Anatomia do post perfeito para redes sociais

A anatomia do post perfeito: como criar uma postagem ideal para Facebook e Instagram?

Formato, texto, emojis, horário... São vários os detalhes a se prestar atenção ao fazer uma postagem nas redes sociais da sua empresa, não é mesmo? Neste post, vamos oferecer a você instruções baseadas em dados para construir o post perfeito para as redes sociais.

Você provavelmente já se perguntou: como fazer uma postagem perfeita nas redes sociais?

Após um estudo da Quintly de mais de 10 milhões de posts, vamos mostrar para você como fazer uma postagem matadora nessas mídias.

Fazer marketing nas redes sociais nunca foi fácil. Afinal, são muitas mudanças que acontecem todos os dias e as variáveis para o sucesso são incontáveis.

Cada detalhe em uma postagem pode fazer uma diferença estrondosa em seus resultados, e eles são muitos. Formato, tamanho do texto, emojis e hashtags são apenas algumas dessas características.

Engajamento provavelmente é um dos objetivos de sua estratégia. Então saiba que tudo isso influencia diretamente no relacionamento com seus seguidores.

E você pode descobrir como utilizar desses detalhes a seu favor.

Afinal de contas, quais são os detalhes do post perfeito nas redes sociais?

Descubra com a gente a anatomia desta postagem almejada no Facebook e Instagram. É só continuar a leitura:

Construindo o post perfeito no Facebook

O Facebook, apesar da crise em que se encontra, ainda é a maior rede social do mundo e uma plataforma imprescindível para qualquer empresa.

No entanto, seu algoritmo complexo e com mudanças contrárias aos objetivos das empresas faz com que seja difícil entender como deve ser uma postagem nesta plataforma.

Isso só reforça a importância de entender a fundo o que realmente funciona.

Com análise de tamanho de texto, tipo, data, curtidas, comentários, compartilhamentos, interações, reações, emojis e hashtags, vamos entender: como construir uma postagem infalível nessa rede?

Tipo de postagem

A todo momento procuramos maneira de diversificar nossas postagens no Facebook, principalmente porque o algoritmo prioriza determinados formatos em detrimento de outros.  

Os resultados mostram que a maioria das postagens feitas na rede são links externos, seguidos por imagens e, por fim, vídeos. Como podemos ver no gráfico:

Tipo de post Facebook

É interessante notar a predominância de postagens de links, mesmo que esse formato seja o mais desvalorizado pelo Facebook. Já os vídeos, que geralmente são priorizados pela rede social, estão presentes em apenas 13% das postagens.

Isso pode ser explicado por uma simples questão logística, em qua compartilhar um link de seu blogpost, por exemplo, é mais prático do que produzir um vídeo ou uma imagem.

Por outro lado, esses dados também apontam como o conteúdo em vídeo ainda é subestimado pelas marcas, o que é muito contrastante com a média de interações que recebem quando comparada à outros tipos de postagem. Confira o gráfico abaixo:

Média de interação por tipo de post Facebook

Os vídeos claramente lideram o engajamento na rede. Levando em conta que esses formatos performam melhor e são valorizados pelo algoritmo, precisamos investir neles cada vez mais.

Uma sugestão é pensar em uma logística de produção que envolva um número menor de postagens, mas investindo recursos nos formatos mais efetivos.

Data de postagem

Qual o melhor dia para publicação?

Este é um dos detalhes que mais depende de suas personas.

É importante ressaltar que estamos conversando aqui de números gerais, já que é extremamente difícil analisar cenários muitos específicos (só você pode fazer isso com a sua marca).

E por isso, é essencial entender o que funciona para sua estratégia.

Distribuição de postagem por dia Facebook

A maioria das marcas acreditam que postar nos dias da semana trazem mais resultado, por isso, 79% das postagens analisadas são publicadas nesse período.

No entanto, será que essa percepção é real?

De acordo com a pesquisa da Quintly, não.

Mais da metade das postagens analisadas nos finais de semana tiveram resultados superiores dos dias da semana. Mas por que isso acontece?

Em certo momentos temos a ilusão que os finais de semana são marcados pelos usuários desconectados, pois estão fora de casa.

Isso pode até ser verdade em alguns casos, no entanto, no cenário em que vivemos, a conexão das pessoas é cada vez maior graças aos dispositivos móveis.

⏰ Para entender mais sobre dias e horários de postagem por setor, confira nosso post sobre horário de postagens para cada rede social.

O que é importante entendermos é qual tipo de conteúdo você compartilha em cada dia da semana.

Postar um conteúdo denso em um sábado a noite é um tiro no pé. Nesses períodos específicos é interessante pensar em conteúdos interativos e que vão gerar conversação entre amigos, colocando sua marca na boca de todos.

Tamanho do texto da postagem

Independente do formato de sua publicação, o texto de chamada é um adicional poderoso, podendo ser o ponto decisivo para um leitor investir ou não na leitura de seu conteúdo.  

Mas qual é o perfeito equilíbrio para um bom texto introdutório para seu post?

Muitas vezes menos é mais. E a maioria das publicações investem em até 150 caracteres. No entanto, às vezes até esse número reduzido poder ser demais.

Para termos uma noção mais palpável, vamos ver uma legenda de até 150 caracteres e uma de 50 caracteres para o mesmo conteúdo — no caso, o conteúdo é “Melhores horários para postagem nas redes sociais”.

  • Exemplo de até 50 caracteres:

“Domine as principais redes sociais agora mesmo.”

  • Exemplo de até 150 caracteres:

“Quer encontrar sua audiência nos momentos certos? Descubra os melhores horários para postagem nas maiores redes sociais do mundo.”

Qual exemplo é o melhor em sua opinião?

Eu, particularmente, acredito que o segundo é mais eficiente, pois introduz o conteúdo e mostra o valor dele para o leitor. No entanto, o primeiro tipo de chamada costuma engajar mais.

Como podemos ver:

Tamanho do texto Facebook

Pode parecer estranho, mas um número baseados em 10 milhões de postagens não mente.

Então precisamos buscar entendê-los e como podem ser aplicados em cada realidade.

A primeira hipótese que surge é a de que poucas pessoas realmente param para ler a chamada antes de ler um conteúdo ou visualizar uma imagem. Assim, outros elementos da publicação, como design e título do conteúdo são pontos de conversão mais eficientes.

Além disso, precisamos analisar como esses caracteres estão sendo utilizados. No exemplo que mostrei: “Domine as principais redes sociais agora mesmo:”, é difícil entender como ele performaria melhor que o segundo exemplo.

Agora se os 50 caracteres fossem usados para fazer uma pergunta, por exemplo, talvez a história seria outra.

Imagine a chamada: “Quais horários mais funcionam para vocês?”. Em apenas 41 caracteres, conseguimos incentivar o leitor a clicar no conteúdo e ainda deixar seu comentário.

Se seu objetivo é gerar interações, fazer perguntas e incentivar a participação do usuário são sempre boas apostas.

Hashtags e emojis no texto da postagem

Esses aditivos são, por muitas vezes, subestimados ou ignorados em publicações nas redes sociais.

Com pouca utilização dos mesmos, será que vale a pena o seu investimento?

Vamos analisar alguns dados antes de dar uma resposta:

Hashtags Facebook

O uso das hashtags no Facebook, como você pode ver, é mínimo. Além de pouco usadas, elas não trazem resultados significativos.

Prova disso é que postagens com nenhuma hashtag performam melhor do que aquelas que possuem alguma hashtag. Se podemos tirar alguma lição disso é que o Facebook não é o lugar para este recurso.

E os emojis? Já sabemos que eles são oportunidades para deixar o texto mais descontraído  fortalecer a conexão com usuários, principalmente os mais jovens. Mas será que eles podem ajudar a aumentar seu engajamento? Pelo visto sim, como veremos a seguir:

Emojis Facebook

Apesar da grande maioria de postagens não apresentar qualquer emoji, as que os contém se aproveitaram disso.

Como podemos ver, não postar nenhum emoji é a pior opção, sendo até mesmo melhor postar mais de 10 emojis.

Mas vá com calma! Qualquer tipo de exagero pode ser prejudicial.

Foque em postar sua chamada com 1 ou 2 emojis, como uma forma de completar seu texto e conduzir alguma reação no leitor.

A anatomia do post perfeito no Facebook

Como é então a anatomia do post perfeito no Facebook?

Texto:
Até 50 caracteres, com investimento em perguntas.
Sem hashtags e com pelo menos 1 emojis.
Formato:
Vídeos e imagens.
Data de publicação
Finais de semana.

Construindo o post perfeito no Instagram

O Instagram se posiciona cada vez mais como a melhor alternativa diante da decadência do Facebook. E cada momento nessa plataforma precisa ser gasto da melhor forma possível.

Mas como garantir o sucesso em uma rede social que cresce exponencialmente e que atrai um número gigante de empresas?

Confira as dicas a seguir!

Tipo de postagem

Diferente do Facebook, no Instagram temos menos opções de formatos de conteúdos e você com certeza vê mais imagens do que qualquer outro tipo de postagem. Confira o gráfico a seguir:

Distribuição das postagens por dia Instagram

Essa predominância não é surpresa para ninguém.

No entanto, novamente podemos perceber como ainda existe muito investimento para ser feito em conteúdos audiovisuais. Isso é ainda mais perceptível quando observamos a interação em relação ao tipo de conteúdo:  

Interações Instagram

Novamente, vídeos geram mais engajamento e não podem ser menosprezados.

Além disso, o contraste entre o número de publicações no formato de imagens e sua média de interações traz insights interessantes.

Quantas vezes você já viu uma imagem no Instagram? E quantas vezes viu um carrossel? Com certeza já viu mais fotos e imagens, certo?

Carrosséis não demandam a produção de um vídeo e geram mais engajamento que uma imagem sozinha.

Que tal começar a investir neles? Desde álbuns de fotos de eventos até o compartilhamento de algum conteúdo em diversas partes, esse formato é dinâmico e incentiva o engajamento.

Data de postagem

Quando se fala em data de postagem, temos a tendência de replicar o mesmo raciocínio que já falamos: as pessoas estão mais conectadas durante os dias da semana.

Mas podemos pensar também por uma outra ótica.

Quando você acredita que os usuários mais postam fotos e compartilham sobre suas vidas?

Quando estão fora de casa, ou seja, majoritariamente nos finais de semana. Isso significa que eles estão conectados no Instagram principalmente nesses dias.

Distribuição das postagens por dia Instagram

Apesar de o gráfico indicar a predominância de postagens durante a semana, os dados de engajamento dizem outras coisas. Postagens durante o final de semana tem um bom número de interações, até mesmo maior que nos dias da semana.  

Isso pode ser um ponto que reforça nossa teoria acima ou simplesmente mostra que as empresas estão conseguindo distribuir bem seus tipos de conteúdo, com postagens mais leves e divertidas aos sábados e domingos, e mais teóricas e densas durante a semana.

Tamanho do texto da postagem

Escrever uma legenda para uma foto no Instagram pode parecer uma tarefa simples, mas ela está totalmente ligada ao seu sucesso.

Afinal, ela é o que os usuários utilizam para entender melhor a imagem e seu contexto.

Geralmente o tamanho de texto vai de 0 a 150 caracteres, com uma surpreendente grande incidência para a ausência de textos.

Ou seja, muitas empresas estão compartilhando conteúdo sem nenhuma chamada. Mas será que essa é uma boa estratégia?

Tamanho do texto Instagram

Se julgarmos pela média de interações, podemos concluir que não é a pior das estratégias. Afinal, só perde para textos de 1 a 50 caracteres.

Já sabemos então que menos é mais, mas o número exato vai depender do seu conteúdo. O quanto ele se explica por si só?

No entanto, existe um outro detalhe fundamental para prestar atenção no Instagram: as hashtags.

Hashtags e emojis no texto da postagem

Hashtags são um dos principais pontos do Instagram, principalmente se sua marca quer ganhar visibilidade.

Apesar de os números mostrarem uma boa média de interações para postagens com nenhuma hashtag, ela não considera o considerável aumento de visibilidade que uma postagem pode ganhar a partir do uso correto das hashtags.

Hashtags Instagram

Invista em pelo menos três hashtags importantantes para sua empresa e área de atuação.

Aqui na Rock temos pelo menos três que sempre utilizamos: #marketingdigital, #rockcontent e #marketingdeconteudo. E, dependendo da postagem, investimos em hashtags relacionadas a ela.

E quanto ao uso de emojis? Temos um cenário semelhante ao do Facebook, no qual existe pouco investimento em emojis.

No entanto as postagens com mais de dez emojis, apresentam os maiores números de interações, seguido por aquelas com um a três emojis, o que consideramos o ideal.

Pense em seu público e tente utilizar um emoji para simular a reação que você espera que ele tenha ao visualizar seu conteúdo.

A anatomia do post perfeito no Instagram

A anatomia do post perfeito não é muito diferente do Instagram para o Facebook. Mas como ela é?

Texto:
De 0-150 caracteres.
De uma a 5 hashtags e com uso moderado de emojis.
Formato:
Vídeos e carrosséis.
Data de publicação
Finais de semana.

Apesar de falarmos sempre da postagem perfeita, queremos deixar claro que ela existe somente para os números. Perfeito é aquilo que funciona para sua estratégia.

De nada adianta você seguir todos esses dados e esperar os mesmos resultados, sua estratégia é sua e deve ser única. Seu público possui seus próprios hábitos e você deve sempre levar o comportamento dele em conta.

Este conteúdo é uma forma de guiar seus esforços e ajudar você a entender as melhores práticas de forma geral. Tenho certeza que algum desses detalhes vai funcionar para você também e é isso que esperamos.

Esses dados foram extraídos do relatório da Quintly que analisou mais de 10 milhões de postagens. Confira o relatório completo aqui.

Se você quiser aprofundar ainda mais seus estudos sobre marketing em redes sociais, recomendo nosso ebook completo sobre o assunto!

Kit Marketing nas Redes Sociais

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo