11 ferramentas para aumentar suas vendas

11 ferramentas para aumentar suas vendas

Usar boas ferramentas em sua empresa pode ajudar seus vendedores a ter um melhor desempenho. Conheça as 11 melhores ferramentas para aumentar as vendas!

Se tem algo que tira o sono de qualquer gestor de uma empresa é a necessidade de aumentar as vendas. O motivo? Quanto mais a organização vende, mais receita ela tem. E, consequentemente, mais condições de investir no seu negócio para se diferenciar dos concorrentes.

Essa é uma tática básica para sobreviver ao mercado. Ainda bem que existem algumas ferramentas (spoiler: a principal é um CRM) para vendas que podem ajudar nessa missão.

Não conhece ou ainda não usa alguma delas? Está perdendo tempo e dinheiro!

Vamos te auxiliar com isso, ok? Separamos 11 ferramentas para você impulsionar suas vendas. Veja abaixo:

1. XLite

Um dos melhores amigos dos vendedores é o telefone. Não importa se você escreveu um email claro, objetivo e explicativo: uma ligação tem mais valor para o consumidor. É a chance de fazer um contato mais humano e personalizado.

Se você tem uma equipe de vendas com 3 pessoas, até dá para manter um telefone celular ou fixo, mas se for um time com mais de 200 pessoas… Haja dinheiro para poder pagar as contas!

O XLite é uma ótima ferramenta. Além de permitir que você ligue para os seus clientes usando o computador, vai te ajudar a economizar muito no final do mês.

2. Skype e Google Hangouts

Nem só de ligações vive um vendedor. Há momentos que pedem uma reunião com o cliente. Visitar todos pessoalmente está fora de cogitação. Mas uma boa reunião pede um contato face a face, não é mesmo?

Nesse contexto, usar ferramentas como o Skype e o Google Hangouts são necessárias. Ambas são gratuitas e oferecem acesso a câmeras e chats, permitem o compartilhamento de telas e até fazer ligações. Escolha uma que os seus colaboradores terão mais familiaridade e abuse desse recurso.

3. Pipedrive

Organização é um dos requisitos básicos para um bom vendedor, pois contribui muito para ele saber qual lead abordar, no momento certo e com o discurso adequado. Contudo, como se manter organizado quando a sua cartela de clientes é grande? Usando um CRM!

Existem vários modelos de CRM. Entretanto, se essa ferramenta ainda é novidade para o seu time, opte por uma com a interface simples e intuitiva, como o Pipedrive.

O sistema permite ao vendedor registrar todas as informações de um consumidor, desde o seu primeiro contato até o pós-venda. Já para o gerente de vendas, o Pipedrive é útil para montar estratégias. O sistema gera relatórios que contribuem para a tomada de decisões e ainda permite acompanhar o desempenho de cada membro do comercial.

Outro ponto positivo do CRM da Pipedrive, além da gestão de vendas, é a opção de integrar com outras ferramentas. Essa possibilidade otimiza o trabalho do vendedor, que não precisa trocar de sistema na hora de realizar suas tarefas.

4. SEMRush

É comum achar que o SEMRush só pode ser utilizado pelo setor de marketing. Afinal, é uma das ferramentas queridinhas desses profissionais. Entretanto, o seu time de vendas pode se beneficiar com ele.

Como? O SEMRush deixa você comparar o site do seu lead com o do concorrente, visualizar quais as palavras-chave estão levando mais usuários para seu portal ou blog e apresentar uma análise aprofundada de como está o desempenho do cliente online.

Com essas informações em mãos, o vendedor consegue traçar estratégias para os clientes melhorarem a sua performance atual ou se anteciparem a uma tendência latente da sua área de atuação. Além do mais, os relatórios do SEMRush apontam a maturidade do consumidor, sendo uma ótima forma de saber se ele tem o fit necessário para a sua organização.

5. Universidade Rock Content

Bom, você deve ter achado estranho esse subtítulo, não é mesmo? Sim, a Universidade Rock Content não é uma ferramenta. Na verdade, ela é uma plataforma online com vários cursos sobre marketing digital.

Por que ela está nessa lista? Simples! Um dos maiores influenciadores no aumento das vendas é ter uma equipe qualificada. No cenário atual, a aprendizagem deve  ser constante, pois o consumidor (tanto B2B quanto B2C) está mais exigente.

