Como escrever bem

Como escrever bem: 13 dicas para fazer textos incríveis

Você sabe como escrever bem? Aqui te passamos algumas dicas incríveis para você produzir textos incríveis e encantar seus leitores!

“Como escrever bem?” Essa dúvida paira sobre a cabeça de muitos quase como um enigma impossível de decifrar, como se essa habilidade fosse reservada a um seleto grupo de “escolhidos”.

É claro que alguns escritores — principalmente autores mundialmente reconhecidos — têm uma habilidade fora do comum e são capazes de criar materiais realmente memoráveis.

Mas isso não quer dizer que produzir bons conteúdos seja impossível para quem não tem essas características. Pelo contrário: escrever bem é uma arte que pode ser aprendida e aperfeiçoada. Basta ter a atitude certa e seguir as melhores práticas para isso.

E, felizmente, é exatamente isso o que vamos te ensinar. Neste post, você vai aprender:

  • o que é escrever bem;
  • por que vale a pena escrever bem;
  • como escrever bem: 13 dicas imperdíveis para aplicar desde já.

Vamos lá!

O que é escrever bem?

Antes de mais nada, vamos entender o que significa escrever bem. O conceito é bem simples: produzir um conteúdo de qualidade para o público que você deseja atingir.

Isso pode parecer óbvio, mas é um dos primeiros erros que a maioria das pessoas comete ao escrever.

Por exemplo: produzir um post para web com a mesma linguagem e estilo de escrita que usaria em um livro impresso geralmente não vai dar bons resultados.

Por isso, é importante se lembrar de que escrever bem envolve mais do que usar as normas gramaticais corretas. Aliás, em alguns casos, é até bom quebrar essas regras (como vamos ver mais a frente).

O principal é cumprir o objetivo ao qual o conteúdo se propõe  —  seja ele contar uma história ou ensinar um passo a passo  —  e respeitar sempre os costumes do formato usado para isso.

Como este blog é focado mais em conteúdo para a web, esse vai ser o foco das dicas. Mas nada impede que você aplique esses princípios para expandir as suas habilidades.

Por que vale a pena escrever bem?

Aprender a escrever bem dá trabalho, mas isso não significa que o esforço não vale a pena.

Pensando bem, esse é um dos fatores que faz com que a boa escrita seja tão valorizada, já que, além de extremamente útil, ela também é uma habilidade relativamente escassa no mercado.

Pense bem: quantos são os profissionais qualificados, até em posições de destaque, que não sabem se comunicar com clareza ou elaborar um bom conteúdo escrito?

O fato é que quem se empenha para escrever com destreza colhe frutos valiosos, como:

Clareza de pensamento

Quem escreve bem consegue organizar os próprios pensamentos com maior facilidade, já que isso é necessário na hora de produzir um texto.

Assim, aprender a produzir um conteúdo de qualidade, bem formatado e com ideias alinhadas de forma coerente, pode ser útil também na hora de resolver um problema ou de montar a apresentação de um novo projeto para o seu chefe.

Poder de persuasão

persuasão é uma das armas mais incríveis que alguém pode ter a seu favor, não é mesmo?

Pois escrever bem é um dos caminhos mais fáceis e completos para ser mais influente. Afinal de contas, esse é o papel de quem produz conteúdo: espalhar uma ideia e convencer os leitores de que ela merece atenção.

Conforme melhora a sua capacidade de convencimento por meio das palavras escritas, vai ser mais fácil fazer isso quando tiver de conversar com outros face a face.

Crescimento profissional

O crescimento profissional é um dos fatores mais importantes em boa parte das nossas decisões.

Muitas vezes deixamos de lado algum plano por outro que parece ser mais vantajoso em sentido profissional, seja a curto ou a longo prazo.

Se você também baseia as suas decisões no efeito que elas terão na sua carreira, vai ficar feliz de saber que saber escrever é uma alavanca e tanto para ter mais sucesso.

Podemos destacar pelo menos 3 portas do marketing digital (sem contar as incontáveis outras atribuições em outros segmentos) que se abrem para quem sabe como escrever bem:

Seja um Redator da Comunidade Rock Content

Como escrever bem: 13 dicas imperdíveis para aplicar desde já!

Depois de entender bem os porquês de saber como escrever bem, você deve estar ansioso para aprender alguns truques e boas práticas que te ajudarão a chegar no patamar que deseja.

E, como não queremos que você fique decepcionado, vamos ver juntos nada menos do que 13 dicas imperdíveis para que você consiga aperfeiçoar cada vez mais a sua escrita.

Está pronto para começar? Muito bem! Para escrever bem, é essencial que você:

1. Esqueça a ideia de que escrever bem é uma habilidade mágica

Já dissemos isso, mas é sempre bom reforçar, até porque a sua mente pode querer desistir quando sentir que as coisas estão complicadas.

De uma vez por todas, esqueça a ideia de que escrever é algo complicado demais ou que poucos podem produzir um conteúdo valioso.

Ter facilidade de escrever ajuda bastante, é verdade. Mas, se esse não for o seu caso, não desista!

2. Leia muito

Quem quer escrever bem precisa ter o hábito de ler bastante, e isso ninguém pode negar. Por ter o costume de consumir informação, vai ser bem mais fácil:

  • criar narrativas interessantes para o seu público;
  • conhecer bem o gênero ou o canal para o qual vai escrever;
  • expandir o seu vocabulário (algo muito importante na boa escrita);
  • acostumar-se a lidar com uma quantidade grande de palavras sem sentir dor de cabeça.

3. Não tenha preconceito com o que lê

Será que, para escrever bem, você precisa ler apenas os grandes autores de renome mundial? É claro que não! Basta aprender um pouco sobre o que cada material lido pode acrescentar na sua jornada.

Em vez de buscar apenas livros sobre o aprimoramento da escrita, leia também livros, jornais, artigos e revistas de temas variados.

Isso vai ajudar a despertar a sua curiosidade sobre as diferentes formas de produção de conteúdo, aumentar o seu conhecimento e estimular a sua criatividade.

4. Crie o hábito de escrever

Você pode ler o quanto quiser, mas nunca vai saber como escrever bem de verdade se não começar a fazer isso na prática.

A leitura dá uma boa base. Mas colocar a caneta no papel (ou, provavelmente, as mãos no teclado) é que vai fazer com que os conceitos aprendidos na teoria ganhem vida e passem a fazer parte de você.

Quanto mais você exercitar a sua escrita, melhor vai se tornar nela. Então, deixe a vergonha de lado e coloque as suas mãos à obra!

ebook de copywriting

5. Leia em voz alta o que escreve

Se você nunca fez isso ao corrigir um texto, vai perceber o quanto ler o que escreveu em voz alta pode ser valioso para encontrar erros e frases que podem ser refeitas.

Durante a escrita, o fluxo de ideias pode nos levar a conversar com o leitor de uma forma que nem sempre é a mais lógica ou compreensível, e ler em voz alta aumenta as chances de perceber esses trechos e de corrigi-los rapidamente.

6. Vá direto ao ponto

Em vez de ficar enrolando para dizer o que o leitor quer saber, vá direto ao ponto.

Pode ser que você já tenha lido sobre a importância de ter conteúdos profundos, especialmente quando se produz para a web, mas isso não significa encher o texto de parágrafos sem propósito.

Um texto conciso e claro gera bem mais valor para o leitor, e esse deve sempre ser o objetivo.

7. Aprenda a amar a gramática

A gramática pode parecer seu inimigo número 1, mas é porque você está olhando para ela do ponto de vista errado!

Boa gramática não quer dizer escrever com palavras difíceis e linguagem extremamente formal. Por isso, encontre uma forma divertida de aprender as regras e evitar os erros mais comuns.

Com o tempo, você dominará até detalhes mais complexos.

8. Escolha boas ferramentas para o dia a dia

Não tem tanta facilidade com a gramática ainda? Use um corretor ortográfico para pegar os erros que você deixar passar.

Repete palavras demais no seu texto? Que tal usar um dicionário de sinônimos para evitar esse problema?

Seja qual for a sua dificuldade, existem ferramentas úteis que podem ajudá-lo a escrever melhor.

E aqui vai um pequeno segredo: mesmo quem já é experiente em produzir conteúdo também usa grande parte dessas ferramentas todos os dias!

Central de ferramentas de marketing, vendas e gestão

9. Compreenda bem as regras para depois quebrá-las

Aprendeu as regras que compõem um texto bem escrito? Agora já pode quebrá-las! Isso mesmo, você não entendeu errado.

Por exemplo: um cartunista desenha formas exageradas, mas os seus desenhos só fazem sentido porque ele conheceu bem a anatomia em um 1º momento.

Com o conhecimento prévio que adquiriu, ele pode exagerar as proporções das suas figuras com maestria e fazer uma obra de qualidade.

Com a escrita acontece o mesmo: depois de entender bem como funciona a escrita, é possível inovar e escrever de formas mais interessantes para o seu público.

10. Crie gatilhos que mantêm a pessoa interessada no conteúdo

Ao longo do seu conteúdo, é importante que o interesse dos leitores seja cada vez maior. Para isso, é preciso criar gatilhos que mantenham o tema relevante para ele.

Por isso, na transição de intertítulos ou em pontos-chave da leitura, crie gatilhos que deixem a pessoa querendo mais, e não com a sensação de que já aproveitou tudo que podia.

11. Escreva o seu texto como se produz um filme

Você sabe como é que se produz um filme? Com o roteiro pronto, o diretor não filma da 1ª até a última cena exatamente em sequência.

É criado um cronograma de filmagens, e muitas vezes o início do filme é rodado por último. Só na edição é que as peças se encaixam e a história é colocada na ordem certa.

O seu texto pode ser feito da mesma forma, ou seja, em vez de escrever da introdução até a conclusão, sem pular partes, uma opção é produzir os blocos separadamente.

Por exemplo: você pode montar a estrutura do conteúdo, mas escrever 1º os intertítulos mais importantes, os que tiver maior facilidade.

Esse método ajuda a evitar os temidos bloqueios, já que favorece o ritmo da produção com os trechos que forem mais interessantes de escrever no momento.

12. Torne-se mestre na arte da edição

Não foi sem motivo que falamos da edição de um filme. É nessa etapa que todo o material em excesso é cortado, as cenas são colocadas em ordem e o filme ganha a sua versão final.

Da mesma forma, um texto realmente bem escrito é aquele que passa por um processo de edição cuidadoso, no qual se cortam as palavras desnecessárias e se eliminam os erros de linguagem.

Sendo assim, quer escrever bem? Aprenda a editar o que produz.

13. Desenvolva um estilo de escrita

Por último, mas não menos importante, é essencial que você desenvolva o seu próprio estilo de escrita. Uma das características que distinguem os bons escritores é a sua forma única de se comunicar.

Assim como se reconhece um cantor pelo seu conjunto de características, da mesma forma acontece ao identificar o produtor de conteúdo.

Copiar o estilo de outra pessoa seria o mesmo que ser um cantor cover, ou seja, produz resultados limitados. O ideal é encontrar a sua própria forma de escrever, e outros logo reconhecerão você por conta disso.

Agora que você já sabe como escrever bem e o quanto isso pode ser importante, tanto para a sua carreira quanto para a vida pessoal, é importante não deixar o seu treinamento para depois. Quanto antes começar a seguir essas dicas, mais rápido será o seu desenvolvimento!

Uma das melhores formas de treinar é escrevendo, e nada melhor que usar um blog próprio para isso, certo? Veja agora o passo a passo para criar o seu próprio blog!

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo