em média;
  • Pinterest: no final de semana, durante o meio da manhã e o início da tarde, com 11 pins diários, em média. Priorize conteúdos relacionados a comida e viagens e evite pins nas horas de trabalho;
  • Google+: quarta-feira, durante o meio da manhã até o final dela, com 2 publicações diárias, em média. Dificilmente você vai conseguir engajamento por lá, considerando que a maioria dos usuários são fantasmas. Mas o conteúdo pode auxiliar no SEO.

Esses dados são compilados de diversas experiências, mas cada público tem uma recepção diferente. Portanto, faça testes até achar a sua frequência, os seus dias e os seus horários ideais.

Se você quer aumentar o alcance, faça mais publicações e, para não diminuir, não deixe de publicar ao menos 1 vez durante a semana.

Inicie os diálogos

Parte dessa preparação acima é pensar nos momentos estratégicos para uma conversa direta com outros membros da comunidade e com os seus seguidores.

Uma prática muito comum entre os blogs são os guest posts, nos quais uma marca publica um conteúdo no blog de um parceiro.

Ao divulgar um artigo ou um infográfico de outro negócio, dê os créditos e marque ele na publicação para aparecer no feed dos seguidores dele.

Isso não se resume somente ao mundo corporativo. Você deve marcar e interagir com influenciadores digitais da sua área para aumentar a sua visibilidade e a sua reputação on-line.

Aproveite, também, a comunidade da sua indústria e faça parte de grupos e de fóruns de discussão com profissionais do ramo para mostrar o seu conhecimento.

Eles já são bem populares no LinkedIn e no Facebook e podem render bons resultados ao tornar a sua empresa uma autoridade do meio, ao criar boas conexões e, inclusive, a fazer benchmarking para redes sociais.

Além disso, chame os seus seguidores para conversar. Faça jogos, pesquisas e questionários para aumentar o engajamento por meio de comentários. Vale desde uma pergunta sobre algo que está acontecendo no seu mercado até um quiz de Game of Thrones.

Também é válido montar uma sessão de perguntas e respostas, um Q&A, na qual você pode conversar diretamente com o seu público sem interrupções por certo período de tempo, por meio de um webinar ou de um bate-papo.

Escute tudo o que falarem, porque podem gerar insights para uma nova campanha ou até mesmo otimizar algum serviço.

Você também já deve ter visto alguns sorteios e competições, principalmente no Instagram. Para conseguir mais seguidores e compartilhamentos, sorteie algum produto ou serviço e divulgue a sua marca para novas pessoas. Essa é uma ótima tática para um lançamento.

Faça um atendimento de 1ª linha

Não sei se você já escutou sobre SAC 2.0, mas certamente já viu algumas pessoas usarem as redes sociais para reclamar sobre algumas empresas, certo?

Nelas, se encontra a oportunidade de resolver a demanda do consumidor e ainda melhorar a sua percepção de mercado.

Para tal, você pode criar um canal de suporte e ajudar todos que precisarem. A dica é ser sempre rápido e gentil com quem chegar até lá.

Se preferir, pode até pedir para mudar o atendimento para um local mais privado, como um chat, mas nunca deixe de responder uma solicitação.

Não só para lidar com problemas, você deve se mostrar presente e interagir agilmente com quem engajou com a sua marca, seja por meio de uma reclamação, um elogio ou uma dúvida.

Todavia, muitos usuários não vão te chamar diretamente na sua página e vão escrever sobre a sua marca no seu perfil pessoal. Por isso, é importante monitorar o que está sendo falado constantemente sobre o seu negócio.

Algumas ferramentas de monitoramento podem te auxiliar, como:

A chave de ouro é não ser um fantasma: mostre que você está lá e que liga para o consumidor. Além disso, evite respostas frias e seja humano, uma vez que as redes sociais trabalham com uma dinâmica de relacionamentos.

Para aprender como realizar um atendimento humanizado e que cause boa impressão em seus clientes, baixe nosso Manual de Boas Práticas no Atendimento ao Cliente!

Deixe seu blog e anúncios otimizados

Além do trabalho direto nas plataformas, você deve manter o seu blog e os seus anúncios otimizados para os compartilhamentos.

Em seu site, tenha botões com essa função, que você pode conseguir com alguns plugins, como o Monarch e o Easy Social Share Buttons for WordPress, caso você utilize o WordPress.

Coloque, também, alguns CTAs de compartilhamento nas redes sociais no final dos seus conteúdos. É só pedir para o leitor compartilhar com os seus amigos nas redes sociais, por exemplo.

Quanto aos ads, as redes sociais são incríveis para fazer remarketing com potenciais clientes que já demonstraram interesse nas suas ofertas.

Há maior engajamento naquilo que as pessoas querem e já estão familiarizadas. Isso aumenta as suas taxas de conversão dos anúncios.

Como avaliar o engajamento nas redes sociais?

Depois de tantas técnicas para aumentar o engajamento nas redes sociais, você deve estar curioso para saber como medir a sua performance.

Após qualquer ação digital, você deve identificar como ela se comportou dentro da sua estratégia, enxergar o que traz bons resultados, repetir o que funciona e testar com novas variações. Assim, dados são essenciais!

Ao avaliar, escolha as métricas de redes sociais de acordo com os seus objetivos.

Imagine que você quer aumentar as vendas do seu e-commerce. Então, é interessante verificar a taxa de conversão das suas publicações, correto?

Já na fase de interpretação, sempre relacione as quantias entre si para não cair em métricas de vaidade, que apresentam informações vazias.

Um tipo clássico são muitas curtidas na página, mas que não representam nada por virem mal acompanhadas de outras interações.

Métricas de engajamento nas redes sociais

  • Facebook:
    • alcance;
    • cliques em links;
    • comentários;
    • compartilhamentos;
    • curtidas e reações;
    • curtidas orgânicas;
    • curtidas pagas;
    • índice de seguidores;
    • e menções.
  • Twitter:
    • cliques em links;
    • curtidas;
    • impressões orgânicas;
    • impressões pagas;
    • mensagens diretas (DMs);
    • menções;
    • replies;
    • e retweets.
  • LinkedIn:
    • cliques em links;
    • comentários;
    • compartilhamentos;
    • curtidas;
    • impressões orgânicas;
    • e impressões pagas.
  • Instagram:
    • alcance de lives;
    • alcance de stories;
    • comentários;
    • engajamento por hashtag;
    • e engajamento por post.

É recomendado que os dados sejam analisados comparativamente com o alcance das suas publicações e com o número de seguidores, criando taxas que revelam como os seus seguidores estão interagindo com as suas publicações e com a sua página.

Outra métrica possível de ser analisada em todos esses canais é a taxa de crescimento de audiência, tornando perceptível o quanto as suas ações de social media estão repercutindo e trazendo novos fãs.

Se você quer ver como as mídias sociais trazem mais público para os seus sites e os seus blogs, há também como utilizar o Google Analytics e visualizar o tráfego proveniente de cada canal.

Além disso, defina uma frequência para a criação dos seus relatórios, podendo ser mensal, trimestral, semestral… Fica a seu critério, desde que a evolução na sua estratégia fique clara.

Só assim você consegue comprovar o seu retorno sobre investimento (ROI) e tirar a limpo o quanto as redes sociais colaboram para o seu negócio.

Em suma, social media é como um relacionamento a longo prazo: é preciso dedicação, planejamento, ver o que está dando certo e sempre se preocupar com o outro.

Com as ferramentas ideais, é possível criar uma linha aberta de comunicação, expandir a visibilidade e o reconhecimento da sua marca e criar uma experiência fantástica do cliente.

Contudo, não espere que um post espontâneo vá mudar tudo. É preciso se comprometer e testar até achar o que funciona para sua marca. Por isso, tire um tempo para montar uma estratégia fiel à personalidade da sua empresa.

 

Agora que você entendeu como aumentar seu engajamento nas redes sociais, entenda como criar campanhas e as particularidades que vão te fazer ter sucesso em cada uma das redes sociais com nosso ebook Tudo sobre marketing nas Redes Sociais.

kit de marketing nas redes sociais

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo