Ferramentas para marketing imobiliário

Ferramentas para Marketing imobiliário: conheça as mais importantes?

O mercado da corretagem de imóveis está com a concorrência cada vez mais acirrada. Isso porque a crise econômica e a consequente alta na taxa de desemprego fez com que muitos profissionais de outras áreas ingressassem no mercado imobiliário.

A função, muitas vezes, pode ser exercida em qualquer lugar e sem muita burocracia. Além disso, pode servir como uma 2ª fonte de renda sem que o profissional precise abandonar o seu trabalho original.

E, por causa disso, o corretor precisa se diferenciar dos demais para alcançar o seu espaço nesse mercado tão competitivo. Mas como fazer isso?

Uma boa maneira de conquistar as melhores oportunidades e impulsionar os seus resultados é fazendo o uso de estratégias de marketing digital — que, além de serem ações que exigem pouco investimento, têm como foco atingir o público exato.

Neste post, vamos mostrar quais são as ferramentas essenciais para o marketing imobiliário como forma de melhorar a atração e o relacionamento com os seus clientes. Continue a leitura:

Gerador de persona

Você deve ter um tipo de público que geralmente são os compradores dos imóveis que são demonstrados por você, certo?

Essas pessoas possuem características semelhantes (como sexo, idade, classe social) e que fazem desses clientes o seu público-alvo.

O problema é que a definição dessas características são muito básicas, o que pode dificultar que as suas ações de marketing sejam mais direcionadas e assertivas.

Pensando nisso, o que vem sendo muito utilizado por grandes empresas e profissionais é a criação de personas (representação semi-fictícia do cliente ideal).

A persona inclui os atributos que constam no público-alvo, mas vai além desses dados básicos. Ela reúne informações sobre:

  • comportamentos;
  • desafios;
  • desejos;
  • influenciadores das suas decisões;
  • necessidades;
  • entre outras.

Para que você tenha uma ideia melhor, veja sobre como é o resumo de uma persona:

Maria tem 30 anos, é advogada e está prestes a se casar. Por causa disso, procura comprar o seu 1º apartamento. A sua intenção é financiá-lo, já que não tem o dinheiro total disponível para a compra. As suas pesquisas são realizadas, geralmente, pela internet, e ela busca um profissional que possa ajudá-la a encontrar um imóvel que caiba no seu orçamento.

Agora que você entendeu o que é uma persona, é preciso criá-la. E, para facilitar esse trabalho, você pode utilizar o nosso Gerador de Personas, uma ferramenta gratuita que foi produzida em parceria com a Resultados Digitais.

WhatsApp

Você conhece algum cliente que não utiliza o WhatsApp? Encontrar alguém que não tem o aplicativo de mensagens instalado no celular é uma tarefa difícil!

Já são mais de 170 milhões de usuários ativos por dia no WhatsApp, de acordo com informações divulgadas pela empresa.

Portanto, é uma ferramenta poderosa que pode ser utilizada como meio de atrair e de se relacionar com clientes.

Mas é claro que alguns cuidados devem ser tomados na hora de utilizar o WhatsApp:

  • utilize uma foto que transmita uma imagem profissional;
  • não fique enviando ofertas de imóveis. Isso é considerado spam e pode irritar o cliente;
  • esteja atento ao que você escreve. Evite o uso de gírias ou de uma linguagem muito informal;
  • analise os horários em que você envia uma mensagem e evite mandá-la na madrugada, por exemplo. Se for urgente, vale pedir desculpas pelo incômodo antes de falar sobre o assunto;
  • abuse do recurso de localização disponível no app para encaminhar o endereço exato do imóvel ou informar a localização onde o cliente deve encontrá-lo.

Email marketing

O email marketing é uma das ferramentas mais antigas do marketing digital, e, para muita gente, ainda é sinônimo de spam.

O que é verdade quando utilizado de maneira errônea com o envio de mensagens que não foram solicitadas pelo destinatário.

Mas, apesar disso, ele pode contribuir com resultados incríveis quando as campanhas são feitas de forma correta.

Segundo a CampaingMonitor, um email é 40 vezes mais efetivo na aquisição de novos clientes do que algumas redes sociais, como o Facebook e o Twitter.

A seguir, destacamos algumas dicas na hora de usar a ferramenta:

  • utilize títulos que despertem o interesse do cliente em abrir a mensagem;
  • seja pessoal! Em vez de assinar com o nome da imobiliária, utilize apenas a logo, com o seu nome acima;
  • use elementos visuais como fotos, desenhos ou até mesmo vídeos de imóveis para potencializar a mensagem que você quer passar. Mas nada de exagerar e poluir o e-mail;
  • produza um conteúdo interessante! De nada adianta ter um título atrativo, um design impecável, se o conteúdo não está adequado nem útil para o seu público.

Customer Relationship Management

Customer Relationship Management (CRM) é um sistema de gerenciamento de clientes que ajuda o profissional a organizar tarefas e processos de forma integrada.

Como o dia a dia do corretor geralmente envolve o atendimento de vários clientes, é natural que as informações se confundam ou se percam.

Para isso, o CRM pode ajudar nesse armazenamento de dados de maneira que melhora o relacionamento, controla os atendimentos e faz os planejamentos de vendas dos clientes de maneira mais precisa.

Uma das principais vantagens do CRM é no aspecto da personalização no atendimento. Isso porque o corretor de imóveis pode cadastrar todas as informações do consumidor — como o perfil do imóvel, localização, preferências, valor etc.

Assim, você pode atendê-lo de acordo com as necessidades específicas de cada um deles, mostrando exatamente o imóvel que ele deseja.

Facebook

O Facebook é a maior rede social do mundo, com 1,94 bilhão de usuários ativos, segundo o último levantamento divulgado pela empresa. Isso quer dizer que grande parte dos seus clientes e dos seus potenciais clientes estão nesse canal.

Além da audiência, o Facebook também conta com recursos que possibilitam a segmentação do seu público, fazendo com que os resultados sejam ainda mais assertivos.

Sem contar que o preço das estratégias realizadas nesse canal costumam ser bem mais baratos do que as panfletagens, por exemplo, que é um tipo de ação tão utilizado no meio da corretagem e que muitas vezes não trazem nenhum retorno.

Confira algumas dicas de como utilizar o Facebook para vender imóveis:

  • faça vídeos exibindo os imóveis, pois eles podem mostrar de forma mais realista como são os espaços. Os vídeos também precisam ser criativos, e, para isso, você pode dar dicas de como decorar algum cômodo, por exemplo;
  • anuncie no Facebook Ads, a ferramenta de anúncios do Facebook. Com ela, você pode segmentar os seus anúncios por renda, localidade, comportamento e até mesmo preferência por bens de alto, médio ou baixo valor;
  • publique, na fan page, conteúdos relacionados ao ramo imobiliário que sejam úteis e interessantes para o seu público. Não fique postando apenas assuntos que envolvam diretamente as suas vendas.

Além dessas ferramentas, existem outras que podem te ajudar no marketing imobiliário. Uma delas, que não foi citada aqui, é o Instagram. Neste post mostramos como utilizar esse canal para as vendas. Confira!