Além de investir em treinamentos específicos, incentive as pessoas a fazer cursos que possam somar ao conhecimento de vendas. Na Universidade da Rock, além do curso de inbound sales, você pode melhorar suas técnicas de SEO, branding, email marketing e muito mais. É muito bom explorar outros assuntos e ampliar a mente e motivar o pessoal!

universidade rock content

6. Hunter

Você está navegando na internet e achou um lead perfeito e que combina com a sua empresa. No entanto, não consegue visualizar o email dele. Provavelmente, você vai ficar decepcionado em ver aquela oportunidade escapar, certo?

Com o Hunter essa realidade pode mudar. A extensão feita para o Google Chrome encontra os domínios de email em um site ou em redes sociais, como o Linkedin. E tem mais: ele já salva esses contatos em ferramentas como o CRM da Pipedrive, inserindo-os no seu funil de vendas.

Bom, nunca mais um endereço de email será problema para seu time de vendas!

7. Linkedin

Cada vez mais o Linkedin tem se tornado um espaço para fazer negócios. Como um gestor de vendas esperto que você é, já deve ter alguns colaboradores dedicados a garimpar alguns leads nessa rede social.

Para melhorar ainda mais o seu desempenho, use o Linkedin Sales Navigator. A ferramenta é oferecida pela própria rede social e tem como objetivo conectar compradores e vendedores. Com esse serviço, você consegue achar clientes  que mais se encaixam ao seu perfil de negócio, insights para oferecer soluções e ferramentas para construir um relacionamento mais próximo.

Outra ferramenta usada no Linkedin é a Rapportive. Ela é uma extensão do Google Chrome que possibilita que você visualize o perfil do Linkedin da pessoa com a qual está trocando emails. Essa função ajuda a criar relacionamento com o lead, pois você tem acesso a informações importantes para conseguir quebrar o gelo em uma conversa.

8. RD Station

Explore as ferramentas usadas em seu departamento de marketing. A RD Station, por exemplo, mesmo sendo um sistema de automação de marketing, pode ajudar a sua equipe comercial a aumentar as vendas.

A RD reúne várias informações sobre o lead, como os tipos de materiais que ele baixou, a frequência que ela acessa o site, as páginas mais visitadas, quantos e quais emails ela interage mais, quais emails ela abre e outros dados estratégicos.

Sabendo disso, o vendedor pode fazer um contato bem mais personalizado e próximo com o lead, podendo agradá-lo na primeira conversa. Atendimento bem feito, mais chances de fechar a venda, concorda?

9. Trello

Já falamos aqui e não custa repetir: organização é fundamental para um vendedor. Enquanto o CRM é mais focado na gestão de vendas, o Trello é ideal para organizar outras atividades da empresa.

A ferramenta permite a criação de quadros para ordenar as tarefas diárias e fazer comentários em projetos que envolvem mais gente, por exemplo. Com as informações concentradas em um só lugar e bem estruturadas, fica mais fácil se dedicar a conexão com o lead para fechar uma venda.

10. Newsle

Às vezes você precisa ligar para um prospect e não tem ideia de como puxar assunto. Se isso é um problema na sua rotina, a Newsle pode ser a solução. A ferramenta sempre te avisa quando algum contato do seu Linkedin, Facebook ou Gmail estiver na mídia. Assim, fica bem melhor encontrar um gancho para iniciar a conversa, não é mesmo?

11. Slack

A rotina de um vendedor é tão corrida, que abrir um email parece uma missão impossível. Nessas horas, o Slack pode ajudar o seu time a se comunicar com mais rapidez. Recados urgentes, marcações de reuniões internas, compartilhamento de arquivos importantes, tudo isso pode ser feito via Slack.

Você ainda pode criar canais com temas e times específicos para trocar as informações com as pessoas certas. É como um Whatsapp corporativo. Legal, né?

Mas como o Slack pode ajudar o time de vendas? Simples! Gastando menos tempo com questões de rotina, sobra mais prazo para trabalhar os leads.

Entretanto, mesmo com todas essas ferramentas disponíveis, não se engane! Elas não substituem o trabalho dos seus colaboradores. Se na sua equipe tem uma pessoa que não gosta de falar ao telefone ou muito desorganizada, dificilmente ter um CRM ou Skype vai ajudá-la a vender mais.

Contudo, se o time estiver motivado e alinhado, as ferramentas podem sim melhorar os índices comerciais e tornar o trabalho mais eficiente. Muitos recursos possuem versões de teste para sua organização experimentar antes de implementar. Faça o teste!

O que achou dessas ferramentas para vendas? Se você curtiu, compartilhe o post nas redes sociais e mostre aos seus amigos novas possibilidades de melhorar seu processo comercial!