Táticas para crescer sua lista de emails

Conheça 27 táticas para crescer a sua lista de emails de forma acelerada

Saber como crescer a sua lista de emails de forma orgânica e rápida pode ser um grande diferencial para a sua estratégia de marketing online. Por isso, aproveite para conferir as melhores dicas que separamos sobre o assunto!

Estar mais próximo aos seus clientes e prospects é algo muito importante para que uma empresa tenha sucesso em suas vendas. E é aí que entra o Marketing Digital e suas mais variadas estratégias para promover essa proximidade.

Uma delas é o email marketing.

Imagino que você já saiba a importância de investir nele, certo? Afinal, ele é utilizado por 92% dos adultos online e possui um ROI significativo.

E para uma boa estratégia de email marketing, é preciso construir e fazer crescer a sua lista de emails, o que deve ser feito de forma orgânica.

Ou seja: nada de comprar listas de emails! Embora muitas pessoas acreditem que seja uma boa ideia, essa estratégia não funciona, pois além de invasiva, não promove engajamento.

Por isso, neste texto vamos apresentar 27 maneiras de você crescer a lista de contatos da sua empresa organicamente, conseguindo bons resultados na sua estratégia de email marketing.

Vamos lá?

1. Tenha uma boa oferta

O primeiro ponto essencial é ter uma oferta diferenciada e clara. Seja objetivo e mostre o valor do que você tem a oferecer.

Atualmente as pessoas estão em contato com uma vastidão de informações, então a sua oferta tem que se destacar o suficiente para que o usuário seja atraído por ela.

2. Elabore bons ebooks

A elaboração de materiais ricos fará toda a diferença, pois eles são extremamente valiosos para o usuário. Um dos mais simples formatos de materiais ricos são os ebooks.

E não se engane: simplicidade não é sinônimo de ineficiência. Pelo contrário, os ebooks estão entre os materiais mais ofertados pelas empresas e mais úteis para o usuário. Portanto, crie ebooks de diferentes temas e níveis de dificuldade para sua audiência.

3. Promova webinars

Os webinars são outra categoria de material rico e seu diferencial está em ser um formato em vídeo, ao vivo e com possibilidade de interação do usuário.

O vídeo é um dos formatos de conteúdo mais valorizados atualmente e proporciona uma boa experiência para o usuário, portanto o webinar entra nesse cenário como um recurso inteligente que as empresas podem investir tanto para captação quanto fidelização de clientes.

4. Considere criar um curso (ou treinamento) online

Cursos e treinamentos online oferecem chances únicas para o usuário aprender sobre um tema de forma fácil e prática, já que pode fazer tudo pelo computador e de sua própria casa.

Assim, você pode oferecer um curso ou treinamento sobre temas relevantes para seu público. A profundidade e o que será abordado fica a seu critério, tudo depende da estratégia que quer seguir.

O curso pode também ser oferecido em diversos formatos, como email, vídeos prontos ou até mesmo treinamentos ao vivo. Tudo depende, novamente, dos seus objetivos.

5. Ofereça blog posts populares para download

Já parou para pensar que aqueles seus blog posts avançados ou os que mais geram tráfego são de grande valor para o usuário? Nesse sentido, pode ser extremamente relevante para esses usuários ter o conteúdo sempre com eles.

Por isso, disponibilize estes posts para download em PDF por meio de um formulário ou CTA simples. A sugestão é começar pelos seus posts com mais acesso (basta conferir quais são eles no Google Analytics) e pelos que estão no calendário de divulgação nas redes sociais ou impulsionamento por meio de anúncios.

Essa estratégia já trouxe resultados positivos inclusive aqui no blog. Confira como é feito:

crie pdfs para crescer a sua lista de emails

Deseja ofertar seus blog posts em PDF de forma simples e prática? Utilize o Rock Convert, nosso plugin gratuito para WordPress!

6. Crie uma ferramenta gratuita

Já pensou o quanto as pessoas precisam de recursos no dia a dia delas, seja no trabalho ou na vida pessoa? Não é a toa que o número de aplicativos funcionais cresce cada vez mais.

Portanto, criar ferramentas úteis para sua persona pode ser uma ótima oferta e que gera um grande valor. Mas, é claro, uma ferramenta pode não ser tão simples de desenvolver, então ela geralmente é ofertada mediante pagamento ou (o que nos interessa) em troca de informações do usuário.

E não se preocupe! Sua ferramenta não precisa ser mirabolante. Na verdade, o melhor é criar ferramentas específicas, simples de usar e que atendam uma demanda da sua persona. Isso inclui, por exemplo, calculadoras, planilhas e ferramentas de criação.

A Rock Content, por exemplo, criou algumas ferramentas interessantes para seus potenciais clientes e que geram resultados ótimos para a empresa. Confira:

7. Faça quizzes

Quem nunca fez um quiz no Buzzfeed que atire a primeira pedra! Brincadeiras a parte, os quizzes são uma ótima forma de engajar o usuário e chamar a atenção.

A sugestão para conseguir aumentar sua lista de emails com eles é deixar um formulário ao mostrar o resultado do quiz com uma oferta relacionada a ele.

8. Crie conteúdo

O Marketing de Conteúdo já deixou de ser uma tendência de marketing e se tornou praticamente obrigatório para empresas que querem obter bons resultados online. E como criar conteúdo pode fazer crescer a sua lista de emails?

Primeiro, por aumentar suas chances de ser encontrado pelo usuário, a partir de um bom trabalho de SEO e divulgação. Com isso, é possível inserir diversos pontos de conversão no conteúdo, que veremos mais detalhadamente a seguir.

marketing de conteudo primeiros passos

9. Insira CTAs nos seus blog posts

Agora que já vimos alguns tipos de materiais que você pode ofertar, é hora de entender como ofertá-los. O primeiro bom passo é inserindo CTAs dentro dos seus blog posts.

Os CTAs podem ser usados em diferentes formatos, sendo os mais comuns texto, imagens e box em destaque. E lembre-se: o CTA pode ser inserido em diferentes pontos do texto. Assim, encaixe-o onde fizer mais sentido, e use vários deles para ofertar mais materiais (mas não exagere, ok?).

Para acompanhar a eficiência de cada formato, é recomendável usar as UTMs, padronizando o que você quer identificar como mais eficiente.

10. Disponibilize os conteúdos em áudio

O conteúdo em áudio também tem se mostrado um investimento promissor em marketing digital, tanto por tornar o conteúdo mais acessível, quanto por permitir o consumo on the go. O crescimento dos podcasts nos mostra que as pessoas têm gostado de ouvir.

Então que tal disponibilizar alguns dos seus conteúdos em áudio? Por meio de um simples campo de email, o usuário poderá ouvir a postagem, em vez de lê-la, gerando valor para ele.

11. Ofereça um cupom de desconto

Que tal oferecer um cupom de desconto para os usuários que preencherem um campo de email ou se cadastrarem na newsletter? Essa é uma oferta com incentivo direto e monetário, que evidencia um benefício direto para o usuário.

Para potencializar isso, ainda é possível tornar o cupom por tempo limitado ou alterá-lo de acordo com a data.

Assim, em datas comemorativas, como o Natal, oferecer cupons especiais pode ser uma boa estratégia. No cotidiano, um cupom de 10% de desconto na primeira compra já promove um maior engajamento.

use descontos para crescer sua lista de emails

12. Ofereça um brinde

Essa oferta funciona da mesma forma que a anterior, mas dessa vez com um brinde para o usuário que se inscreve na newsletter e faz uma compra.

O brinde atua como um incentivo e promove a sensação de benefício, portanto é uma ótima ideia. Para criar o senso de urgência, você pode limitar o tempo da oferta ou a disponibilidade de brindes.

13. Ofereça um período de free trial

Esse recurso funciona principalmente para ferramentas e serviços on demand. A ideia é simples: deixar que o usuário experimente por um tempo limitado o seu produto antes de comprá-lo.

Isso é interessante por dois motivos: primeiro, você consegue informações detalhadas daquele potencial cliente, e não apenas o email; segundo, as chances de conversão aumentam com um menor esforço por parte da equipe de vendas.

Algumas empresas já usam este recurso, como a mLabs:

use free trials para crescer sua lista de emails

14. Promova concursos ou sorteios

Uma boa estratégia também é promover concursos e sorteios em que uma das condições de participação seja o email do usuário.

Você pode sortear algum produto ou serviço, no caso de sorteios, ou, no caso de concursos, fazer perguntas para o usuário, pedir que eles criem algum projeto pertinente à temática do negócio, façam uma foto com o produto e por aí vai.

15. Insira formulários nos seus blog posts

Assim como os CTAs, os formulários são uma ótima estratégia para blog posts. Eles são especialmente valiosos por permitir a conversão do usuário na própria página, não havendo assim a necessidade de um caminho mais longo (clicar em um CTA e migrar para um landing page para baixar o formulário).

Embora ambas as estratégias sejam eficazes, os formulários têm um potencial maior por encurtar o caminho. No entanto, eles podem ser maiores e/ou mais agressivos do que os CTAs.

Portanto, prefira usá-los pouco no conteúdo, dando preferência para os materiais mais importantes.

16. Use o header do blog…

O header (aquela faixa que fica na parte de cima do blog em destaque) pode ser um espaço bastante valioso para inserir um ponto de conversão.

A sugestão é deixar ali um convite para que o usuário assine a newsletter, como o campo de email já explícito.

17. … e o footer também

O footer, como o nome indica, é a faixa que fica na parte de baixo do blog. E você pode até pensar se é realmente valioso usá-lo, afinal, ele é bem menos visto.

E a resposta é “sim” justamente por isso: o usuário que chegou até ali está realmente interessado no conteúdo que consumiu ou nas informações da página. Portanto, sua chance de conversão pode estar ainda maior ao final de sua experiência (caso ela tenha sido boa, é claro).

saiba como crescer sua lista de emails usando o footer

18. Insira um ponto de conversão na sua home page

A sua home page é a vitrine do seu negócio online, o ponto de referência dos seus visitantes. Assim, ela provavelmente vai receber um número relevante de acessos.

Então você não deve deixá-la sem um ponto de conversão estratégico. Ele não precisa ser muito agressivo ou direto, tudo vai depender do seu negócio. A sugestão é inserir um pequeno CTA ou caixa de inscrição para a newsletter.

19. Use CTAs nas redes sociais

Se você acha que suas ações nas redes sociais devem ficar só por lá, é importante reavaliar essa concepção. Elas são excelentes ferramentas por si só, mas podem ser potencializadas quando usadas com objetivos conjuntos com outros meios.

Embora as redes sociais permitam uma sensação de proximidade muito forte, elas não são tão diretas quanto o email, em que a comunicação se dá exclusivamente entre a marca e o cliente.

Então que tal unir as duas e colocar CTAs para sua newsletter ou materiais ricos? Eu acredito que você já insira links para suas redes sociais na sua comunicação por email, e o contrário pode ser bastante interessante também.

Você pode usar CTAs em diversos pontos das suas redes sociais, como:

  • bio (essa vale para todas, mas principalmente Instagram e Twitter);
  • legendas de fotos;
  • foto de perfil ou capa (Facebook);
  • Instagram Stories.

Aprenda tudo sobre Redes Sociais

20. Use depoimentos de clientes a seu favor

Já pensou em usar depoimentos como provas sociais do valor da sua oferta? Você pode inserir depoimentos de clientes ou pessoas que já adquiriram aquele material bem próximo ao CTA ou na sua landing page, o que proporciona uma sensação de identificação.

21. Invista em anúncios

Os anúncios nas redes sociais ou em motores de busca são ótimos para momentos e objetivos estratégicos. Eles devem ser usados para direcionar o usuário para páginas de alto interesse para a empresa e que propiciem maiores chances de conversão.

Assim, além de escolher as palavras-chave certas para o anúncio, é ideal direcionar os usuários para páginas com alta taxa de conversão, como landing pages, página de produto ou contato e até mesmo blog posts com mais pontos de conversão.

22. Faça uma boa landing page

Já falamos bastante das landing pages por aqui, mas é preciso entender que não basta que ela exista: ela deve estar otimizada.

As landing pages são estratégicas, já que são páginas dedicadas exclusivamente para a oferta e conversão. O usuário que chega até ela já tem um interesse e cabe a você convencê-lo de que aquela oferta vale a pena o suficiente para que ele ofereça seus dados.

Existem vários pontos para otimizar em uma landing page, como as cores, as imagens a serem usados, os campos para preenchimento e o copywriting.

Antes de criar a sua, recomendamos a leitura deste post para entender o que você precisa fazer. Mais a frente, falaremos sobre testes que você pode fazer para conferir o que funciona melhor.

23. Use pop ups

Pop ups podem parecer bem inconvenientes, mas na verdade trazem resultados bons para estratégias de marketing, otimizando a conversão.

É claro que eles devem ser usados com cuidado, para não poluir o seu domínio e atrapalhar a navegação do usuário.

Tendo dito isso, é importante saber que você pode investir nos mais diferentes tipos de pop up, além de adequá-lo ao momento do usuário na sua página. Alguns exemplos:

  • pop ups de saída: aparecem quando o usuário move o cursor em direção ao “X”, ou seja, fechar a janela;
  • pop ups com inscrição para newsletter: são interessantes, pois o campo de email já fica evidente, e facilita que o usuário deixe seu contato;
  • pop up de acordo com o tempo de navegação: em vez de mostrar um pop up assim que o usuário chegar, você pode configurá-lo para aparecer 30 segundos ou até um minuto depois da navegação, o que é interessante por atingir usuários mais engajados com o conteúdo.

saiba como crescer sua lista de emails usando pop ups

24. Instale (e otimize) a Hello Bar

A Hello Bar é uma ótima ferramenta e vale muito a pena investir nela. Ela funciona na lógica do pop up, mas é altamente personalizável. É possível configurar a imagem de fundo, as cores, tamanho, posição na tela, copy, cores e a partir de quanto tempo de navegação ela aparecerá.

Ela é interessante por já disponibilizar o campo de contato para o usuário preencher de forma bastante evidente. Um outro ponto interessante dela é a personalização dos botões, o que permite que você use o texto para orientar a intenção de clique do usuário, como é o caso da Hello Bar da Ubersuggest:

saiba como crescer sua lista de emails com hello bar

A Hello Bar tem um potencial alto de conversão e grandes empresas já investem no recurso!

Quer experimentar a ferramenta? Utilize nosso link de afiliado e receba 1 mês de acesso grátis a Hello Bar. Basta se cadastrar aqui.

25. Ofereça opções diferentes de inscrição

Em vez de oferecer a mesma opção de inscrição para todos os usuários, que tal oferecer o que eles mais querem? Isso aumenta muito as chances de eles se interessarem em manter um contato com a sua empresa.

Assim, uma boa ideia é convidar o usuário a se inscrever na newsletter e permitir que ele escolha sobre qual assunto ele quer receber. Você pode oferecer entre 3 e 5 opções relevantes e segmentar seus envios baseados neles.

Um outro ponto interessante para segmentar é a frequência de recebimento. Muitos usuários cancelam o recebimento de newsletters por não se adequarem a frequência de envio. Portanto, deixe que eles escolham entre diário, semanal ou mensal, por exemplo. Isso é feito aqui no blog:

Use diferentes forma de inscrição

26. Faça testes nos CTAs

Como já mencionamos anteriormente, um CTA pode ter diversos formatos e estar em diversos pontos do site e/ou blog. Por isso, nada mais lógico do que testar qual formato funciona melhor para o seu negócio, certo?

Você pode testar as cores do CTA, usar ou não uma imagem, mudar o copywriting… Enfim, as possibilidades são várias. Mas o mais importante é testar sempre apenas um elemento, de forma que fique claro o que funcionou ou não.

27. Faça testes nas landing pages

Nas landing pages existem também vários pontos de teste. Você pode focar na estrutura da informação: serão usados fotos, vídeos, gráficos ou apenas texto.

O copy também é um ponto interessante. Que tal mostrar de forma detalhada o que será tratado no material? Você pode estruturar a informação em tópicos, por exemplo, e negritar o que for mais importante.

É importante focar nas cores. Uma mudança de cores afetaria de forma positiva ou negativa a taxa de conversão daquela página?

Por fim, é essencial testar os campos do formulário. Mude-os de acordo com o que faz sentido para o negócio e também entendendo quais informações são necessárias. Facilite o preenchimento e deixe o processo mais fácil, isso pode ter impacto positivo nas conversões.

Se você chegou até aqui, tenho certeza que está interessado em uma estratégia de email marketing de resultados, e não poderia ser diferente. Agora que você já sabe como crescer sua lista, recomendo que você entenda como gerenciá-la. Confira neste material.

guia nutrição de leads

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo